sexta-feira, 30 de maio de 2014

O que desejam?


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Aileda de Mattos Oliveira

Ruir o Estado! Eis a meta dos arquitetos da demolição, doutorados na universidade das ideias monolíticas e sombrias dos teóricos comunistas, com prática nos campos de treinamento de Cuba.
Prostituir a Educação; degradar as organizações exemplares do país; manter na várzea núcleos sociais por meio do assistencialismo sem perspectiva; objetivos já atingidos sem que haja reação dos contrários, o que permite o domínio dos órgãos públicos, e, nas fraudulentas licitações, o harmonioso conchavo com as megaempresas, tudo em marcha batida pelos ávidos usufruidores da miséria humana.
É fato de que o povo, avesso ao trabalho, à atividade mental, distanciado dos estudos que lhe dariam independência na escolha de seu destino, não pode, por incapacidade perceptiva, avaliar o rendoso butim oficial pela prática diabólica do contínuo mergulho do governo nos mananciais da fazenda inundados com a arrecadação tributária.
Arrecadação oriunda da classe média, torturada pela voz tresloucada da pseudofilósofa uspiana, parte integrante da usina petista de produção de energia negativa que atinge, há doze anos, esse território, sem que haja, até agora, reação energética equivalente, que elimine, de vez, o infecto gás que escapa do lixo governamental.
Esses são fatores do engessamento do País, o cadeirante Brasil, empurrado por mãos apátridas, sem rumo, paralítico pela falta de altivez dos brasileiros que sustentam a corja de ociosos políticos.
Os partidos, siglas dissimuladas de uma mesma ideologia, estão a serviço da ilha-prisão, pela submissão às exigências da pusilânime presidente. A rubrica dos párias da Nação é o agir no desmoronamento do patrimônio institucional erguido com o denodado esforço dos bons brasileiros no decorrer da história nacional.
Transformou-se a máfia congressista em desprezível conjunto de títeres do assassino cubano, desde que as portas das facilitações e dos favores foram-lhes escancaradas.
Não representam esta Nação, mas a de criminosos governantes estrangeiros; as das inúmeras ONG que dominam partes do território, signatários que foram da divisão do país; as das instituições transnacionais, diante das quais vergonhosamente se ajoelham; em suma, criminosos lesas-pátrias que, em outras épocas, seriam sumariamente fuzilados.
O Brasil está sob os desvarios de uma presidente afásica*, incapaz, saída do domínio da luta armada para o campo da habilidade política, assunto que não lhe é familiar pela grosseira concepção do que seja governar; sob o cinismo dessa impune guerrilheira, proporcional à estupidez do povo sem brio; sob o provincianismo peculiar dos anões da politicagem nacional; sob a ‘ratanização’ do erário.
Como anestesistas da Nação, inoculam a inércia, o horror ao trabalho no povo, por natureza, movido a funk, futebol e carnaval.
Esses espécimes, saídos dos livros de Cesare Lombroso**, devem para lá retornar, fixarem-se em cada página, como exemplos de excrescências, aberrações da natureza, incapazes de conviverem em sociedade, mesmo nesta tacanha sociedade brasileira.
*Que tem dificuldade em expressar o pensamento por meio das palavras

**Criminologista italiano, século XIX, criador da Antropologia Criminal.


Aileda de Mattos Oliveira é Doutora em Língua Portuguesa e membro da Academia Brasileira de Defesa.

8 comentários:

Anônimo disse...

O texto que eu gostaria de ter escrito!
Se as FFAA não intervierem, o melhor será arrumar as malas e procurar outro lugar para viver em paz com minha família.

Anônimo disse...

Cleonice I Ferreira disse : Aprecio muito seus artigos Doutora Aileda de Mattos Olveira. A senhora expõem os fatos de uma forma extraordinário. Nós prestam um grande favor.Muita LUZ na vossa vida.

Loumari disse...




Revista francesa detona o Brasil e aponta Copa no país como o “Mundial do Medo”.


























































































A renomada revista FRANCE FOOTBALL traz sempre belíssimas capas, ilustradas com fotos de lances sensacionais, gols, voleios, troféus, torcidas celebrando com suas bandeiras, etc... Mas esta semana veio com uma "Edição de Luto".


Onde deveria estar escrito "Ordem e Progresso" foi colocada uma tarja negra.




No subtítulo diz: Atingido por uma crise econômica e social, o Brasil está longe de ser aquele paraíso imaginado pela FIFA para organizar uma Copa do Mundo, a menos de 5 meses do mundial, o Brasil virou uma terrível fonte de angústia. A revista FF é a mais respeitada publicação de futebol no mundo.
O prêmio "Ballon d'Or", foi criado por ela, e a FIFA teve que pagar para ter o direito de promover tal prêmio. Também foi dela a série de reportagens que culminaram na suspensão do campeonato Italiano de 2005/06, assim como as denúncias de corrupção que resultaram na queda de João Havelange.
A revista pode ser acessada no site: www.francefootball.com mas a reportagem, de 12 páginas, não está liberada no Brasil.
Alguns fatos sobre a copa:

Loumari disse...


