terça-feira, 19 de março de 2013

Onde está o Ministério Público que não processa os políticos responsáveis por tragédias nas chuvas?


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Leia também o site Fique Alertawww.fiquealerta.net
Por Jorge Serrão
serrao@alertatotal.net
A presidenta Dilma Rousseff e seu futuro-provável candidato a vice-presidente, Serginho Cabral, simulacro de governador do Rio de Janeiro, deveriam ser processados por crime de (ir) responsabilidade diante da incompetência em reduzir o impacto mortal das chuvas na região serrana fluminense. A incompetência gerencial da dupla Dilma-Cabral é responsável direta por pelo menos mais 18 mortes em previsíveis temporais em fim de verão.

Por que Dilma não bota sua turma de aspones para acompanhar a execução de obras de contenção de encostas, orçadas em R$ 60 milhões, no sempre prometido e nunca acabado Programa de Aceleração do Crescimento – o famoso conto do PACo? Por que Sergio Cabral e os prefeitos da região serrana não cumprem a lei e o bom senso, retirando milhares de moradores de áreas de risco, antes que as tragédias aconteçam. E por que o Procurador-Geral da República ou os Procuradores estaduais de Justiça não processam os omissos pseudogestores – que nunca cumprem o dever legal, moral e funcional?

Os milhões de reais, em dinheiro público para obras fundamentais, nunca chegam na hora. E quando chegam, sempre atrasados, acabam apenas fazendo a alegria dos empreiteiros e políticos. A verba termina superfaturada em termos aditivos aos contratos e o excedente acaba distribuído, de forma corrupta, nos mensalões ou nas “doações” para a próxima campanha eleitoral (festa cínico-cívica de roubalheira que temos a cada dois anos) para o cassino da urna eletrônica eleger quem pouco ou nada fará pelo interesse público, de forma muito bem remunerada.

Ontem, foi patético ouvir a Presidenta Dilma dar mais uma de suas desculpas esfarrapadas diante de tragédias, diretamente do passeio em Roma para a audiência especial antes da posse do Papa Francisco. Como de costume, tentando forjar a imagem completamente falsa de “grande gerente”, Dilma prometeu medidas mais rigorosas para evitar novas vítimas nos grandes “tsunamis serranos”. Tradicionalmente defensivo, o discurso dela foi:

“A nossa prevenção não estava com nenhum tipo de problema. O problema é que, muitas vezes, as pessoas não querem sair. Acho que vão ter de ser tomadas medidas mais drásticas para que as pessoas não fiquem nas regiões em que não podem ficar"

No fim das contas, corrupção, demagogia, burocracia, descaso e incompetência se misturam, maleficamente, para produzir tragédias humanas previamente anunciadas no Brasil – a cada dia mais um País de Tolos. Quem resumiu muito bem a situação de sempre diante das chuvas e suas previsíveis tragédias foi o professor do Departamento de Geografia da PUC-RJ, Rogério Ribeiro de Oliveira, em entrevista ao jornal O Globo: “A obra é sempre para remendar. Para prevenir, os investimentos quase não existem. As áreas de risco recebem muito pouca atenção. Existe uma frouxidão do poder público, que só aparece quando há tragédia”.

Na verdade, no Brasil, a tragédia é o suposto poder público – por trás do qual se esconde o Governo do Crime Organizado.

Quem tem boca...



Esperança é a última que morre...

O Supremo Tribunal Federal deu ontem mais um alento de que o respeito ao Estado Democrático de Direito pode se tornar realidade, algum dia, no Brasil.

Até o julgamento final pelo plenário do STF, a ministra Carmem Lúcia derrubou a aplicação da estúpida, irracional, inconstitucional nova divisão dos royalties do petróleo, recém aprovada pela maioria governista no Congresso – com apoio velado da turma do Palhaço do Planalto.

Em seu despacho, Carmem Lúcia fez até uma prosa poética do nosso caos de insegurança do Direito em relação à Lei 12.734/2012:

Se nem certeza do passado o brasileiro pudesse ter, de que poderia ele se sentir seguro no Estado de Direito? Já se disse que o Brasil vive incerteza quanto ao futuro, mas tem também insegurança quanto ao presente, e o que é pior e incomum, também tem por incerto o passado.

