segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Vazamentos da PF indicam que Dilma teria domínio dos fatos sobre como Rose agia para Lula e Dirceu

Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Leia também o site Fique Alertawww.fiquealerta.net  
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Pelas infoirmações vazadas a conta-gotas, até agora, da Operação Porto Seguro, fica evidente que o ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva e sua continuadora, Dilma Rousseff, e o grande líder petista José Dirceu de Oliveira e Silva, tinham bastante domínio dos fatos sobre como a ex-chefe de gabinete da Presidência da República em São Paulo, Rosemary Novoa de Noronha, coordenava um time de corruptos, em um verdadeiro governo parelelo, com esquemas que favoreciam empresas e pessoas interessadas em obter vantagens ilícitas junto a órgãos federais e agências reguladoras.

O Padrinho (Godfather) de Rosemary Novoa de Noronha repete o velho discurso de sempre de que “nada sabia” e agora se “sente traído” pela amiga e assessora do seu coração – que agora caiu em desgraça. No papo furado, mandado espalhar na mídia amestrada pela máquina de contra-marletagem petista, Lula teria dito: “Eu me senti apunhalado pelas costas. Tenho muito orgulho do escritório da Presidência, onde eram feitos encontros com empresários para projetos de interesse do País”.

A certeza geral é que o Mensalão nunca acabou. Aliás, se sofisticou. Informações da PF asseguram que Rosemary praticava tráfico de influência, ajudando empresários a agendar reuniões com ministros e governadores. O que ainda não foi dito publicamente é que ela trabalhava com a anuência de seus amigos Luiz Inácio Lula da Silva e José Dirceu de Oliveira e Silva. Como só este ano Lula e Dilma se reuniram pelo menos três vezes no escritório paulista da Presidência da República, fica difícil crer que Dilma também de nada sabia. Dirceu é que nunca pisou por lá.

Era nitidamente mafioso como funcionava esquema coordenado por Rosemary – mas comandado e articulado pelos mais poderosos acima dela. A “Doutora Rose” – como era conhecida – agendava e intermediava reuniões insuspeitas e que pareciam normais entre empresários e pessoas do terceiro escalão do governo. Logo em seguida, o que ficava acertado nos encontro, obedecia a um protocolo corleônico.

As ordens seguiam para os ordenadores e operadores do esquema usando o chamado sistema de “Pacotes”. Neles não havia dinheiro. Mas sim ordens, escritas à mão ou datilografadas em jurássicas máquinas de escrever. A logística mafiosa de transporte dos pacotes usava motoboys. Alguns até com motos de alta cilindrada, para percorrer longas distâncias em alta velocidade. Quando o dellivery ficava muito distante, os motoqueiros entregavam os papéis, no interior, para transporte em aviões.

O protocolo tinha uma ordem expressa. Jamais passar informações por telefone e nunca digitar qualquer ordem em computadores, Quem parece não ter obedecido direito ao sistema é Rosemary. Como o Alerta Total antecipou ontem, a Superintendência da Polícia Federal, em Brasília, tem 122 gravações de conversas telefônicas entre ela e Luiz Inácio Lula da Silva. Ele a chamava de “Rose” ou “Rosa”. Ela o tratava pelo amoroso apelido de “Tio”. Nas conversas, Rose passava ao amigo informações sobre quem deveria receber em audiência e para quem deveria mandar documentos.

Rose deu outros moles que comprometeram a segurança do esquema. A PF constatou que Rosemary enviava “Pacotes” para apartamentos em Interlagos e nos Jardins. O material seria destinado, pessoalmente, a José Dirceu e Luiz Inácio Lula da Silva. No dia em que a PF deu uma batida no apartamento dela, como Lula estava fora do Brasil, a desesperada Rose telefonou às 6h da manhã para o ministro da Justiça José Eduardo Cardoso. Como não foi atendida, ligou para José Dirceu – que atendeu e alegou nada poder fazer pela “companheira” – com quem atua desde a década de 90.

Pergunta simples. Dirceu atenderia, às 6h da manhã, a uma ligação feita por alguém que não fosse de sua total confiança? Além do processo do Mensalão – do qual reclama ter sido injustamente condenado -, Dirceu ficou altamente exposto com a Operação Porto Seguro. Sua ligação com Rosemary só confirma que Dirceu nunca deixou de ser o segundo homem da gestão Lula – um governo que parece não ter ainda acabado. A velha eminência parda do PT se complica novamente.

