domingo, 28 de dezembro de 2014

Jaques Wagner - apenas um petista...


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Paulo Chagas

Caros amigos: Um velho Coronel da Força Aérea Brasileira, Cyrano Portocarrero, grande amigo do meu pai, forjou a seguinte máxima:
“Um homem, sem seu cavalo, é apenas um homem. Um cavalo, sem seu cavaleiro, é sempre um cavalo”.

O pensamento visa a chamar a atenção para a nobreza do cavalo diante da insignificância do homem. Coisa dos que chamamos de “homens do cavalo”, entre os quais, honrado, me incluo!

É com este espírito, mal comparando, que enxergo a nomeação do governador Jaques Wagner para o Ministério da Defesa, no qual ele é apenas um petista, com toda a insignificância decrescente que o título encerra, já as Forças Armadas, com ou sem ministro, serão sempre Instituições Nacionais Permanentes, com toda a importância que o texto constitucional lhes confere!

Assim, pouco importam as virtudes ou os vícios do Sr JW, pois ele só terá significado e importância se os militares houverem por bem incorporá-lo ao seu meio e prestigiá-lo como Chefe Militar, o que ele não é, nem nunca será!

Como disse, ele não passa de um petista desempregado, cujo único contato com o nosso meio foi em passagem pelo Colégio Militar do Rio de Janeiro. Deve ter feito amigos que seguiram a carreira e que hoje estão em reserva, nada mais. Pouco se sabe sobre ele neste período, o que me induz a pensar em mediocridade...

Como virtudes, se é que podemos chamar assim, JW tem a proximidade, a simpatia e a confiança da Governanta Dilma Rousseff bem como a facilidade de trânsito nos meandros do Congresso Nacional. Cabe aos Comandantes das Forças e a seus Altos Comandos saber usar estas “virtudes”, mantendo, dele e do governo, a distância de segurança necessária para manobrar no espaço que lhes confere o afastamento do poder e a liberdade de não serem membros e de não terem outros compromissos com o governo além do cumprimento de suas missões constitucionais.

Se JW fez o CFR (Curso de Formação de Reservistas) do CMRJ, deve lembrar-se da máxima de que “quem dá a missão, dá os meios”! Basta lembrá-lo disso ou ensiná-lo sobre o tema desde logo e, após, manter a voga e a pressão!

JW foi sindicalista e saberá interpretar o espírito da mensagem em todos os aspectos ela que encerra, inclusive no social, ligado às necessidades da Família Militar.

Entendo que se deve respeitar a autoridade do Ministro da Defesa, nos seus devidos limites, mas não há qualquer motivo para incorporar o petista JW ao nosso convívio ou para ter com ele consideração além da regulamentar, ou seja, enquanto ele estiver ministro deve ser cobrado e exigido pelas Forças em tudo o que lhe cabe como intermediário junto aos Poderes da República. Não há razão para termos qualquer outro tipo relacionamento ou de consideração para com ele.

Ele, estando ministro ou não, é apenas um político filiado ao partido dos trabalhadores, enquanto nós seremos sempre Marinheiros, Soldados e Aviadores do Brasil!

Os militares conhecem todos os limites do exercício do poder legal, conhecem suas missões, seus deveres e seus compromissos para com a Nação e, para serem eficientes, eficazes e efetivos não precisam bajular ou prestar vassalagem a quem quer que seja, basta-lhes a lei, os regulamentos e a confiança dos brasileiros!

Portanto, qualquer que seja o Ministro da Defesa, precisamos, isto sim, de Comandantes, Chefes e Líderes Militares, eles é que fazem a diferença !

É o que penso e espero!


Paulo Chagas, General de Brigada na reserva, é Presidente do Ternuma.

8 comentários:

Loumari disse...

Compreendam que já chegou a hora para os verdadeiros carrascos tomarem posse de todos postos estratégicos e assentarem-se confortavelmente no poder.

E depois deles bem instalados vão liquidar a perua. E, isto com a participação cúmplice dos militares.

Sinto muita pena de todos aqueles que me agrediam aqui com propósitos de toda sorte.

Olhem para vós agora?
O que foi o que disse um dos comentaristas aqui uma vez? Que Loumari é analfabeto porque não fala o português brasileiro? E se eu lhe disser que o português falado no Brasil é o português reduzido a expressão dos escravos? Mediante foram amputando as palavras de suas letras, foram com aquilo encurtando o seu próprio juízo. Resultado, dá isto o que vêem; retrato perfeito do brasileiro amputado do juízo: Jaques Wagner, Lula, Dilma e companhia...

Oxalá que estes todos fossem analfabetos como a Loumari?

Fabiano Santos disse...

Que governo bem cara de pau esse. Se já não bastasse o Crivella na pesca, dizendo que não sabe"nem colocar
uma minhoca no anzol", agora a Dilma aparece com mais esta.
.....
Loumari, quem te chamou de analfabeta, está redondamente enganado(a). Eu admiro muito a tua escrita.

Caio Germano disse...

