quinta-feira, 11 de junho de 2020

FIM DE LINHA



Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

Leitor assíduo de jornais desde meus dez anos, agora me sinto órfão.

Como na poesia de Raimundo Correia “Vai-se a primeira pomba despertada...
Vai-se outra mais... mais outra... “

Assim foram partindo meus jornais preferidos.

Primeiro foi-se o Jornal do Brasil; depois a Folha de S. Paulo; em seguida O Estado de São Paulo, La Nación, El País, Le Monde e outros.

Tive que desprezá-los porque não mais me respeitavam como leitor.

Queriam me impor sua verdade; fazer minha cabeça; me idiotizar.

Não aceito esse menoscabo.

Passei a me informar pelas redes sociais.

Pessoas que admiro, que considero íntegras, postam pequenas filmagens de fatos por elas presenciados ou por gente de sua confiança.

Notícias verdadeiras em jornais no Brasil só no Diário Oficial da União, Caderno do Executivo e olhe lá.

A grande mídia impressa já está ferida de morte e ainda não percebeu.

Abre-se uma oportunidade para um jornalismo virtual, de qualidade e sem engajamento político-ideológico.

Há um ditado jurídico: “Da mihi factum dabo tibi jus”.

Parafraseio: Contem-me os fatos; a opinião é minha.

Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

2 comentários:

Anônimo disse...




O monopólio da desinformação da elite satanista está infernizando, causando confusão no mundo todo, sr Carlos Maurício. O problema é que essas pragas são satanistas e querem inverter a ordem de Deus para a ordem do satanás e querem impor seus valores satanistas ao mundo. É a tal da Nova Ordem Mundial do satanás.


aparecido disse...

É simplesmente absurda a crença de que a Constituição legitima o descumprimento de decisões judiciais por determinação das Forças Armadas.... ...( Barroso)....- E Quem legitima o governo do SUPREMO ???? Os bambas não foram eleitos por ninguém para governar o pais...A regra é a seguinte : quem tem poder politico ( o congresso e o executivo) não tem mandato vitalicio.. porque o povo de tempos em tempos vota... e quem tem mandato vitalicio ( O MPF MP estaduais e os juizes não podem ter poder politico... a propria constituição proibe o judiciario de ter poder politico....( juiz não pode ter filiação partidaria).....E com o STF atuando como partido politico afronta diretamente a constituição.. ESSE IMPASSE vai ser RESOLVIDO pelas ARMAS mais cedo ou mais tarde...e ..quem tem mandato vitalicio não pode ter poder politico..pois engessa a sociedade, que é o que ocorre hoje.... isto é regime comunistas.. poder vitalicio.... O proprio GiGI diz que o Exercito é instituição de estado e não pode se meter em politica...Mas e eles ??? podem ??? O SUpremo como está hoje é uma excrecencia ditadorial sobre a sociedade brasileira.. e ilegitimo e brutal... desconsiderando os votos de 57% dos eleitores...