quinta-feira, 5 de março de 2020

Vitória apertadinha de Bolsonaro



Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net
Siga-nos no Twitter - @alertatotal

O Flamengo estreou com vitória na busca do tricampeonato da Taça Libertadores da América. Ganhou do Junior de Barranchilla, da Colômbia, por 2 a 1. O problema é que venceu, porém não convenceu. O time demonstrou um certo “salto alto”. Sobrou toque de bola improdutivo. Faltou marcação sobre pressão. O ponto fraco continua sendo a pouca quantidade de chute direto ao gol. O Mengão correu riscos desnecessários. O técnico Jorge Jesus, pela fisionomia, durante o jogo, não gostou do desempenho rubro-negro, apesar do triunfo.

Quem também comemora uma vitória pragmática é o palmeirense Jair Bolsonaro, que hoje passa o dia “noivando” politicamente com Paulo Skaf (Presidente da Federação das Indústrias de São Paulo). Não estamos falando dos 2 a 0 do time treinado por Vanderlei Luxemburgo – que demonstra que será o grande rival do Flamengo em 2020. Bolsonaro respira aliviado com o acordo costurado com o Congresso que manteve os vetos presidenciais ao projeto de lei do Orçamento. Deputados e senadores acham que ganharam o jogo, porque conseguiram manter o controle sobre uma fatia grande (R$ 19 bilhões dos R$ 30,1 bilhões) em emendas parlamentares.

O placar ultra-folgado de 398 a 2 apenas ilude e esconde as dificuldades e o desgaste do governo nas negociações com os rebeldes congressistas sempre sedentos por verbas para fazer festinha em ano eleitoral. Bolsonaro teve de ceder, para a “vitória” acontecer. O Congresso também rejeitou vetos do presidente a itens do projeto que altera a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO). O governo ficou proibido de bloquear recursos em seis áreas. No entanto, pragmaticamente, a equipe econômica ganhou um fôlego de R$ 9,6 bilhões para cobrir despesas discricionárias ao longo de 2020.

Gol contra absoluto? O craque Ronaldinho Gaúcho e seu irmão Assis triunfo denunciados pelo Ministério Público do Paraguai. Motivo: entraram no País usando documentos falsos de lá. Os dois estão com os passaportes apreendidos, por causa de um processo ambiental no Rio Grande do Sul. O estranho é por que não usaram a Carteira de Identidade normal brasileira. O Mercosul permite o uso dela para o livre direito de ir-e-vir. O caso ganha repercussão mundial porque o jogador está em meio aos festejos de 40 anos.

Segue o jogo... Dia 15 teremos manifestações na rua...Os políticos temem tomar uma goleada... Será o preço a ser pago por chantagens e traições à Pátria sem chuteiras...

Colabore com o Alerta Total

Jorge Fernando B Serrão

Itaú - Ag 9155 cta 10694 2

Banco do Brasil - Ag 0722-6 cta 209.042-2

Caixa (poupança) - 2995 013 00008261-7

Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

Jorge Serrão é Editor-chefe do Alerta Total. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.  A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Apenas solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 5 de Março de 2020.

4 comentários:

Anônimo disse...

MAIA, O ENGAVETADOR
05/03/2020
O Podemos cobra de Rodrigo Maia a votação da proposta que acaba com o foro privilegiado. Ele prometeu a votação para 2019, mas parece não ter interesse. O projeto completa 450 dias nesta quinta-feira (5).

Do Claudio Humberto: https://diariodopoder.com.br/coluna-claudio-humberto/

Loumari disse...

Palhaços anunciam PIB de 1% e gargalham no dia em que pobres e miseráveis contam seus mortos...

https://www.youtube.com/watch?v=r4tT-KcaXyY

05.03.2020

Marcelo Baglione disse...

https://www.livescience.com/amazing-women-in-math-and-science.html?utm_source=notification

Marcelo Baglione disse...

Serrão, boa tarde,

Enquanto estiver me vigência a atual Constituição, nada irá adiantes, porque ela foi propositadamente constituída cheia de rachaduras e goteiras que permitem o favoreciment da organização do crime e, principalmente, de sua impunidade. Ela não é uma Carta, mas uma Marca do quanto somos colonais quinhentistas, ainda - e não se sabe até quando. O pior de tudo é a confusão que ela cria, em vez de reger a ordem e o equilíbrios entre os Três Poderes. O Consgresso e todas as Câmaras deveriam ser dissolvidas, para a realização de novas eleições. Ou você acha que esta vara de margianais que lá estão tem condições de criar um Carta Magna? VIVAS AO PARAGUAIA, O NOSSO GRANDE TRITONGO DO CONE SUL QUE FAZ USO DE ALGEMAS. MAS O GILMAR E O STF NÃO GOSTAM.
Meu T.

M.