A PF tem evidências de que, depois que Lula foi obrigado a sair de cena por causa do tratamento contra o câncer de laringe, Dirceu assumiu a tarefa de dirigir a atuação de Rose. Quando Dirceu foi condenado pelo Supremo Tribunal Federal, teve de sair ainda mais de cena. Como Rose e os demais operadores foram obrigados a agir sozinhos, sem o comando direto dos chefões, o pirão desandou. E muita gente desistiu de fazer negócios temendo acabar relacionada, direta ou indiretamente, com o ilustre condenado. Por isso, tudo estourou.

O escândalo também expôs Dilma. A Presidenta agiu depressa, exonerando imediatamente quem teve condições de detonar, para passar a imagem de “dura combatente da corrupção. Mas ficou na maior saia justa para manter no cargo dois ministros. José Eduardo Cardozo, da Justiça, que não teve controla da operação Porto Seguro, como superior hierárquico da Polícia Federal. E Luiz Inácio Adams, cujo Advogado Geral Adjunto da União, José Weber Holanda, foi indiciado como ativo participante do esquema de corrupção e tráfico de influência. Adams já não vai mais ser nomeado para ministro da Casa Civil, e ainda pode perder o atual emprego a qualquer momento.

Outro rolo para Dilma envolve um de seus melhores amigos e pessoa de confiança. A Polícia Federal vazou que Rosemary agendou vários encontros de empresários com o ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, Fernando Pimentel. Outro envolvido ilustre nos negócios de Rose é o governador da Bahia, Jaques Wagner – que nega, claro, qualquer ligação com a casa que agora desmoronou.

Outro recém condenado no Mensaão também figura como suspeito de envolvimento no esquema de Rose & Cia. A Polícia Federal constatou que o deputado Valdemar Costa Neto (PR-SP) tinha estreitas relações com Paulo Rodrigues Vieira, apontado pela PF como o chefe da quadrilha presa na sexta-feira sob acusação de montar um esquema de corrupção em agências reguladoras e órgãos federais. Investigações identificaram nada menos que 1.179 ligações telefônicas feitas a partir do restaurante japonês de Paulo Vieira para o deputado Valdemar e integrantes do PR.

O PT já botou para funcionar, a todo vapor, a “Operação Limpeza”. Assim denominada internamente pelos petistas, a ação de contra-informação consiste em criar factóides para suplantar denúncias verdadeiras. O esquema é sempre acionado para mobilizar a militância, no mundo real e nas redes sociais virtuais, para plantar notícias faltas ou “verdades” convenientemente forjadas, sempre que uma grave crise estoura. Depois que advertiu que "não cairia sozinha", Rose foi prontamente protegida pelo PT. Ela vai dar uma sumidinha de cena por uns tempos, até que se condiga fazer as coisas esfriarem - como de costume.

Manifestação pública nessa linha foi feita pelo ex-líder do governo na Câmara. O deputado Cândido Vaccarezza (PT-SP) reclamou de quem tenta associar Lula a uma funcionária de terceiro escalão. Vaccareza até protestou contra a tentativa de desgastar e atingir Lula por vias transversas, como aconteceu com o famoso mafioso norte-americano Al Capone: “Pegar um funcionário de terceiro escalão e tentar associar ao Lula não é adequado. Todos são, eu fui líder de governo e sou ligado ao Lula. Acho de muito mau gosto, cretinice falar de Al Capone”.

A conclusão preliminar de todo esse escândalo é uma só: a República Petralha já foi ferida de morte, e só falta cair de podre. Novas denúncias vão vazar, e a Presidenta Dilma pode se complicar. Ainda mais se a a crise econômica chegar de verdade e se agravar. No fundo, apesar de tantas denúncias de corrupção, o que derruba governos são os problemas econômicos.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog e podcast Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 26 de Novembro de 2012.

23 comentários:

Anônimo disse...

Crime continuado, essa bando, devido aos muitos tentáculos talvez precise de um veneno mais forte.

