terça-feira, 29 de setembro de 2020

Casamento Putativo


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net

Por Carlos Maurício Mantiqueira

Aviso aos amáveis leitores que não se trata de nenhum xingamento.

Trata-se de um casamento presumido. Por exemplo: um dos cônjuges, de boa fé, ignora que o outro ainda é casado com outra pessoa. Se também estiver de boa fé, o outro cônjuge não sabe que uma pessoa desaparecida há muitos anos com quem foi casado, ainda vive.

No meio político, os “casamentos” e alianças eleitorais raramente são feitos de boa fé.

Por esse motivo, não devemos reeleger nenhum prefeito ou vereador.

Um brilhante e saudoso professor dizia: “ A boa fé é a Estrela Polar do Direito “.

O Brasil entrou numa fase irreversível de moralização.

Chega de sacripantas alimentados com lagostas e vinhos premiados.

Chega de cervídeos que querem vacinar “na marra” todo mundo.

Uma “inocente” putativa, tenta se eleger numa importante cidade.

A voz corrente no local é : Mano ! Ela Não !

Chega de hipocrisia. Chega de desinformação.

Deixei de ler um jornal que me acompanhou por mais de sessenta anos.

No momento, após uma reflexão profunda, ele só serve pra embrulhar peixe e limpar a rima.

Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.


https://pt.wikipedia.org/wiki/Casamento_putativo#:~:text=Casamento%20putativo%20%C3%A9%20o%20casamento,um%20v%C3%ADcio%2C%20suscet%C3%ADvel%20de%20anula%C3%A7%C3%A3o.

Um comentário:

Anônimo disse...

Aqui está o Endovirstop, o spray anti-Covid italiano (Sinais do Reino/Artigos)
https://www.sinaisdoreino.com.br/?cat=1&id=12315