sexta-feira, 2 de abril de 2021

Campanha Degenerada ofende cristãos do Brasil


Artigo no Alerta Total - www.alertatotal.net

Por Renato Sant’Ana

A Campanha da Fraternidade, que a Igreja Católica promove anualmente, em 2021 tem sido alvo de duras críticas por parte de cristãos de diferentes denominações religiosas, inclusive dos próprios católicos. A celeuma é provocada pelo conteúdo ideológico introduzido sem qualquer escrúpulo no material elaborado para as atividades deste ano.

A Campanha da Fraternidade é uma programação que a Igreja Católica do Brasil realiza a partir da quaresma e desenvolve ao longo do ano, concitando os fiéis a refletirem sobre um problema concreto da sociedade e a realizarem atos solidários na busca de soluções.

A CNBB (Conferência Nacional dos Bispos do Brasil) elabora um texto-base e outros materiais e distribui para todas as dioceses do país, balizando as reflexões e as ações concretas.

Em 2021, o evento tem caráter ecumênico, com a participação de outras igrejas, como ocorre a cada cinco anos, ficando a programação a cargo do Conic (Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil).

O problema é que, comandado por uma militante de extrema-esquerda, o Conic transformou o texto-base da campanha num panfleto marxista, desdenhando valores fundamentais da Igreja Católica e do cristianismo.

Exemplo de desrespeito foi "cancelar" Maria (mãe de Jesus e figura central do catolicismo), sequer citada no texto-base. E para marcar bem que a questão é com os católicos, propôs, como ação prática, realizar visita e celebração em um Terreiro de Mãe de Santo ou Candomblé.

Ora, nem que fosse por cortesia para com a Igreja Católica, seria de bom tom que o Conic contemplasse a figura de Maria. No entanto, marxistas infiltrados na CNBB declaram que, em favor do ecumenismo, tal omissão é aceitável, já que Maria é uma devoção só dos católicos.

Outro motivo de discórdia foi o texto-base apontar como mártir Marielle Franco, que merece, sim, todo respeito como ser humano e compaixão como vítima de um crime. Ocorre que, além de as motivações do crime não serem conhecidas, ela não foi alguém que haja afirmado exemplarmente os valores do cristianismo, não servindo, nesse sentido, de modelo.

Só esses dois exemplos já dão uma ideia do que pretende o Conic num texto cheio de subtextos e de ardis retóricos, ocultando o principal nas entrelinhas e insidiosamente fazendo a cabeça dos desavisados.

Nota da CNBB limitou-se a dizer que não é "um texto ao estilo do que ocorreria caso fosse preparado pela comissão da CNBB", quando o que há é um manifesto cheio de jargões esquerdistas, que não cita uma só vez "caridade" nem "bondade" - mas fala 18 vezes "racismo"...

É a dicção da secretária-geral do Conic, Romi Bencke, para quem "a sociedade está estruturada no racismo e no patriarcado" (sic!).

Num artigo bem ofensivo à Igreja Católica e ao cristianismo em geral, ela afirmou: "A cultura religiosa brasileira está alicerçada em princípios e valores patriarcais que se expressam no autoritarismo, no conservadorismo, na desvalorização da mulher e no clericalismo."

Aliás, o tal artigo, apoiado (notem isto!) pela Open Society Foundations (do multimilionário George Soros, que apoia a legalização das drogas, a liberação do aborto e bandeiras feministas), escancara muito do conteúdo ideológico que Bencke escondeu nas entrelinhas do texto-base.

Claro, ela é livre para ter opinião e manifestar-se em foro adequado.

O que é inaceitável é o seu autoritarismo tosco ao usurpar o papel de secretária-geral do Conic para impor a sua ideologia, usando como estratégia subverter a linguagem, apoderar-se de uma instituição religiosa e manipular a crença dos simples.

O que se lê no texto-base é, em síntese, uma interpretação marxista do evangelho. Nele, o Conic torce as palavras e reinventa conceitos para (pasmem!) propagar uma ideologia que despreza o espiritual.

Mas querem saber? O que o Conic fez sob comando de Romi Bencke mostra em concreto aquilo que comunistas chamam de "fazer a revolução por dentro", isto é, infiltrar-se nas instituições para,  degenerando-as, convertê-las em mecanismos úteis à instalação de um regime totalitário.

É muita truculência! Como não reagir com indignação?


Renato Sant'Ana é Advogado e Psicólogo. E-mail sentinela.rs@uol.com.br

2 comentários:

Anônimo disse...