Anônimo disse...

Estão minando as bases dos PETRALHAS. Um dia a casa cai. Quero estar vivo para ver e comemorar.

lgn disse...

Tudo é uma questão de interpretação e expectativa. Os mais otimistas acreditam que o PT e seus acólitos estão sob fogo cruzado e deverão sofrer as consequências dos males que vêm produzindo. Eu, já na casa do setenta, observando o Brasil que vivo, ponho as barbas que não tenho de molho. Imaginar que um novo Brasil está surgindo é acreditar, por estarmos próximos do Natal, que papai Noel existe e virá nos entregar um enorme presente chamado "Apesar dos pesares a Constituição resiste". Desde a vinda da família real portuguesa ao Brasil, o que está mudando é o clima. Mas em se tratando de política estamos muito longe de chegarmos ao fim. Somos criativos demais para topar com o fundo.

Kozel® disse...

Señor Serron:
http://www.estadao.com.br/noticias/impresso,bastidores-ex-assessora-da-presidencia-diz-que-nao-vai-cair-sozinha,965108,0.htm

Kozel® disse...

Bastidores: Ex-assessora da Presidência diz que 'não vai cair sozinha'

Integrantes do PT entraram em ação nas últimas 48 horas para tentar acalmar a ex-chefe do escritório da Presidência em São Paulo Rosemary Nóvoa de Noronha, que está desarvorada com a perda do cargo e com o indiciamento por parte da Polícia Federal (PF) por suspeita de envolvimento com uma quadrilha que traficava pareceres técnicos.

Veja também:
Investigação da PF faz prestígio de titular da AGU despencar no Planalto
Senado pode convocar Cardozo para explicar ação
Rosemary teve seus telefones grampeados e a memória de seus computadores está sendo vasculhada pela PF. Por isso, de acordo com informações de petistas, uma operação "acalma Rose" foi deflagrada para dar suporte a ela. Segundo eles, Rosemary é conhecida por sua instabilidade emocional. Ela chora a todo instante. Em alguns momentos, chega a fazer ameaças - conforme os relatos - dizendo que não vai perder tudo sozinha e que não verá sua vida ser destruída sem fazer nada. "Não vou cair sozinha", avisou.

A ex-chefe do escritório paulista, que sempre se sentiu à vontade para ligar para a cúpula petista e ministros, recorreu ao ex-ministro José Dirceu ao perceber a presença da PF em sua porta. Ela trabalhou com ele por 12 anos. O ex-ministro, que no momento pretende percorrer o País para dizer que a decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) de lhe aplicar uma pena de 10 anos e 10 meses é política, respondeu que não poderia fazer nada. Rosemary tentou ainda falar com o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, que não lhe atendeu. Como seu padrinho, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, estava voando da Índia para o Brasil, foi atrás do ministro-chefe da Secretaria Geral, Gilberto Carvalho, que do mesmo modo nada pôde fazer, a não ser tentar acalmá-la.

Rosemary já estava sentindo seu poder esvaziado desde a saída de Lula do governo. Com a posse de Dilma Rousseff, perdeu parte da liberdade de agir no escritório em São Paulo e de dar ordens à comitiva presidencial. Auxiliares da presidente passaram a deixá-la em segundo plano, assim como os assessores do vice-presidente Michel Temer, que usa muito o escritório de São Paulo. Outros, como o governador da Bahia, Jacques Wagner, se recusavam a participar das reuniões nas quais ela estivesse presente.

Mas, mesmo assim, Rosemary permanecia no cargo por interferência do ex-presidente. O escritório paulista costuma ser usado quando Dilma faz reuniões com ele em São Paulo. Na campanha, muitas negociações políticas foram ali acertadas. Dilma já fez também reuniões com empresários no local. Em todas as ocasiões, o trânsito dela em relação à presidente era "zero".

A temida "madame", como gostava de ser chamada, já não despertava mais temor entre subordinados - que nunca recebiam dela um polido tratamento -, porque não tinha influência sobre a equipe de Dilma. Mas isso não impedia que continuasse a usar o nome de Lula, de quem sempre foi muito próxima, para fazer do escritório uma espécie de balcão de varejo.

ACORDA BRASIL disse...