Política



















· Apesar do lema brasileiro: "Ordem e Progresso", o que menos se vê na preparação deste mundial, é Ordem ou Progresso.



















· A FIFA não pediu ao Brasil para sediar a Copa, foi o Brasil que procurou a FIFA e fez a proposta.
· A corrupção no Brasil é endêmica, do povo ao governo.
· A burocracia é cultural, tudo precisa ser carimbado, gerando milhões para os Cartórios.
· Tudo se desenvolve a base de propinas.
· Todo o alto escalão do governo Lula está preso por corrupção, mas os artistas e grande parte da população acham que eles são honestos, e fazem campanhas para recolher dinheiro para eles.
· Hoje, tudo que acontece de errado no Brasil, a culpa é da FIFA, antes era dos EUA, já foi de Portugal, o brasileiro não tem culpa de nada.
· O Brasileiro dá mais importância ao futebol do que à política.
· O Brasileiro elege jogadores de futebol para cargos públicos.
· Romário (ex-Barcelona) é hoje deputado. Aproveita o descontentamento com a Copa para se auto-promover, mas nunca apresentou um projeto de lei sobre saúde ou educação. Sua meta é dar ingresso da Copa para pobre (como se essa fosse a prioridade para um pobre brasileiro).
· O Deputado mais votado do Brasil é um palhaço analfabeto e banguela, que faz uma dança ridícula, com roupas igualmente ridículas, e seu bordão é: "pior que está não fica". Será?
· Em uma das músicas deste palhaço analfabeto ele diz: "Ele é ladrão mas é meu amigo!", Isso traduz bem o espírito do Brasileiro. (http://letras.mus.br/tiririca/176533/)

Loumari disse...


Brasileiros se identificam com analfabetos.
· A carga tributária do Brasil é altíssima maior que a da França, e os serviços públicos são péssimos comparáveis aos do Congo.
· Mas o Brasileiro médio pensa que ele mora na Suíça. Quem está lá, na verdade, é a FIFA.- Há um dito popular que diz que "Deus é brasileiro".
· A FIFA, como imagem institucional, busca não associar-se a ditaduras. Tanto que excluiu a África do Sul na época do Apartheid e, ao contrário do COI, recusou a candidatura da China, apesar das ótimas condições que o país oferecia. Mas o Brasil, sede da Copa, vive um caso de amor com ditaduras.
· O Brasil pleiteava uma cadeira no Conselho de Segurança da ONU, para sentar-se ao lado França, mas devido ao seu alinhamento com ditaduras, a França já se manifestou contrariamente.
· A Presidente Brasileira parece estar alienada da realidade e diz que será o melhor mundial de todos os tempos, isso, melhor que o do Japão, dos EUA, da França, da Alemanha.
· O governo brasileiro acaba de gastar 400 milhões de Euros com compras de armas para a polícia e disse estar disposto a colocar o exército na rua para proteger a Copa contra os... Brasileiros (?) Isso mesmo, o governo está ameaçando seu próprio povo.
· Há um movimento de alguns jogadores de futebol, liderado pelo ídolo do Lyon (França) Juninho Pernambucano, chamado "Bom Senso", pedindo conscientização dos jogadores.
· Analisando os países sedes desde 1970, o número de mortes em estádios, nos 16 anos prévios a cada edição da Copa: México: (1970): 06 mortes; Alemanha (1974): 00 mortes; Argentina (1978): 04 mortes; Espanha (1982): 00 mortes; México (1986): 12 mortes; Itália (1990): 00 mortes; EUA (1994): 00 mortes; França (1998): 00 mortes; Japão (2002): 00 mortes; Coreia do Sul (2002): 00 mortes; Alemanha: (2006): 00 mortes; Africa do Sul: (2010): 17 mortes; Brasil: (2014): 234 mortes;
· As autoridades dizem que foram pegas de surpresa!
· Não há transporte por trens.









Loumari disse...


Saúde
· Reze para não ter problemas de saúde enquanto estiver alí.
· Vacina contra febre amarela é recomendada.
· Use repelentes, no Brasil ainda há pessoas morrendo com dengue, malária ou doença de chagas, já erradicadas na França no século XVIII.
· Faça um seguro de saúde privado antes de ir ao Brasil.
· Médicos privados cobram mais de 100Eurs por consultas de 20minutos.
· Os hospitais públicos são péssimos, comparáveis a zonas de guerra. Vide
· A frase de Ronaldinho Fenômeno virou hit no Twitter e record e visualizações no youtube.
· O Pelé pediu para os Brasileiros esquecerem os problemas e curtirem a Copa.