Grande Comprador do Universo

A Forbes informa que Jorge Paulo Lemann, o homem mais rico do Brasil, vai às compras novamente.

Agora, ele é sócio da Diletto, marca de sorvetes criada no Brasil, mas com tecnologia italiana.

Pela participação minoritária de 20% na empresa, Lemann pagou cerca de R$ 100 milhões.

Alegria, alegria

Quem comemorou foi Leandro Scabin - o fundador da Diletto e sócio de Lemann:

"Juntos vamos transformar a Diletto na nova Haagen Dazs, com lojas espalhadas pelo mundo e faturamento anual de R$ 1 bilhão".

O negócio foi fechado com a intermediação da empresa Innova – cujos sócios são Marcel Telles e Verônica Serra.

Perdas da água

O Instituto Trata Brasil apresenta hoje os resultados do estudo “Perdas de água: entraves ao avanço do saneamento básico e riscos de agravamento à escassez hídrica no Brasil”.

Será a partir das 10h, na Cidade Universitária da USP - Auditório da Colméia - Rua do Anfiteatro, 181 - Favo 17 (Próximo a Praça do Relógio e ao CINUSP).

O Presidente Executivo do Instituto Trata Brasil, Édison Carlos, juntamente com o Prof. Dr. Rudinei Toleto Jr, da USP-Ribeirão Preto, falarão da situação das perdas de água no País, correlacionando-as com a perda de recursos financeiros ao setor nos Estados e Regiões brasileiras.

Na estrada...

Maior evento de infraestrutura viária e rodoviária do Brasil, será aberta nesta terça-feira, em São Paulo, a Brasil Expo Road 2013.

A feira, programada até quinta-feira no Transamérica Expo Center, será um importante palco de discussão da retomada do setor no País e para a geração de negócios.

Sotreq/Caterpillar, TEREX, Grupo Wirtgen, Tracbel, Cibi, Maxter, LDA Tanques, Keller, Benninghoven, Ticel, NAS Brasil, Emit, Rentamax, IMB, Dynapac, Romanelli, CPB Concreto Projetado do Brasil, Geobrugg AG, Maccaferri América Latina são algumas das empresas que participam do encontro.

Protestar é preciso?



Senhores dos anéis



Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog e podcast Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 19 de Março de 2013.

7 comentários:

Renan disse...

PROVA DE QUE COMUNISMO SÓ FUNCIONA NAS TEORIAS DOS MALUCOS COMUNISTAS!
A NÃO SER QUE V SEJA DEVOTO DA MULA SEM CABEÇA!
Os alunos garantiam sempre ao professor que o socialismo do PT funciona.
Ele disse: vamos fazer um teste socialista na classe. Todas as notas serão dadas com base na média da classe, e portanto notas “IGUALITARIAS”, dentro das propostas dos comunistas, de serem todos iguais.
Todos receberão as mesmas notas, ninguém será reprovado e ninguém receberá um “A”.
Na primeira prova todos receberam “B”. Quem estudou muito ficou indignado, mas os malandros ficaram satisfeitos com o resultado.
Na segunda prova, os preguiçosos estudaram ainda menos – tirariam notas boas de qualquer forma. Já os que tinham estudado bastante no início resolveram que eles também se aproveitariam do esquema das notas, e a segunda média das provas foi “D”.
Na terceira prova, a média geral foi um “F”. As notas não voltaram a níveis mais altos mas as desavenças entre os alunos, buscas por culpados e palavrões passaram a fazer parte da atmosfera das aulas. Queriam ‘justiça’, a principal causa das reclamações, inimizades, acusações e brigas que passaram a fazer parte da turma. No final das contas, ninguém queria estudar para beneficiar o resto da sala e todos os alunos não passaram na materia.
O professor explicou: “o experimento socialista falhou porque quando a recompensa é boa, o esforço pelo sucesso individual é grande. Mas agindo como o governo comunista que elimina todas as recompensas ao tirar coisas dos outros para dar aos que não batalharam por elas, então ninguém mais vai tentar ou querer fazer seu melhor. Logo se percebe que tal atitude coincidiu justamente na “luta de classes”, uns disputando com os outros, é uma das medidas dos comunistas para instigarem umas pessoas contra as outras e desincentivar os talentos, bom para gerarem querelas gerais e parasitas, os quais são os comunistas.
Ninguém pode levar o mais pobre à prosperidade apenas tirando a prosperidade do mais rico, pois
para cada um recebendo sem ter de trabalhar, há uma pessoa trabalhando sem receber, além do mais o governo não consegue dar nada a ninguém sem que tenha tomado de outra pessoa e, ao contrário do conhecimento, é impossível multiplicar a riqueza tentando dividi-la.
Quando metade da população tem a ideia de que não precisa trabalhar, pois a outra metade da população irá sustentá-la, e quando esta outra metade entende que não vale mais a pena trabalhar para sustentar a primeira metade, então chegamos ao começo do fim de uma nação.
Os onde os comunistas entram desarmonizam e destroem tudo: são demoníacos.
Funciona o socialismo só na cabeça de comunistas que são malucos que quererem provar que 2 + 2 são 5 e quererem enfiar isso na cabeça dos outros na marra, sendo muito intolerantes, agressivos, xiitas e talibans com quem discorde deles; caso da vinda da YOANI ao Brasil, lembra-se?
Equivale a acreditar na força da devoção à mula sem cabeça; quem vota neles, é devoto e acredita!
É + 1 demente em nosso meio necessitando suporte psiquiátrico!