Só corrupção atras de corrupção parece aquelas bonecas russas (latrinas) O brasil parece um vaso sanitário entupido e o negocio fica vazando pra todo lado. Seria esse povo fruto dos estupros da época do CABRAL??

ACORDA BRASIL disse...

Só corrupção atras de corrupção parece aquelas bonecas russas (latrinas) O brasil parece um vaso sanitário entupido e o negocio fica vazando pra todo lado. Seria esse povo fruto dos estupros da época do CABRAL??

Anônimo disse...

cândido vaccarezza è uma aberração petista sempre defendendo corruptos, lutando contra moinhos de vento e tentando parar o vento com as mãos.

È um ser patético, imbecil, um pobre diabo, um pobre e desgaçado coitado.

Quanto a dilma, para quando sua indiciação com investigações desde que começou a ocupar a putativa e podre casa civil do canceroso? Por que tem de ficar de fora? Foi dirceu, foi palloci e depois ela ocupou esse cargo como se fosse uma virgem, uma vestal ao serviço do canceroso e da corrupção que sempre marcou os dois mandatos de lulla?

Como pode ignorar tudo? E aquele telefonema para o aero lulla quando viajava para a China, dizendo que o US$ bilhão já estava depositado? Esse telefonema pode ser confirmado! Logo, ela também embarca na onde que "não sabia de nada"? Se não sabia de nada, que fazia à frente da casa civil de lulla, atualmente fabulosamente rico apenas com o salario de presidente? Pode?

Tudo na PF e ABIN, está controlado pela dilma, pois tem sempre gente que quer subir na carreira!

razumikhin disse...

Impensável que os auxiliares de Lula agissem sem o conhecimento - e autorização - do Quatro-dedos.

Anônimo disse...

Saudações, Serrão!

Reza a lenda que no final do período Cretáceo os dinossauros foram extintos por um asteroide que caiu na terra, gerando uma explosão catastrófica. Nesses tempos hodiernos, pós-período Tucanáceo, em que reina o PTnáceo, desconfio que nem mesmo um asteroide desses, de 100 trilhões de toneladas, seria capaz de por um fim a este período vermelho. Só mesmo uma crise econômica, como você bem disse. É vero!

Abraços e sucesso sempre. Ainda no aguardo de desbloquearem o meu Facebook.

Anônimo disse...

Saudações, Serrão!

Reza a lenda que no final do período Cretáceo os dinossauros foram extintos por um asteroide que caiu na terra, gerando uma explosão catastrófica. Nesses tempos hodiernos, pós-período Tucanáceo, em que reina o PTnáceo, desconfio que nem mesmo um asteroide desses, de 100 trilhões de toneladas, seria capaz de por um fim a este período vermelho. Só mesmo uma crise econômica, como você bem disse. É vero!

Abraços e sucesso sempre. Ainda no aguardo de desbloquearem o meu Facebook.

Nacionalista disse...

JORGE SERRÃO: ESCANCARANDO OS FATOS PELA VERDADE,
SEMPRE CORAJOSO,
PARABÉNS MEU AMIGO!

Madrigrano

Nacionalista disse...

JORGE SERRÃO: ESCANCARANDO OS FATOS PELA VERDADE,
SEMPRE CORAJOSO,
PARABÉNS MEU AMIGO!

"Madrigrano"

João Guilherme disse...

Esse escândalo de São Paulo desbaratado pela Polícia Federal, é outra forma de Mensalão e como este milhares existem por esse Brasil afora.
A Polícia Federal, poderia fazer muito mais para acabar com roubalheira e corrupção que existem no Brasil.
As vezes me parece que a Polícia Federal trás determinados fatos ao conhecimento público, somente para aparecer, ela parece que deixa de atuar e nós sabemos que a corrupção no Brasil ocorre em todos os estados, se houvesse por parte dela uma investigação mais acirrada muitas sujeiras viriam à tona.

Estéfani JOSÉ Agoston disse...

Tu quoque Jorge Serrão, Presidenta???




















Anônimo disse...

