sábado, 5 de dezembro de 2020

O Crime sempre compensa no Brasil


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net

Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Siga-nos no Twitter e Parler - @alertatotal

Corrupto só respeita duas coisas. A Polícia Federal batendo na porta de manhã cedinho. E o povo nas ruas fazendo pressão pela honestidade. Se não resolver é porque o bandido é muito cara de pau e sem-vergonha. Precisa  de um tratamento de choque democrático. Tem de ser exposto na mídia e nas redes sociais, até que o sistema judiciário faça a lei ser efetivamente cumprida, punindo o infrator ou delinqüente.

Tudo lindo na teoria. Na prática, a coisa costuma ser feia no Brasil da injustiça e da impunidade, com rigor seletivo no meio (para punir ou para perdoar). O corrupto sabe que só precisa usar bem o dinheiro “roubado”. O investimento prioritário é em várias bancas caríssimas de advocacia (de preferência uma dezena delas). Não basta qualidade jurídica. É fundamental a capacidade de tráfico de influência.

A defesa do bom corrupto, do bandido de primeira linha, precisa ser baseada em articulações no submundo e nos famosos “embargos auriculares” com policiais, promotores, magistrados ou parentes deles que aceitam intermediar e faturar com o jogo sujo. Essas “autoridades” se igualam aos corruptos, porque se vendem por um bom preço. Tais negociatas custam uma fortuna. Porém, no final das contas, o crime compensa – e muito.

Sente-se um idiota o cidadão honesto que cada vez paga mais imposto, sem a devida contrapartida estatal, e ainda assiste aos recursos públicos serem desviados, descaradamente, por canalhas que terminam impunes ou, depois de alguma punição faz de conta, segue riquíssimo, usufruindo do produto do “roubo”.

Eis o resuminho básico do Brasil contaminado pela subcultura da corrupção. Mudança do vício para alguma virtude? Talvez com uma revolução. Mas ela deve demorar... Antes, o Supremo Tribunal Federal deve ajudar a reeleger Botafogo & Batoré... Pelo menos são dois políticos honestíssimos e que enchem o eleitorado de orgulho...







Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

Jorge Serrão é Editor-chefe do Alerta Total. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.  A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Apenas solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. 


©
Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 5 de Dezembro de 2020.

10 comentários:

aparecido disse...

Para a boneca a vacina deve ser dobrada e via supositório...

Anônimo disse...

rvchudo
sexta-feira, 4 de dezembro de 2020
O repulsivo toma-lá-dá-cá pela impunidade

O Brasil está prestes a sofrer um novo golpe, por meio da mais abominável modalidade do toma-lá-dá-cá: o pacto da proteção recíproca de impunidade, mancomunado entre o Covil de Ali Babá e a Suprema Casa da Mãe Joana.

A imprensa dá sinais de que já há um entendimento da maioria dos ministros do STF de que a reeleição de Davi Alcolumbre e Rodrigo Maia para as presidências do Senado e da Câmara é uma questão interna do Congresso, desprezando o artigo 57, § 4º da Constituição: “Cada uma das Casas reunir-se-á... para a posse de seus membros e eleição das respectivas Mesas, para mandato de 2 (dois) anos, vedada a recondução para o mesmo cargo na eleição imediatamente subsequente”, bem como os Regimentos Internos do Senado e da Câmara que definem da mesma maneira a impossibilidade de reeleição.

Então, porque não recorrem aos meios tradicionais de mudança da Constituição, através de uma PEC e posterior ajuste dos regimentos? Simplesmente porque o risco de derrota seria iminente entre seus pares. Neste caso, o caminho mais curto e seguro é a cumplicidade com a Suprema Corte, interpretando esta a Carta Magna, mais uma vez, ao sabor de interesses escusos.
Aliás, não seria a primeira vez que o plenário da Corte agiria dessa forma.

Deixaram a decisão final sobre a extradição do terrorista Cesare Battisti, condenado à prisão perpétua na Itália por quatro assassinatos, a cargo do presidente Lula, que ignorou um acordo internacional e concedeu-lhe a condição de refugiado político, sob a alegação de que os crimes teriam sido políticos. Tudo isso, após o plenário haver aprovado o pedido do governo italiano.

Enquanto isso, nomear o Diretor da Polícia Federal, subordinada a um dos seus ministérios NÃO é considerado “interna corporis” e sim motivo de um inquérito para incriminar o Presidente da República por interferência indevida.

