quarta-feira, 9 de setembro de 2020

Da série: “As Coviadas”


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net

Por Félix Maier

Tudo muito estranho: quando não tinha ninguém morrendo, impuseram a quarentena. Quando o número de mortes atingiu o pico, abriram tudo.

Cada vez mais acho que Bolsonaro estava certo desde o início: os jovens sadios deveriam continuar trabalhando, enquanto que o grupo de risco (idosos e os com doenças diversas) deveriam ficar em casa.

Fica a dica para a próxima pandemia, já prometida pelo relações públicas da China, Sr. Tedros da OMS.

Quando será?

Félix Maier é Capitão reformado do EB.

3 comentários:

Anônimo disse...

Para os participantes voluntários de pesquisas, existe o Processo de Consentimento Livre e Esclarecido que garante plena liberdade do participante de se recusar a participar ou retirar seu consentimento em qualquer fase da pesquisa, quando aplicável, sem penalização alguma. Para a população em geral, que não se voluntariou, agora estão querendo obrigar a aceitação de vacina sem análise dos efeitos de longo prazo, sem garantia de conhecer seus ingredientes e retirando a responsabilidade do laboratório que a elaborou nas consequências dos seus efeitos adversos, justamente em momento que muitos patrocinadores desse procedimento têm fama de eugenistas históricos. É o retorno do nazismo pré Código de Nuremberg.

adilson disse...

Fraudemia!Nós nos tornamos tão descatáveis que eles nem ligam mais.E nós estamos adestradinhos.Olha o virus,se escondemos.Fiquem em casa,casa ficamos.Mascara só para doentes,mascaras para todo mundo.Tá bom!Hospital só parando de respirar e por ai a fora.Obedecemos governos,oms,especialistas,subcelebridades.E pior,desde o inicio sabendo que é gente que sempre nos fizeram mal,para não dizer f..

Anônimo disse...

"nos escondemos".