Escuta seu Jorge. O senhor não é um jornalista independente. Reproduz todos os comentários com um palavreado de baixo calão, cuja única preocupação é desgastar o Lula. Não sou lulista e nunca votei nele, no primeiro turno. Só há uma coisa: o Lula, como presidente do Brasil se transformou no mais importante estadista de nossa história. Não há comparação. Foi, durante toda sua gestão, o mais importante lider do Planeta. O poder militar e econômico, é outra coisa. O senhor fala em moderação de linguagem e em independência. Leia de novo o que os "udenistas e fascistas têm estcrito". Acho tambérm que todos devem ser julgados. Não concordo como show que se instalou no STF, ltransformando os juízes de todos nós em estrelas globais. Vamos continuar pagando o pato, enquanto os verdadeiros problemas estruturais de nossa gestão executiva, legislativa e judiciária não forma devidamente julgadas pelo povo. Um anônimo a mais. lUm dia, talvez, o senhor vá escrever sobre o que vivi e vivo.

Anônimo disse...

Escuta seu Jorge. O senhor não é um jornalista independente. Reproduz todos os comentários com um palavreado de baixo calão, cuja única preocupação é desgastar o Lula. Não sou lulista e nunca votei nele, no primeiro turno. Só há uma coisa: o Lula, como presidente do Brasil se transformou no mais importante estadista de nossa história. Não há comparação. Foi, durante toda sua gestão, o mais importante lider do Planeta. O poder militar e econômico, é outra coisa. O senhor fala em moderação de linguagem e em independência. Leia de novo o que os "udenistas e fascistas têm estcrito". Acho tambérm que todos devem ser julgados. Não concordo como show que se instalou no STF, ltransformando os juízes de todos nós em estrelas globais. Vamos continuar pagando o pato, enquanto os verdadeiros problemas estruturais de nossa gestão executiva, legislativa e judiciária não forma devidamente julgadas pelo povo. Um anônimo a mais. lUm dia, talvez, o senhor vá escrever sobre o que vivi e vivo.

Anônimo disse...

Mas está mais do que claro que ele (Lula cara de pau) sabia. Ele sabia, Dirceu sabia, Genoino sabia, todos sabiam. Desde que tiveram de parar com o mensalão, começaram a utilizar outras fontes de receita, se é que já não as utilizavam antes. Já tarda muito o afastamento definitivo dessa quadrilha. Cagliostro

Anônimo disse...

Anônimo das 10:45 PM

Você è um petista do c@ra@lho! Vá pregar lições de moral para o c@r@lho!

Entendeu meu baixo calão seu fachista da porra? Nazi do c@r@lho?

Anônimo disse...

Jorge

Por que dilma fica de fora se tudo quanto dirceu, lulla e a rose arranjavam, manipulavam, cozinhavam, tinha que ter despacho no final, por parte da dilma?

Senão como se faziam os negócios?

Impeachment, JÁ!

Anônimo disse...

Golpe de Estado contra a Justiça promovida pelo deputado petista lourival mendes (PTdoB-MA).

Crime!

"A aprovação da proposta de emenda à Constituição (PEC) que retira do Ministério Público (MP) a atribuição de iniciar investigações é um retrocesso, afirmou nessa sexta-feira (23) a senadora Ana Amélia (PP-RS) . A parlamentar também disse concordar com o procurador-geral da República, Roberto Gurgel, que classificou a PEC 37/11 como um atentado contra o Estado Democrático de Direito . - Não posso admitir qualquer tentativa de amordaçamento do Ministério Público - disse a senadora De autoria do deputado Lourival Mendes (PTdoB-MA), a PEC atribui exclusivamente às polícias Federal e Civil a competência para a investigação criminal. Ela foi aprovada por comissão especial da Câmara e segue para votação, em dois turnos, pelo plenário da Câmara, antes de ser examinada pelo Senado. Pelo texto, o processo só poderá ser conduzido pelo MP se a denúncia chegar com provas materiais do crime. Caso contrário, terá que encaminhar a ação para que a polícia inicie o processo investigatório.

(...)

http://amp-pr.jusbrasil.com.br/noticias/100205896/senadora-ana-amelia-considera-retrocesso-pec-que-exclui-possibilidade-de-mp-investigar-crimes

Andre Santiago disse...

Isso nunca vai ser um país de verdade, Brasil um lixo de merda.

Andre Santiago disse...

País de fezes.