sábado, 30 de maio de 2020

A Lei na UTI


Juízes nazistas em 1944

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Milton Pires

Qualquer Estado, em qualquer época ou lugar, que tenha como objetivo “eliminar” o Ódio da Política nada mais estará fazendo do que “enxugar gelo”, do que “varrer a areia da praia”.

O Estado foi, é e sempre vai ser a FONTE de todo ódio na Política. A saída, o controle para as ações revolucionárias, para tentação totalitária e para tudo aquilo que pretende destruir a Democracia e o próprio Estado de Direito não está na obediência à Lei, à Constituição ou na concepção da Ação Política mundana como alternativa à Guerra Civil.

Toda fonte, toda noção de Justiça de uma Sociedade sempre foi, é e há de ser transcendental à Realidade Política. No Brasil ela não existe mais. A Revolução Cultural acabou com ela e ninguém percebeu. Não há sentido em acreditar na Lei ou na Constituição como fonte da Ordem, da Justiça e da Ação Política capaz de acabar com o Ódio dentro dela.

Ah, mas isso que tu escreveste é Platão puro! Parece que eu "estou lendo a República” ou até mesmo “A Utopia”.

RESPOSTA – É! Isso é Platão PURO, sim...foi escrito aproximadamente 300 anos antes de Cristo, e continua válido...se tu achas que não continua válido..basta fazer o teste...basta CONTINUAR COM O INQUÉRITO DAS FAKE NEWS para ver se isso vai funcionar para "acabar com o teu ódio na Política"..

Uma Nação que tem PT, PSOL e PC do B como "Partidos Políticos legalizados" NÃO TEM DIREITO ALGUM DE FALAR EM "ódio na Política!

Uma Nação que tem Organizações como Rede Globo, Zero Hora, Folha de São Paulo legalizadas, com CPF, pagando imposto...não tem direito algum de falar em luta contra “fake news” nem contra o “ódio na Política”.

Não adianta inquérito no STF, não adianta recolher celulares, nem computadores nem prender gente...Olavo de Carvalho, Jair Bolsonaro, Sara Winter NÃO serão detidos com esse tipo de ação…e se forem detidos, outros à Direita ou à Esquerda hão de surgir no lugar deles.

A Justiça Brasileira ACABOU e, curiosamente, ao mesmo tempo que nós vemos que a Saúde Pública não existe mais, que a epidemia de COVID19 toma conta do Brasil, assim acontecerá com a Epidemia de Crimes, Injustiça e Violações da Constituição protagonizada pelo próprio Estado Nacional em agonia.

É o colapso final, é a Insuficiência Respiratória da Lei que o Brasil vai atravessar – para esta não existe respirador nem “leito de UTI”.

Milton Pires é Médico. Editor do Ataque Aberto.

Nenhum comentário: