quarta-feira, 19 de agosto de 2020

A Contribuição sobre Transações vem com tudo

 

Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net

Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Siga-nos no Twitter e Parler - @alertatotal

Apesar da má vontade do presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, o governo tende a conseguir a aprovação da Contribuição sobre Transações – na prática, uma evolução da velha CPMF. Uma pesquisa feita pela XP/Ipespe revela que 46% dos entrevistados aprovam a criação da Contribuição sobre Transações desde que seja para reduzir a taxação da folha de pagamento das empresas. Pelo menos 37% são contra a criação do novo imposto; 7% não têm opinião; e 11% não responderam.

A Contribuição sobre Transações vem com tudo. Paulo Guedes, ministro da Economia, já definiu que essa é uma prioridade inegociável, apesar da má vontade de muitos parlamentares. Consenso acontece apenas em torno da redução da tributação sobre a folha de pagamento. No debate, já se fala até na criação de um mecanismo para barrar o pagamento de supersalários nos três Poderes. Será necessário combinar com os russos e com os privilegiados, principalmente no Poder Judiciário..

Também ganha força um movimento para que o governo prorrogue, por mais um mês, o pagamento do auxílio-emergencial de R$ 600 reais. A tendência é emplacar essa parcela a ser paga em setembro. Depois disso, estuda-se até a aprovação de um benefício menor, até que seja aprovado o desejado “Renda Brasil” – projeto que substituiria o Bolsa Família. O novo programa é o pavor da oposição, pois já é identificado como fator para aprovação e votos a favor de Jair Bolsonaro.

Não adianta chorar. Vem aí a Contribuição sobre Transações. Vem aí o “Renda Brasil”.







Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

Jorge Serrão é Editor-chefe do Alerta Total. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.  A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Apenas solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. 


©
Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 19 de Agosto de 2020.

Nenhum comentário: