domingo, 27 de dezembro de 2020

Mais do Mesmo


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net

Por Carlos Maurício Mantiqueira

Nosso Presidente da República foi engolido pelo “mecanismo”.

Eleito por mais de 57 milhões de votos para promover uma “limpeza” geral, por falta de apoio das frouxas armadas, resignou-se a enxugar gelo.

Desde 1889 o Brasil está refém de uma oligarquia.

Pouco a pouco o quadro de funcionários públicos foi preenchido por vassalos dos poderosos que buscam se eternizar na vanguarda do atraso.

O regime militar deu maior peso para o voto dos nordestinos em detrimento ao dos outros estados da Federação.

Isso, cedo ou tarde, será rompido e quanto mais demorar custará mais sangue derramado pela guerra civil.

É pessimo ser mau profeta na própria terra mas e melhor que se autoenganar.

Não precisamos de uma nova constituição de fancaria.

Precisamos de homens de coragem para diagnosticar nossos males e enfrentá-los.

Enquanto palhaços repetirem o mantra “As instituições estão funcionando” ficarão todos, patriotas e traidores, em sua zona de conforto.

Parafraseando Petrarca: Só a virtude contra os sabotadores, pelas armas fará o combate curto, porque no coração dos paulistas, o antigo valor ainda não está morto.

Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

Um comentário:

Chauke Stephan Filho disse...

Palavras de Maximilien Robespierre: "Sem o terror, a virtude é impotente".

Bolsonaro deve recorrer ao terror contra os usurpadores togados. O presidente precisa ter a coragem de tirar Oswaldo Eustáquio da cadeia para na mesma cela desse jornalista colocar o carequinha tarado do Partido Supremo.

Isso será feito. É uma questão de tempo.

Mas Trump precisa resistir. Vencendo ou perdendo, se resistir, Trump mudará a história. Então terminará a ditadura politicamente correta. E jornalistas poderão trabalhar em paz e liberdade.