NUTAVAEL DIZ...
INFELIZMENTE A TERRA DE SANTA CRUZ QUE FOI DEDICADA AO SENHOR JESUS JAMAIS, JAMAIS MESMO SERA REPRESENTADA POR RELIGIÕES DESPROVIDAS DE QUALQUER IDENTIDADE COM O SENHOR JESUS.
ATE OS DIGNOS REPRESENTANTES DA IGREJA CATOLICA SABEM QUE ESTAO LONGE, MUITO LONGE DOS PRINCIPIOS DE JESUS.
VARIAS RELIGIOES CATOLICAS VIVEM EM OUTRAS VARIANTES PARA JUSTIFICAR SEUS PECADOS MORTAIS.
TAIS COMO VIVER EM PECADO CONSTANTE PERANTE AS LEIS DE DEUS QUE SAO SOMENTE DEZ MANDAMENTOS.
DESDE O TEMPO DOS FARAOS QUE OS CATOLICOS SAO DIVIDIDOS EM DOIS GRUPOS OS DO VELHO TESTAMENTO E DO NOVO TESTAMENTO.
OS DO NOVO TESTAMENTO JA PRATICARAM VARIOS E VARIOS ATOS CONTRA JESUS ISTO ATE O MUNDO VEGETAL SABE.
IR AS IGREJAS PRATICAR ESTE OU AQUELE TESTAMENTO O ANTIGO E O NOVO NAO DA AO INDIVIDUO OPORTUNIDADE DE FALAR E PRATICAR SUA FE.
PERTENCER A ORDEM HERMETICA MUITO MENOS.
A FE E INDIVIDUAL E PESSOAL. VARIAS E VARIAS PESSOAS VAO AS IGREJAS, PAGAM DIZIMOS E COM ISSO PENSAM QUE ESTAO EM DIA COM A RELIGIAO, LEDO ENGANO.
PAGAR O DIZIMO E IR A IGREJA ESTA OU AQUELA SOMENTE ESTA FACILITANDO OS INDIVIDUOS A VIVER EM PECADO PERMANENTE E PENSANDO QUE ESTA QUITES COM O ARQUITETO DIVINO.
SOMENTE A VIVA TRAZ A SABEDORIA DE SABER CALAR. CALAR INDICA QUE O INDIVIDUO CADA VEZ MAIS APRENDE COM SEUS ERROS E ACERTOS.
RETIFICAR O PRESENTE PARA GARANTIR UM FUTURO MELHOR PARA OS FILHOS, PARA AS FUTURAS GERAÇOES E PARA GERAR UM PAIS MELHOR CHEIOS DE OPORTUNIDADES PARA OS VINDOUROS.
NOSSO PAIS ESTA RECHEADO DE VAGABUNDOS QUE VIVEM DO SACRIFICIO DE MUITOS PARA O BENEFICIO DE POUCOS.
PERGUNTA QUE NAO QUER CALAR. PARA QUE TANTAS IGREJAS PAGANS? PARA QUE TANTOS POLITICOS EM TODAS AS ESFERAS DA ADMINISTRAÇAO PUBLICA PARA VIVER DE SUAS VIDAS SORDIDAS E SEM CAPACIDADE DE MELHORAR EM NADA NOSSO PAIS.
NOSSO PAIS E UMA FARSA DE CABO A RABO. FARSA NA POLITICA, FARSA NA JUSTIÇA, FARSA NA EDUCAÇAO, FARSA NA SAUDE, FARSA NO DESENVOLVIMENTO.
NENHUM PAIS SE DESENVOLVE SE NAO FECHA A CONTA DOS DEMANDOS EM TODOS OS SENTIDOS PRINCIPALMENTE DAS IGREJAS QUE ESTAO MONTADAS EM DINHEIRO TIRADO DOS FIEIS E NAO PRODUZEM NADA EM TROCA. HOJE PRINCIPALMENTE QUE E O DIA MAIS NEGRO DA RELIGIAO CATOLICA NAO TEMOS NADA NEM NINGUEM DA MIDIA FALANDO E REPERCUTINDO ISTO. SOMENTE UM FILME SERA TRAZIDO COM TANTAS EMISSORAS COM TANTAS OPORTUNIDADES FALARA SOBRE A MORTE DE JESUS CRISTO. ESTA E NOSSA REALIDADE. A TERRA DE SANTA CRUZ ESTA MERGULHADA NAS TREVAS GRAÇAS A MERDIA, A JUSTIÇA E PRINCIPALMENTE OS FABRICANTES DE NADA QUE SAO OS POLITICOS BRASILEIROS. ESTA E NOSSA VERDADE. JESUS ESTA NO COMANDO E A TERRA DE SANTA CRUZ PERTENCE A ELE E AOS FRADES FRACISCANOS QUE FAZEM VOTO DE POBREZA E REZARAM A PRIMEIRA MISSA NO NOSSO PAIS. ESTE E O PAIS DO FUTURO. CHEIO DE MENTIRAS,DEPRAVAÇOES E FALTA DE VERGONHA NA CARA DE UMA MINORIA DELITIVA QUE AINDA MORA EM BRASILIA COM TODAS AS CIRCUNSTANCIAS E BENEFICIOS SURRUPIADAS DE NOSSO BOLSO. MORARAM OU QUEREM QUE SE DESENHE?

ALMANAKUT BRASIL disse...

QUANDO SE FALAVA QUE COMUNISTAS COMMIAM CRIANCINHAS, ERA POR CAUSA DA FOME NOS CAMPOS DE CONCENTRAÇÃO SOVIÉTICOS NA SIBÉRIA.

ESSE MESMO LEVANTOU SUSPEITA NA COREIA DO NORTE, HÁ POUCOS ANOS.

JÁ ENTRE ESSA CORJA DIABÓLICA QUE PARASITA NO NOME DE JESUS CRISTO É PARA SACIAR A PEDOFILIA, CUJO AS INDENIZAÇÕES DO VATICANO LIVROU MUITOS CANALHAS DA CADEIA.

AGORA RESTA SABER SE O CONSUMISMO, LITERALMENTE, IRÁ LEVANTAR AS BATINAS PARA ESQUENTAR AS BUNDAS DESSES VAGABUNDOS.