Hospedagem
· Paris é a cidade mais visitada do mundo, com quase 20 milhões de turistas / ano. São Paulo é menos visitada que a pequena Benidorm na Espanha, ou que a cinza Varsóvia, na Polônia ou a poluída Chenzen na China.
· São Paulo perde para Buenos Aires, Cuzco e outras cidades Sulamericanas.
· Nem no Brasil é a mais visitada. Ninguém faz turismo em São Paulo.
· Amarga o posto 68 na lista das mais visitadas do mundo.
· No entanto, um hotel em São Paulo custa em média 40% mais do que se hospedar em um equivalente hotel em Paris.
· Na época da Copa, um hotel de baixa qualidade em São Paulo chega a pedir 800 Euros por noite.
· Os brasileiros não tem hábito de intercambiar casas, alugar sofás ou hospedar pessoas por sites em internet.
· Leve adaptador de tomada. O Brasil adotou um sistema que só existe no Brasil, e muda a cada 4 ou 5 anos, gerando milhões para algumas empresas.








Telecomunicações
· Minuto de celular mais caro do mundo. Videhttp://www1.folha.uol.com.br/mercado/2013/10/1352956-minuto-do-celular-no-brasileo-mais-caro-do-mundo.shtml
· O sinal é péssimo, um dos piores do mundo.
· 4G não existe na maioria das cidades.
· A internet é horrível e caríssima. Para o Brasil chegar aos níveis do Iraque deveria dobrar o investimento em banda larga. Vide http://veja.abril.com.br/noticia/vida-digital/conexao-de-internet-no-brasil-e-mais-lenta-que-no-iraque-e-cazaquistao









Loumari disse...


Segurança
· Se você não gostou do que leu até agora, o pior está aqui.
· No Brasil há mais assassinatos que na Palestina, no Afeganistão, Síria e no Iraque JUNTOS.
· No Brasil há mais assassinatos que em toda a AMÉRICA DO NORTE + EUROPA + JAPÃO + OCEANIA.
· A guerra do Vietnã matou 50.000 pessoas em 7 anos. No Brasil se mata a mesma quantidade em um ano.
· Ano passado foram 50.177 segundo o governo, segundo a ONGs superam 63.000 mortes.
· Todo brasileiro conhece alguém que foi assassinado.
· 1% dos casos resultam em prisão.
· Este 1% não chega a cumprir 1/6 da pena, e é beneficiado por vantagens que se dão aos criminosos.
· As prisões parecem masmorras e não recuperam.
· Rebeliões com dezenas de mortos, pessoas decapitadas, esquartejadas são frequentes.
· Recomenda-se levar uma pequenas quantidade de dinheiro para caso de assaltos. É comum assassinarem as pessoas que nada tem para o assalto.
· Não leve o cartão consigo, você pode ser vítima de uma espécie de sequestro que só tem no Brasil: "Sequestro Relâmpago".
· Não use relógios, máquinas fotográficas, celulares, pulseiras, brincos, colares, anéis, bolsas caras, bonés caros, óculos caros, tênis caro, etc... Vista-se da forma mais simples possível.
· Se for assaltado, não reaja.
· Não ande pelas ruas após as 22hs.
· Caixas eletrônicos não funcionam após as 22h30, devido aos assaltos. Os políticos, no lugar de aumentar a segurança, tiveram a brilhante idéia de proibir o cidadão de bem de tirar dinheiro do caixa.
· Os bancos fecham as 16hs.
· Só faça câmbio em bancos ou casas autorizadas. Existe uma grande quantidade de moeda falsa e estrangeiros são alvo fácil.
· Policiais são monoglotas. Aprenda frases como: "Eu fui assaltado"; "preciso de ajuda", "estou ferido", "sou francês, leve-me ao consulado por favor"
· Há falsas blitz para assaltar pessoas.








Conclusão
· O que falta no Brasil é educação. Os números são assustadores, mesmo quando comparados com seus vizinhos sulamericanos.
· O Brasil tem uma porcentagem de universitários menor que o Paraguai;
· Apenas 3% dos Brasileiros são bilingues.
· A Argentina tem 5 prêmios Nobel, a Colombia 3, o Chile 3, a Venezuela 1, a Colombia 4, o Brasil? Zero!
· Entre as 300 melhores Universidades do mundo, não tem nenhuma Universidade Brasileira.
· O país tem 9% de analfabetos;
· No Brasil há 33.000.000 de analfabetos funcionais.
· Ano passado surgiram 300.000 novos analfabetos.
· No ranking da ONU de 2012 o Brasil, que já estava mal colocado, caiu mais 3 posições, e hoje é o número 88 no mundo. (A França é 5.)
· O Brasil fica atrás de Belize, Ilhas Fiji, Tchad, Azerbaijão, Ilhas Maurícios, Uzbequistão, Mongólia, Paraguai, Trinidad e Tobago, Belarus, Tijiquistão, Botswana, São Tomé e Príncipe, Namíbia, Santa Lúcia, Moldavia... Até atrás da Palestina em guerra, o Brasil conseguiu ficar.
· UMA VERGONHA INTERNACIONAL mas o brasileiro está muito feliz de ser pentacampeão de futebol.