Eleger corruptos denunciados por crimes de lesa-pátria para comandar o Legislativo é uma prática recorrente tanto na Câmara quanto no Senado. Continua.....

Anônimo disse...



rchudo – Continua II....

Burlar a Constituição Federal para beneficiar protegidos, no caso, possibilitar uma reeleição ilegal’, é mais um crime praticado por um grupo impregnado de malfeitores togados, sem escrúpulos, resguardados pela certeza que aqueles que poderiam adotar medidas para detê-los, o Senado Federal, não o farão em contrapartida à sua impunidade.
Não há País que resista a uma lista de mandatários de Poder como esta.

No Senado, Jáder Barbalho, Édison Lobão, José Sarney, Renan Calheiros, Tião Viana, Garibaldi Alves, Eunício Oliveira e agora Davi Alcolumbre.
Na Câmara, Michel Temer, Aécio Neves, João Paulo Cunha, Arlindo Chinaglia, Henrique Eduardo Alves, Eduardo Cunha, Waldyr Maranhão e Rodrigo Maia.

A banalização do crime na cúpula dos poderes da República é retratado pelas centenas de criminosos do colarinho branco que ali se instalaram após a “redemocratização” para se locupletar às custas da ruína do Brasil, protegidos pelo escudo da impunidade mútua, garantida na cumplicidade com a Suprema Corte.

A peça de ficção desmoralizada, alcunhada por seus criadores e beneficiários como “Constituição Cidadã”, serve de ferramenta maleável para atingir esse objetivo.

Por um lado, sinto-me imensamente frustrado, como militar, de dispor apenas da caneta como arma para expressar minha indignação. Por outro, ajuda a conter a úlcera ou evitar um infarto por tanta indignação, saber que essas verdades escritas serão lidas por alguns milhares de brasileiros e representam o pensamento de milhões de patriotas que desejam uma solução e sentem-se impotentes para consegui-la. Continua...

Anônimo disse...



rvchudo – Continua III e termina.....

Quanto aos autores dessa traição nacional, são anestesiados pela fortuna roubada dos cofres públicos e pelo poder usurpado do povo, pouco se importando de serem humilhados em qualquer aparição pública.

Urge uma nova Constituição realmente cidadã, um Congresso Nacional saneado e redimensionado e uma Suprema Corte escolhida com base na meritocracia e com a participação dos seus pares no processo.

BRASIL ACIMA DE TUDO, DEUS ACIMA DE TODOS.

Major-Brigadeiro Jaime Rodrigues Sanchez

Postado por Ricardo Oscar vilete Chudo às 05:44

João Guilherme Maia disse...

Quanto isso, não tenho dúvidas nenhuma que o dia do STF vai chegar. Eles vão ter de entender de vez que nós estamos num novo Brasil que se iniciou em 01/01/2019 e não tem mais volta. Eles estavam acostumados com os governos comunistas dos últimos vinte anos que faziam o que eles queriam e tomavam bênção dos "deuses" de togas do STF. Esses governos do passado tinham rabos presos com esses "deuses" de togas do STF e por isso, só diziam sim senhores. A situação agora é outra temos um presidente que não deve nada para eles e por isso, não irá obedecer as ordens dos "deuses" de togas do STF. Como não obedeceu no depoimento que eles queriam que ele desse. Infelizmente nós não estamos vivendo numa Democracia, se nós estivéssemos vivendo, o presidente que foi eleito democraticamente pelo voto do povo poderia governar o país tranquilamente, mas infelizmente é o que nós não estamos vendo. O Congresso Nacional e o STF se juntaram para derrubá-lo da presidência. Então se eles não querem viver numa Democracia, não vejo outra saída para o Brasil que não seja uma nova intervenção militar. Agora só tem um detalhe como falou um General em plenas eleições de 2018 quando um repórter perguntou para ele se iríamos ter uma nova intervenção militar, o General falou o seguinte "se houver uma nova intervenção militar vai ser totalmente diferente dá de 1964, dessa vez será fechado imediatamente o Congresso Nacional e o STF e haverá uma limpeza geral, e se houver resistência será chumbo grosso pra cima deles". Para o bom entendedor meia palavra basta, como diz o dito popular. Sinceramente não gostaria que isso acontecesse de novo no nosso Brasil, mas se continuar como está infelizmente não vejo outra solução.

