sexta-feira, 22 de maio de 2020

O Mecanismo celebra a “conciliação”?


Edição Atualizada do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net
Siga-nos no Twitter - @alertatotal

Muitos concordam que estamos no meio de uma crise montada de forma maquiavélica e velhaca. O objetivo foi nos manter reféns do medo e da incerteza, diante de uma situação caótica muito bem articulada. Tudo parece preparado para que a insanidade e a insensatez reinem juntas, quase absolutas. A decretação da calamidade, na emergência de uma pandemia mortal, abriu espaço para que dirigentes públicos aproveitassem do regramento excessivo e da insegurança judiciária para abusar do poder e atentar contra as liberdades e direitos civis, com baixa e ineficaz reação do povo. Ah, também ganham uma boa grana nos esquemas superfaturados de compras e serviços sem licitação, na "emergência".

Os esplanadeiros celebraram como um “encontro histórico” a reunião meio presencial e virtual de ontem entre o Presidente Jair Bolsonaro, os governadores e os presidentes do Senado e da Câmara dos Deputados. No entanto, existem várias interpretações para o grande espetáculo teatral do poder, tendo como pano de fundo a tragédia do coronavírus e a crise econômica decorrente da maneira como nossos políticos lidaram com o problema, somada à desgraça estrutural do Estado Capimunista brasileiro. O certo é que o horizonte nunca esteve tão esquisito, com prognósticos nada otimistas.

Ontem se assistiu a uma composição política forçada pela gravidade dos acontecimentos. A conflituosa instabilidade sinalizou para todos (na guerra contra todos) que as disputas terminariam mal, com conseqüências desastrosas para todos os envolvidos na guerra institucional. Sempre que se vislumbra que o impasse vai dar merda, a oligarquia hegemônica movimenta seu Mecanismo para que promova, com urgência, a famosa “conciliação”. Os “poderosos” foram sensibilizados pelo risco de “estouro da boiada” – que não vai acontecer, porque os potenciais revoltosos, na essência, são medrosos e têm medo psicológico de uma repressão estatal violenta.

Executivo e Legislativo se viram forçados a promover uma trégua pragmática. O Presidente da República e seus Generais concluíram o óbvio ululante: que não governariam sem uma mínima base no Congresso Nacional. Quando ficou calara uma aliança branca, não declarada, mas muito escancarada, do Poder Judiciário, provocado sistematicamente pelos parlamentares e partidos políticos de oposição, o Governo Federal foi obrigado a acordar, antes que sofresse um golpe político-constitucional parecido com o aplicado contra a otária da Dilma Rousseff.

Para os próximos movimentos de avanço e recuo, ataque e defesa, na guerra institucional pretensamente em trégua, é recomendável aguardar qual será a atitude do Judiciário. A pancada que Bolsonaro ainda toma também liga o sinal de alerta nos parlamentares. Afinal, eles também podem ser alvos fáceis da máquina judasciária (que age com rigor ou perdão seletivos, conforme as conveniências). Por isso, na aliança de momento entre Executivo e Legislativo pode ocorrer um movimento para enquadrar os abusos de autoridade de alguns elementos do Judiciário.

Os militares, por exemplo, não querem dar um golpe, no estilo 1964. Acontece que os Generais, também, não aceitam sofrer golpes judasciários que atrapalhem a estratégia de poder que desenharam para tocar o Centro de Governo até dezembro de 2022 ou além. Alguns “deuses” do Supremo Tribunal Federal – qualquer bebê de colo sabe quais – insistem em agredir e confrontar o Presidente com discursos politicamente ilegítimos no meio de seus votos. Nesta toada, o pirão tem tudo para desandar.

Tudo pode acontecer – principalmente o inimaginável. A aparente “conciliação” beneficia a hegemônica Turma do Mecanismo. O Crime Institucionalizado continua no controle da situação, apesar da manifesta boa intenção do Capitão e seus Generais. O medo do coronavírus e a bagunça econômica deixam o povo com um misto de medo, insegurança e muita desconfiança.

Resumindo: Bolsonaro será atacado pelos inimigos de sempre, e será extremamente cobrado por aqueles que o elegeram Presidente. É hora de apresentar resultados concretos, objetivos, comprovados. Do contrário, vai fazer papel de figurante nos palácios do Planalto e da Alvorada. Este é o desejo do Mecanismo. Seria bom contrariá-lo...

Sexta Suprema

José Dias Toffoli palestra hoje, ao meio-dia, no LIDE Live – iniciativa do Grupo Dória que reúne lideranças empresariais.

O Presidente do Supremo Tribunal Federal fará uma breve exposição sobre o tema: "O papel do Judiciário no combate à crise e defesa da estabilidade política".

