sexta-feira, 26 de junho de 2020

SEGUITANDO SI GIUNGE (*)



Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

BONHAMS Leilões
20 Jun 2006, 11:00 BST
LOTE 11*
A ROSE-VERTE ARMORIAL DISH
Circa 1722
£ 2,000 – 3,000 US$ 2,500 – 3,700

Centrally enamelled with a coat-of-arms, ermine mantling and crest above the motto Seguitando Si Giunge borne on a luscious rose enamel ribbon of extremely early type, within a band of vessels of fruit and flowers, beneath iron-red cell pattern within the upturned rim (foot missing).
30.5cm (12in) diam.The arms are those of Lambert. See D.S.Howard,op.cit.,p.206, pl.D2 for another tazza from this rare service, a very early example of the use of famille rose in Export porcelain. The motto should read Seguitando si Giunge. There is a confusion about the original commissioning of this service. John Lambert was a wealthy London merchant, who married the daughter of a Rouen merchant, and was created a Baronet in 1711; he was also a director of the South Sea Company. He died in 1723 and was succeeded by his eldest son, the second Baronet, also called Sir John Lambert. Family tradition is that this handsome service was made for the first Baronet, who lived at Lewkner on the London-Oxford Road.
A plate from this service was in the Mottahedeh Collection, illustrated by D.Howard and J.Ayers,op.cit., p.407, no.406

Trata-se de um prato da Companhia das Índias encomendado por um inglês, decorado com seu brasão e seu lema (motto) que dá título a este artigo.

Assim devemos proceder, nós, os patriotas.

Vamos sustentar a luta contra os traidores e/ou ladrões à serviço dos que tentam nos escravizar desde Londres, os agentes da Nova Ordem Mundial.

Não há mais motivo para as gloriosas Forças Armadas não agirem.

O Brasil corre o maior perigo de sua História.

Guerra civil, fragmentação do território nacional, ditadura de um judas ciário corrupto e mendaz em conluio com o cão egresso leproso.

* A mais apropriada tradução é: “Perseverando se atinge o objetivo”
Ver imagem do prato no site do leiloeiro : Bonhams : A rose-verte armorial dish Circa 1722
Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

2 comentários:

Anônimo disse...




Enquanto não nos livrarmos dos oligarcas criados pelos Rockfellers, Rothschids e outros, como por exemplo, o FHC que entregou a Vale do Rio Doce para o George Soros por títulos podres nazistas e pagou outra parte com dinheiro do BNDES, viveremos no inferno. É inimaginável vender um patrimônio nosso e pagar com nosso próprio dinheiro. Como eles fazem o povo brasileiro de idiota. Esse indivíduo está desesperado porque o amiguinho dele que ele vendeu a Vale do Rio doce já não está nesse mundo. O desespero dele é tanto que ele fica de cima dos grandões para derrubar o Presidente e colocar um aliado do Partido Comunista Chines para tentar se salvar. Já tentaram de tudo e como viram que o povo não cai mais na lábia deles, agora querem amordaçá-lo.
Não devemos sentir pena, não devemos sentir compaixão pelas oligarquias internacionais e nem nacionais porque o mal, os crimes contra a humanidade que elas cometeram é gigantesco. Sempre pregando abertamente que precisavam matar pessoas porque segundo eles, o mundo estava muito populoso. O que não é verdade. E quando não matam quem está em seus caminhos, destroem a reputação, simplesmente fazem um linchamento moral, usa dinheiro público para pagar pessoas para incitar o ódio contra os adversários. Ah, não se deve jamais confiar nessas pessoas. Nunca, nunca, nunca. Quando eles estão em situação de desvantagem, fingem humildade e se dizem arrependidos, mas é falso porque eles nunca mudarão sua natureza predadora, jamais.

"Como animais PREDADORES, vampiros ou parasitas humanos, esses indivíduos sempre SUGAM suas PRESAS até o LIMITE IMPROVÁVEL de USO e ABUSO. Na MATEMÁTICA DESPREZÍVEL dos PSICOPATAS, SÓ existe o ACRÉSCIMO UNILATERAL e PREDATÓRIO, E SOMENTE ELES SÃO OS BENEFICIADOS."
E com o politicamente correto, o mi, mi, mi e blá, blá, blá, sempre tem uma desculpa esfarrapada para justificar seus atos predadores. Para defender o indefensável e justificar o injustificável.

É uma frase do livro "Mentes perigosas, o psicopata mora ao lado" da Psiquiatra Dra Ana Beatriz Barbosa Silva.


Recomendamos a leitura para entender como agem esses predadores.







Anônimo disse...

Urgente: Davos prepara um "Great Reset" socialista e globalista e nós seremos as vítimas (Instituto Plínio Corrêa de Oliveira) https://www.youtube.com/watch?v=1dp62hBY0z8