ALMANAKUT BRASIL disse...

NÃO EXISTEM MAIS MILITARES COMO ARTHUR DA COSTA E SILVA, QUE FEZ O BRASIL PEGAR NO TRANCO E AVANÇAR.

ALMANAKUT BRASIL disse...

NÃO TEM MAIS MILITARES COMO ARTHUR DA COSTA E SILVA, QUE FEZ O BRASIL PEGAR NO TRANCO E AVANÇAR.

Anônimo disse...

Quem garante que as autoridades que afirmam que receberão a vacina para dar o exemplo não vão substitui-la por plasil?

Anônimo disse...

[O Boletim dos Cientistas Atômicos em 2019 observou o histórico sombrio de tais laboratórios e expressou preocupação de que os estudos de GANHO DE FUNÇÃO em andamento poderiam desencadear uma pandemia viral no mundo, chamando essa pesquisa de "uma provável ameaça de pandemia" e opinando que "Tanto faz a probabilidade de liberação em que o mundo está apostando, é claramente um risco muito alto para vidas humanas". (...) Numerosas violações de laboratórios foram documentadas por agências governamentais e pela mídia nas últimas décadas. (...) O pior fiasco confirmado na história da busca por vacinas em resposta a pandemias virais foi a pandemia de H1N1 de 1977, que hoje a maioria dos pesquisadores acredita ter sido desencadeada por um laboratório que pode estar fazendo pesquisas de vacinas para uma nova gripe que causou pânico em 1976. A sequência de eventos que levou à pandemia foi uma comédia de erros por parte dos funcionários da saúde que custou aos contribuintes milhões de dólares em pesquisas desnecessárias, matou dezenas de vacinados e, finalmente, CAUSOU O PRÓPRIO SURTO DE TIPO DE DOENÇA QUE A PESQUISA PRETENDIA PREVENIR. (...) O presidente Ford decidiu pressionar pela rápida implementação de uma vacina para proteger a população, com o propósito declarado de vacinar todos os americanos. Quando a vacina foi preparada, a gripe já havia desaparecido, mas o governo Ford decidiu lançar uma campanha nacional de vacinação mesmo assim. Quarenta e oito milhões de americanos receberam a vacina que, por ter sido feita às pressas com o vírus vivo, acabou provocando a paralisante síndrome de Guillain-Barré em mais de 500 pessoas. Um total de 25 pessoas morreram em consequência da reação e outras sofreram danos permanentes. (...) laboratórios em todo o mundo começaram a fazer experiências com estoques existentes de H1N1, que eles mantiveram em freezers por décadas, após o desaparecimento do vírus da influenza A H1N1 vinte anos antes. Em maio de 1997, o vírus reapareceu da mesma forma de vinte anos antes, provando conclusivamente que foi liberado de um laboratório - provavelmente um na China, onde a doença reapareceu pela primeira vez. (...) A CORRIDA GLOBAL PARA INVESTIGAR O H1N1 COM O PROPÓSITO DE FAZER UMA VACINA PARA UMA PANDEMIA INEXISTENTE HAVIA AGORA CRIADO UMA VERDADEIRA PANDEMIA, EMBORA COM EFEITOS MODERADOS. (...) OS CRÍTICOS DIZEM QUE PESQUISAS PERIGOSAS "NÃO DAO RESULTADOS" NO COMBATE A DOENÇAS VIRAIS. (...) O Programa PREDICT foi cancelado em 2018 (...) apoiado por cientistas que duvidaram de sua eficácia e se preocuparam com os perigos que ele criava. (...) O impulso obsessivo para o desenvolvimento de medicamentos e vacinas por meio da pesquisa viral, ao invés de medidas preventivas razoáveis, pode, em última análise, estar na base da pandemia Covid-19. Pode ter levado não apenas à criação e desencadeamento do próprio coronavírus, mas também a um estado de despreparo em relação à contenção.]

A promoção de pesquisas perigosas por Anthony Fauci ajudou a criar a pandemia COVID-19?
https://www.lifesitenews.com/news/did-anthony-faucis-promotion-of-dangerous-research-help-create-the-covid-19-pandemic

Anônimo disse...

https://www.bbc.com/portuguese/brasil-51646346