Às 17 horas, o ministro Celso de Mello anunciará se libera ou não o sigilo da reunião ministerial de 22 de abril, que Sérgio Moro considera como prova de interferência do Presidente Jair Bolsonaro na Polícia Federal.

Celso de Mello deveria liberar geral, para a gente ver, na real, como vai ficar a confusão entre o Judiciário e o Executivo.     









Colabore com o Alerta Total

Jorge Fernando B Serrão

Itaú - Ag 9155 cta 10694 2

Banco do Brasil - Ag 0722-6 cta 209.042-2

Caixa (poupança) - 2995 013 00008261-7

Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

Jorge Serrão é Editor-chefe do Alerta Total. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.  A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Apenas solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas.

©
Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 22 de Maio de 2020.

11 comentários:

Anônimo disse...




Pedimos aos leitores que não acreditem nos traidores do Presidente e povo brasileiro. Quem entrega o Brasil para o Partido Comunista Chinês não merece confiança e nem consideração.


Deixamos os links de dois videos, pedimos que assistam e compartilhem porque são denúncias muito graves e que sabemos que acontece não apenas no Brasil como na América Latina.

Aproveitamos e pedimos socorro ao Presidente Trump.



Esse do Coronel Carlos Alves falando sobre o video do juíz


https://www.youtube.com/watch?v=IbJelqgXDF0


Esse sobre uma certa invasão chinesa e envolvimentos de certos políticos daqui do Brasil. Lembrando que a cabala satanista está por trás do PCCh e dos traidores daqui do Brasil e da América Latina.


https://www.youtube.com/watch?v=U9_5rcf9vTM



Anônimo disse...

rvchudo
quinta-feira, 21 de maio de 2020

A Moral Pelo Avesso

A segunda condenação do Lula.

Passou em brancas nuvens – e isso, em si, já é um escândalo – a segunda condenação, em segunda instância (e por unanimidade), do ex-presidente Lula pelo Tribunal Regional Federal da 4ª Região, por corrupção passiva e lavagem de dinheiro. Entre outras coisas.

Há mais sete processos em curso, de igual ou mais grave teor – corrupção, lavagem de dinheiro e até envolvimento em homicídio (caso Celso Daniel) -, mas nada disso constrange mais ninguém.

A sentença de agora é de prisão por mais 17 anos. A primeira condenação, em segunda instância – e também por unanimidade -, pela gorjeta do tríplex do Guarujá, já o havia levado à cadeia, mas foi solto pelo STF, com a garantia de que só corre o risco de voltar quando (e se) o processo transitar em julgado. Pode levar décadas.

A Justiça não tem pressa. Há uma infinidade de recursos, em quatro instâncias, garantidos pela lei processual brasileira, uma das manifestações da infinitude. Bastam um bom advogado e um bom trânsito político – e o resto fica por conta das instituições, que, como se sabe, sempre funcionaram, não importa como.

Essa segunda condenação, em segunda instância, relativa ao sítio de Atibaia – outra gorjeta de empreiteiras, dentro da voracidade criminosa dos governos do PT -, deu-se há pouco mais de uma semana, no dia 6. Após o registro protocolar da notícia, o tema saiu de cena, como ocorre com as banalidades.

Afinal, nada mais natural que um ex-presidente da República, com duas condenações, em duas instâncias, por corrupção (palavra simplória para expressar a catástrofe que produziu), livre pelas ruas da cidade, sem qualquer restrição em seus deslocamentos, dentro e fora do país. Tornozeleiras eletrônicas? – nem pensar.

Lula vai morrer sem voltar à prisão, mas, sua maior condenação é a perda total de sua moral.

Não bastasse, sente-se à vontade, muito à vontade, para opinar e intervir na política do país, insultar o governo, questionar (vejam só) a integridade do presidente, como se nada devesse ao país – e à lei. Tudo isso, claro, com o apoio das instituições.

Marca reuniões políticas com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (que considera legítima a participação de um condenado na vida institucional do país); participa de debates na internet com lideranças políticas do porte do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (que se empenhou para que não fosse preso) e do ex-quase tudo Ciro Gomes; dá entrevistas às imprensa nacional e estrangeira, com a autoridade moral de um prêmio Nobel. Cumplicidade total.

Ontem, falou à imprensa internacional e acusou o presidente Bolsonaro de promover nada menos que um “genocídio” pelo fato de defender a flexibilização da quarentena e o uso da cloroquina no combate ao vírus: “Sou católico e fico rezando para que o povo brasileiro escape deste genocídio de irresponsabilidade causado por Bolsonaro”, declarou à Agência France-Presse.

E ainda: “Bolsonaro ameaça a democracia, as instituições, o povo brasileiro”. Ora, nada ameaça mais tudo isso (e mais alguma coisa) que a quebra da decência mais elementar na vida pública. Continua......

