domingo, 29 de março de 2020

ISOLADOS e DESOLADOS



Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

Se conseguirmos abstrair a raiva que nos acomete em razão da mudança forçada de nossas rotinas, teremos uma oportunidade rara de analisar o cenário geopolítico subjacente.

Não tenho dúvida de que esta e outras crises recentes foram “fabricadas” por institutos de estudos psicossociais existentes no exterior.

O Brasil é, ao mesmo tempo, cobaia, alvo e objeto de desejo da cobiça internacional.

Com instituições frágeis, miscigenação racial e baixo nível cultural de seu povo, aqui tudo é possível.

Não sei como vai acabar a quarentena; nem como, nem quando.

Talvez termine de maneira diferente em cada rincão do país.

Com ou sem derramamento de sangue.

Se houver desobediência civil em larga escala, estaremos salvos.

Se prevalecer a truculência, arrogância e audácia dos tiranetes de ocasião, aí sim corremos o risco de fragmentação territorial do Brasil, para vergonha dos militares e tristeza dos patriotas civis.

Como todo bom médico, façamos o diagnóstico partindo do pior cenário.

Nas regiões mais civilizadas haverá guerra civil com grande probabilidade de vitória dos que se recusam a ser escravos.

Nas partes mais atrasadas cultural e economicamente, nada mudará muito.
Passa-se do antigo “coronelismo” para um regime autoritário pós-moderno.

Quem for vivo verá.


Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

Um comentário:

Anônimo disse...

Nessa camisa está faltando, a marionete intelectual do inferno que o povo brasileiro vive hoje que é o bicudo covard 45. Esse é o maior responsável pela tragédia brasileira. O resto é apenas massa de manobra dele mesmo.