quinta-feira, 19 de março de 2020

Solavanco



Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

A “lavagem” cerebral na juventude Nem-Nem foi tão grande que idiotas, moradores nos melhores bairros de São Paulo, gritam slogans contra Bolsonaro.

Superprotegidos pelos pais “burgueses” foram presa fácil para os traficantes de drogas.

Esses bocós não têm mais salvação. Perecerão mais cedo ou mais tarde ou na guerra civil ou no combate contra as forças da Lei e da Ordem.

Agora estão em desespero. Sem as “boquinhas” da esquerda não podem mais sustentar seu estilo de vida.

Se acham no “direito” de incomodar os vizinhos com barulheia e gritaria.

Olhando sem reservas, a pandemia irá liquidar muitos deles uma vez que suas noções de higiene, sua promiscuidade e sua falta de ética os tornam mais vulneráveis.

Fétidos e incultos, que mais podem esperar.

A Escola de Frankfurt fez um “trabalho” espetacular no Brasil.

Levaremos pelo menos trinta anos para reparar a avaria grossa no tecido social.

Esses infelizes é que compõem a “milícia” dos políticos sem escrúpulos que nos tem roubado nos últimos trinta e cinco anos.

É obvio, que nunca enfrentaram armas de grosso calibre.

O dia chegará, queira ou não a onça entorpecida.

Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

Um comentário:

Anônimo disse...

Verdade. Com esse caos que nos vivemos penso que vai chegar esse dia, infelizmente. Ou guerra civil ou a dona onça terá que ir beber água.