Anônimo disse...



rvchudo – continua II e termina.....

E isso, claro, não se restringe a Lula, mas a todos (a começar pelo STF) que fingem ignorar o seu passivo criminal e o dano coletivo que ocasionou. Um país cuja Suprema Corte preserva o sigilo de um assassino como Adélio Bispo, e não hesita em quebrar o do presidente da República a qualquer pretexto.

Em suma, um padrão institucional ao feitio de Lula.

(Ruy Fabiano, jornalista).
Postado por Ricardo Oscar vilete Chudo às 12:35
ANONIMO DIZ..
NOSSO PAIS NAO SABE O QUE E VERDADE E O QUE E MENTIRA. A BASTANTE TEMPO ATRAZ MENTIR MOSTRAVA O MAU CARATISMO E A FALTA DE VERGONHA DE UMA PESSOA. HOJE EM DIA CONSIDERAMOS MENTIR UM ATO NORMAL. SE NOSSOS JUIZES DA SUPREMA CORTE FOSSEM HONESTOS E DECENTES QUANDO TIVESSEM QUE OPINAR EM UM JULGAMENTO DAS PESSOAS QUE OS COLOCARAM COM O RABO SENTADO LA DEVERIAM SE JULGAR IMPEDIDOS. MAS AQUI E NORMAL NAO SO JULGAREM COMO SOLTEREM OS BANDIDOS. NOVE DEDOS FOI LIBERTO PELOS QUE OS COLOCARAM LA QUE INFELIZMENTE NAO TEM O MINIMO DE DECENCIA DE SE DECLARAR CULPADOS DE FATIAR TODOS OS PROCESSOS DO MALANDRO PARA QUE ELE PUDESSE ESCAPAR. POR QUE CONTINUA A RECEBER PRIVILEGIOS COM O DINHEIRO DO POVO BRASILEIRO QUE PAGA IMPOSTOS SE NAO E MAIS PRESIDENTE? POR QUE? POR QUE A DILMA BUCEFALA ESTA RECEBENDO TAMBEM E AS OTORIDADES DE BOSTA DO PAIS DOS TRES PODERES DE BOSTA E QUARENTA PARTIDINHOS MULAMBENTOS ACHAM ISSO NORMAL E NINGUEM FALA NADA INCLUSIVE OS QUE INGRESSARAM ESTA ANO DA CORTE DE BOSTAS DO PAIS? ONDE ESTA A VERDADE DOS VAGABUNDOS ATUAIS?

Rodrigo Almeida disse...

Hj a ameaça maior vem do STF do que do congresso

Anônimo disse...

Em 1964 as forças armadas salvaram o Brasil do comunismo, em 2020 que vai salvar o Brasil deste presidente insano é o STF comandado pelo "general" Celso de Melo. Quem viver verá.

Vanderlei Lux disse...

Quer dizer que o Bozo arregou e arregaçou? Sejamos francos, e sem papas na língua: "conciliação" é conversinha para boi dormir. Aqui no Brasil, "conciliação" é quando o derrotado abaixa as calças, se acoca no chão e diz: "vem com tudo amor!".

Para a manada que segue o pastor Bolsonaro, alerto: o ex-capitão sempre foi um pavão com rugido de leão. Eu posso ser suspeito em falar, pois votei nessa imundície, mas o fiz pensando que a outra opção era pior, MUITO pior. Escolha de Sofia, vocês sabem né?

Mas enfim, com exceção desse blog, larguei de mão de seguir política. Estava me adoecendo e me enlouquecendo acompanhar essa sordidez que é a política brasileira. Não sabia que Bozo havia se "conciliado" com seus algozes. Provavelmente a "conciliação" poderá ser resumida em "acionar a máquina de imprimir dinheiro" a rodo a partir de agora.

Isso talvez acabe, em breve, com a "pandemia" e que tudo "volte ao normal" logo.

===================================================================================

Mudando um pouquinho de assunto, recentemente, conversando com um parente que vive nos EUA, falávamos sobre a possibilidade de americanos investirem no Brasil.

- Só 2 tipos investem no Brasil: dementes mentais e criminosos - disse ele.
- Mas porquê? - perguntei.
- Ora, fala sério! Como investir em um país que tem milhares de leis e artigos para a mesma coisa, associado ao fato de que essas mesmas leis e artigos podem ser interpretadas de acordo com o humor e a ideologia do agente público? Isso para não dizer de quando esse mesmo agente público pratica descarada extorsão para "interpretar" corretamente, ou não, a lei?
- Mas aí nos EUA isso também acontece não?
- Claro que acontece! Mas com uma diferença gritante: aqui o sujeito SABE que, quando for pego, NUNCA mais conseguirá repetir a façanha.

Fiquei calado, não havia mais nada a ser dito.

aparecido disse...