Nos corredores da FIFA já se admite que foi o maior erro da história da Instituição eleger o Brasil como sede. O que se fala é que os dirigentes deveriam ter ouvido o grande Estadista Francês Charles de Gaulle, quando disse: "O Brasil não é um país sério".





Loumari disse...


Segurança
· Se você não gostou do que leu até agora, o pior está aqui.
· No Brasil há mais assassinatos que na Palestina, no Afeganistão, Síria e no Iraque JUNTOS.
· No Brasil há mais assassinatos que em toda a AMÉRICA DO NORTE + EUROPA + JAPÃO + OCEANIA.
· A guerra do Vietnã matou 50.000 pessoas em 7 anos. No Brasil se mata a mesma quantidade em um ano.
· Ano passado foram 50.177 segundo o governo, segundo a ONGs superam 63.000 mortes.
· Todo brasileiro conhece alguém que foi assassinado.
· 1% dos casos resultam em prisão.
· Este 1% não chega a cumprir 1/6 da pena, e é beneficiado por vantagens que se dão aos criminosos.
· As prisões parecem masmorras e não recuperam.
· Rebeliões com dezenas de mortos, pessoas decapitadas, esquartejadas são frequentes.
· Recomenda-se levar uma pequenas quantidade de dinheiro para caso de assaltos. É comum assassinarem as pessoas que nada tem para o assalto.
· Não leve o cartão consigo, você pode ser vítima de uma espécie de sequestro que só tem no Brasil: "Sequestro Relâmpago".
· Não use relógios, máquinas fotográficas, celulares, pulseiras, brincos, colares, anéis, bolsas caras, bonés caros, óculos caros, tênis caro, etc... Vista-se da forma mais simples possível.
· Se for assaltado, não reaja.
· Não ande pelas ruas após as 22hs.
· Caixas eletrônicos não funcionam após as 22h30, devido aos assaltos. Os políticos, no lugar de aumentar a segurança, tiveram a brilhante idéia de proibir o cidadão de bem de tirar dinheiro do caixa.
· Os bancos fecham as 16hs.
· Só faça câmbio em bancos ou casas autorizadas. Existe uma grande quantidade de moeda falsa e estrangeiros são alvo fácil.
· Policiais são monoglotas. Aprenda frases como: "Eu fui assaltado"; "preciso de ajuda", "estou ferido", "sou francês, leve-me ao consulado por favor"
· Há falsas blitz para assaltar pessoas.








Conclusão
· O que falta no Brasil é educação. Os números são assustadores, mesmo quando comparados com seus vizinhos sulamericanos.
· O Brasil tem uma porcentagem de universitários menor que o Paraguai;
· Apenas 3% dos Brasileiros são bilingues.
· A Argentina tem 5 prêmios Nobel, a Colombia 3, o Chile 3, a Venezuela 1, a Colombia 4, o Brasil? Zero!
· Entre as 300 melhores Universidades do mundo, não tem nenhuma Universidade Brasileira.
· O país tem 9% de analfabetos;
· No Brasil há 33.000.000 de analfabetos funcionais.
· Ano passado surgiram 300.000 novos analfabetos.
· No ranking da ONU de 2012 o Brasil, que já estava mal colocado, caiu mais 3 posições, e hoje é o número 88 no mundo. (A França é 5.)
· O Brasil fica atrás de Belize, Ilhas Fiji, Tchad, Azerbaijão, Ilhas Maurícios, Uzbequistão, Mongólia, Paraguai, Trinidad e Tobago, Belarus, Tijiquistão, Botswana, São Tomé e Príncipe, Namíbia, Santa Lúcia, Moldavia... Até atrás da Palestina em guerra, o Brasil conseguiu ficar.
· UMA VERGONHA INTERNACIONAL mas o brasileiro está muito feliz de ser pentacampeão de futebol.







Nos corredores da FIFA já se admite que foi o maior erro da história da Instituição eleger o Brasil como sede. O que se fala é que os dirigentes deveriam ter ouvido o grande Estadista Francês Charles de Gaulle, quando disse: "O Brasil não é um país sério".