quarta-feira, 8 de abril de 2020

Dolia quel um Lio Pinhelos?



Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Elcio Ribeiro Filho

Provocações que faço nesses tempos de coroneurose, que fazem a gente esquecer que esse ano tem eleições municipais e que temos problemas muito mais importantes a refletir, mas que os políticos no desmando atual querem que vocês não pensem.

Leia-se no título da matéria: o CaronaVirus João Dória, em conluio delitivo com o Partido Comunista Chinês, pretende vender o monopólio da água potável em São Paulo para o PC Chinês.

Os rios da cidade de São Paulo são mantidos artificialmente como lodos tóxicos para:

1 - impedir a navegabilidade de transportes de passageiros e de cargas (isso em conjunto com as pontes-barreira que os políticos construiram para favorecer o modal rodoviário, o mais caro e mais lucrativo aos políticos, do ponto de vista do balcão de negócios espúrios dos mesmos, conhecido pelos pseudo técnicos jurídicos como "regulação econômica"

2 - Garantir o monopólio da água pela SABESP, sociedade de economia mista que está em fase de privatização total e que será vendida pelo maior lance (não o maior lance aparente, mas o maior lance de propinas embolsadas pelo Deep State político do Estado de São Paulo no balcão paralelo), possivelmente nessa

Eu gostaria de saber dos ambientalistas veganos, defensores de ONGs da Amazônia (e não da Amazônia): quem deles sabe alguma coisa da história dos rios de São Paulo e dos desmandos políticos desde a implementação do plano diretor que determinou a morte da vias hidroviárias não só da cidade de São Paulo, mas do Estado como um todo, o que eles se deram ao trabalho de entender sobre esse assunto?

Onde estão os blogueiros ativistas na era da internet para denunciar o maior crime ambiental em continuidade delitiva da história desse país?

Não falam nada porque estão dominados pela possessão ideológica e pelas falsas causas que lhes alimentam para ficar postando nos seus feeds?

Querem se preocupar com realidades como a amazônica que a esmagadora maioria nunca nem foi (e quem conhece, sabe que a Amazônia é uma verdadeira terra de ninguém e que inclusive a "defensora ambiental" Marina Silva, queridinha dos ecoidiotas, tem a piscina cheia de ratos da extração ilegal de madeira do marido lá), enquanto gigantes hídricos, que se inserem na realidade de todos e permanecem em constante estado de putrefação semi-secular, fedem no quintal deles desde que nasceram?

Como disse o Dr. Ribas, candidato a prefeitura da maior cidade da América Latina:

"É missão da Sabesp tratar o esgoto que despeja nos rios.

É só parar de poluir , propositalmente, que os rios ficam limpos, é água corrente.

São Paulo é a “Terra entre Rios”, como o Tigre e Eufrates, berço da civilização . Portanto, nada justifica que seus rios sejam propositalmente poluídos, para que uma empresa mantenha o monopólio da água potável, para pagar dividendos a acionistas internacionais.

Isso é gigantesco crime ambiental , que fere a lei de segurança nacional."

Vamos devolver São Paulo para o povo!

#JoãoDóriaCaronaVirus #BruninhoPrefeitopBaladeiro #VamosDevolverSãoPauloParaoPovo #DrRibas2020

Elcio Ribeiro Filho é Advogado.

2 comentários:

Unknown disse...

Excelente matéria, sempre pensei porque cidades desenvolvidas limpam seus rios e no Brasil isto nunca acontecia, precisamos mudar isto,os interesses escusos não podem solapar a saúde, o saneamento e a ecologia,parabéns

Anônimo disse...

Li que os chineses estão comprando áreas no Aquífero Guarani.