Celso de Mello e o Supremo tem que ser desmoralizados ainda mais do que já estão.. um juiz de mer..da .....caquetico e senil.... que deveria já estar em sua casa...continuem provocando as pessoas decentes e as Forças Armadas...Com o pandemonio instalado o poder vai cair nas mãos das Forças Armadas de qualquer jeito.. nem precisa dar golpe......a não ser que o Vice-Rei Xing Ling instalado Brasilia manda vir o exercito chines para intervir aqui...Com as FFAA no poder vai vigorar o estado de sitio até o pais se estabilizar e escrever uma nova constituição... o que pode demorar ANOS.... e ainda mais.. os traidores vão responder por crime de traição a patria...militar não entra pra brincar...estão brincando com fogo....

Loumari disse...

Venezuela realizó pruebas de misiles a la espera de buques iraníes

Por Jorge Luis Pérez Valery

03:39 ET(07:39 GMT) 22 Mayo, 2020

(CNN Español) — El cuestionado presidente de Venezuela, Nicolás Maduro, informó este jueves que la Fuerza Armada Nacional Bolivariana realizó ejercicios militares con misiles de largo alcance en la isla La Orchila, una base militar venezolana ubicada en la costa central del país en aguas del Mar Caribe.

“Fuimos testigos el día de hoy de ejercicios militares ‘Escudo Bolivariano Caribe 1’ en la Isla la Orchila, con la prueba del sistema de misiles de máxima precisión para la defensa de las aguas y las costas de Venezuela”, dijo Maduro.

El mandatario dijo que quiere paz, estabilidad y tranquilidad. “Si quieres la paz, prepárate para defenderla”, esgrimió.

El anuncio se produjo cuando se aproximan a Venezuela cinco buques cargados con gasolina procedentes de Irán. Una acción que Estados Unidos considera violatoria de las sanciones económicas impuestas a ambos países y para la que prometió una respuesta.

La Casa Blanca no ha informado qué acciones tomará al respecto.

“Estuvimos haciendo pruebas del misil Buk. Precisión absoluta”, puntualizó Maduro en referencia al despliegue del sistema de misiles de origen ruso que ha adquirido Caracas en los últimos años en el marco de su cooperación militar con Rusia.

Maduro hizo los anuncios sin referirse a las tensiones con EE.UU. Tampoco a la aproximación de los barcos cargueros iraníes con los que su gobierno pretende palear la aguda escasez de combustibles en Venezuela, ocasionada por la caída de la producción interna y las sanciones impuestas por Washington.

El ministro de Defensa venezolano, Vladimir Padrino López, ya había anunciado el miércoles que los buques iraníes “serán escoltados por naves, buques y aviones” de la Fuerza Armada venezolana cuando entren en la zona económica exclusiva del país “…para darles la bienvenida y decirle al pueblo iraní “gracias por tanta solidaridad y cooperación”, en medio de estas dificultades”.

https://cnnespanol.cnn.com/2020/05/22/alerta-venezuela-realizo-pruebas-de-misiles-a-la-espera-de-buques-iranies/#0

Anônimo disse...

A "cordialidade" dos desgovernadores é igual a carinho de puta (com todo meu respeito às queridas prostitutas) É SÓ POR DINHEIRO! Depois que a verba fluir para os caixas estaduais, tudo volta ao "normal". E o bobão vai chiar por ter sido enganado.

Anônimo disse...


"- Só 2 tipos investem no Brasil: dementes mentais e criminosos - disse ele.""

Isto ANTES de Bolsonaro assumir, e é sabido só não é divulgado, esta é a verdade. Se seus parentes nos Estados Unidos não sabem então por favor os avise, porque tudo indica que vivem no passado recente quando o homem mais honesto, Lula, e sua corja por mais de uma década governaram o Brasil.

Você votou em Bolsonaro? Quer enganar quem?? Não somos "Idiotas Úteis" , e não meça os seguidores de Bolsonaro com sua régua. Só um idiota útil é capaz de um "raciocínio tão raso".

O que é um "Idiota útil":
Quem ainda desconhece o que é um "idiota útil":
A palestra de Yuri Bezmenov, da KGB e dissidente comunista, ensina o bê-á-bá da lavagem cerebral.
Yuri Bezmenov -Teoria da Subversão ( completo e legendado) a história de Yuri e como transformam pessoas em idiotas úteis.
https://www.youtube.com/watch?v=d0fTJqeRXCE

Somente a palestra mostrando como se faz a lavagem cerebral e transforma jovens em "idiotas úteis".
https://www.youtube.com/watch?v=xgJD4YJ2TOc.

“Acuse os adversários do que você faz, chame-os do que você é” (Lênin)

Unknown disse...

Sim e so por dinheiro.