Anônimo disse...

De:
Ucho Haddad –
Para: Dilma Rousseff –
Assunto: Nau sem rumo


http://ucho.info

Anônimo disse...

dilma, a louca!

Os royalties do petróleo jamais irão aparecer, simplesmente por que ninguém neste planeta possui tecnologia para tirar o grude nessa profundidade onde se encontra.

Logo, por que não vão todos os politicos interessados, principalmente o "francês" de Rio de Janeiro, tomarem calmantes ou tomarem o que quiserem onde quiserem e quando quiserem?

Chega de tanta estupidez e histerismo!

Anônimo disse...

2 + 2 ainda não é igual a 5. Mas 10-7
já é igual a 4. Logo chegaremos lá.

tiu disse...

- Depois de tanta chuva, Haddad anunciou a construção da hidroelétrica do Anhangabaú.
- Em SP não se fala mais direita e esquerda... agora é bombordo e estibordo!
- Se a São Silvestre fosse em janeiro, o Cesar Cielo ia humilhar!
- Depois do Airbag, os coletes salva vidas são os opcionais mais importantes nos carros de São Paulo.
- O melhor serviço de entrega em SP é do Submarino.
- Ninguém passa fome em São Paulo, Bolinho de Chuva é o que não falta.
- Vamos assistir a chuva lá em casa hoje??
- Quem acha que a água do mundo está acabando não mora em SP.
- Meu passeio ciclístico de hoje fiz de pedalinho.
- Agora, todo paulistano tem casa com vista para a praia.
- Tem carioca morrendo de inveja, agora São Paulo tem dois mares: Mar ginal Tiete e Mar ginal Pinheiros.
- A Dilma está lançando o BALSA-familia pra ajudar São Paulo
- Pelo menos a SABESP cumpriu o prometido: "água e esgoto na casa de todo mundo".
- O Haddad tá trocando o Bilhete Único pelo bilhete ÚMIDO!!
- A Marta disse para Haddad: Relaxa e bóia!!!

Leleco disse...

Se formos falar de inconstitucionalidade , primeiro temos que falar da quebra do monopólio da união sobre o barril que Lula fez e que continua até hoje. Quem entende de economia sabe a importância disso. se você tirar óleo daqui o óleo é seu, mesmo se for Gringo. vai tirar óleo na Arabia para você ver se fica com o óleo...la você tem um pagamento pelo trabalho exploratório, mas o óleo não fica com você . isso é muito mais importante do que essa questão que está se discutindo agora. isso e outras cagadas, como o fim da lei especifica sobre os royalties(escrevi certo?)da soja transgênica , favorecendo a Monsanto(empresa inglesa que possui a propriedade intelectual), que Lula fez se aproveitando da ignorância e alienação do nosso povo. Mas so uma questão para reflexão: já que o assunto é Adin, que Cabral impetrou, então o que diz a constituição: o Petróleo pertence ao Rio ou a União? abraços constitucionais.

Anônimo disse...

Dilma com 63% de aprovação?