Caro General. Nossas FFAA hoje vivem de suas glorias passadas. Sonhando com um futuro brilhante. Nossas forças armadas sao exatamente como o tao sonhado Brasil. O país do futuro ! Tudo nesse país é para o futuro. A saude e a educação é para o futuro. A educação e a segurança é para o futuro. Nossa democracia entao ... para um futuro muito distante !
Caro General. Citando o presente, o hoje. Lembra que em 2011 o Ministério da Defesa concedeu ao lixo comunista, ladrao, assassino, corrupto e petista José Genoino a MEDALHA DA VITÓRIA. E vitória contra quem ? Contra as FFAA, contra eu e vc ! Mas voce pode me dizer que nao foram as FFAA, mas o maldito Ministério da Defesa, e que este é comandado por civis.
Sim, comandado por lixos comunistas sem honra ou o minimo de caráter. Mas nao houve um soluço sequer de desaprovação quando o nome de lixo escroto foi lançado para receber essa honraria. Também nao tem ocorrido manifestação alguma quanto a infâmia perpetrada por parte do PT nas reunioes do FORO DE SAO PAULO. A pouco os acordos da UNASUL, onde querem escancarar nossas fronteiras para que todo tipo de bandido, traficante e terrorista tenha acesso a esse paraiso da impunidade que é o Brasil. Milhares de haitianos, bolivianos, cubanos... que estao aqui e nao vejo uma linha escrita por nossas magnificas FFAA, sobre o perigo real e imediato que isso significa a nossa soberania territorial. Ou mesmo uma linha que foi escrita e difundida dos desmandos desse e outros governos quanto ao dar soberania a uma tribo de indios, que agora por força de lei, rachou esse país em etnias e tribos. Voces podem ter que prestar contas ao Ministério da Defesa, mas tem a obrigação moral e o peso da história em seus ombros, de ao nao concordar com o que esse governo de ladroes, traficantes e terroristas, virem a publico e manifestar suas opnioes e darem sua aprovação ou nao, sobre o que vem acontecendo nessa republica de bananas.
Aqui em minha regiao se usa um proverbio que tenho certeza que voce ja ouvio.
Quem cala, consente !

Loumari disse...

Extimado Fabiano Santos,

Despreocupa-te meu caro irmão! Agora é que as coisas vão começarem a animarem.

Não te esqueças de tudo o que padeceu Jesus Cristo. Focaliza-te unicamente nisso. Nunca as coisas foram assim tão sensacionais.

Loumari disse...

Senhor Germano, você se esqueceu de mencionar os milhoes de islamistas bangalis que já saturam o Brasil.


"Segundo dados do Conare (Comité Nacional para os Refugiados), no ano passado, até Novembro, 1.830 bengalis entraram no Brasil e solicitaram status de refugiados – mais que o dobro do total de cidadãos do segundo país que mais fizeram a mesma solicitação no mesmo período, Senegal (799). Apesar de não terem o pedido de refúgio atendido – por não se encaixarem nos critérios do governo para isso -, os bengalis acabaram permanecendo no país, recebendo direito a residência permanente. Sem isso, e sem o status de refugiados, eles poderiam ter sido deportados do país. O fato reflecte um crescimento crescente no número de imigrantes de Bangladesh nos últimos anos. Em 2011, o Conare contabilizou 74 pedidos de refúgio feitos por pessoas do país asiático. No ano seguinte, elas haviam subido para 280.
Projecção atraente A chegada de imigrantes ou refugiados vindos de Bangladesh ou de nacionalidades que tradicionalmente não migravam em massa ao país é um fenómeno recente. Essa diversificação, segundo autoridades, é fruto da crescente projecção brasileira no exterior, aliada às crescentes restrições à entrada de imigrantes na Europa e nos Estados Unidos. Segundo Ricardo Felix, advogado da Cáritas, ONG de direitos humanos que ajuda refugiados em várias cidades brasileiras, muitos bengalis com quem ele conversou nos últimos meses contam ver o Brasil como um país em paz, cheio de oportunidade e com histórico acolhedor. "Fora que é um país em evidência, pelo crescimento económico e pelos grandes eventos. E, junto com isso, também vêm as consequências", diz Ricardo Felix. De acordo do Felix, muitos que ele entrevistou nos últimos meses contam que chegam no Brasil, directamente em cidades como Rio ou São Paulo, de avião, portando visto de turistas, para em seguida pedirem refúgio. Outros tantos, porém, chegam por rotas muito mais complicadas. A Polícia Federal diz que parte dos bengalis entra no Brasil pelas fronteiras com a Bolívia - caso de Hussain - ou com o Paraguai. Muitos vêm ao país para trabalhar em fábricas - especialmente no Paraná. As primeiras vindas de bengalis, assim como de paquistaneses, ganeses e senegaleses, ocorreram, segundo o Ministério da Justiça, "em razão da crescente necessidade de mão-de-obra para o abate halal (preparação de carne seguindo os preceitos islâmicos), em consequência do crescimento do mercado no Oriente Médio e da obrigação de que o abate das aves fosse feito exclusivamente pelos praticantes da religião muçulmana". O abate com o método halal fornece um selo requerido pelos países de maioria islâmica que importam a carne brasileira.
Miséria e política Mas por que tantos bengalis estão deixando seu país e encarando uma jornada que incluiu atravessar dois continentes e dois oceanos para pedir refúgio aqui?

Loumari disse...

Podem ter a certeza de que este novo povo vai multiplicar a criminalidade, e estender ainda mais as áreas para o tráfico de drogas de sinteses. Este povo é em maioria de religiao islâmica. E sao grandes matoes. Em Bangladesh estao a massacrarem todos os da religiao budista, calcinam todos os templos budistas. Os islamistas começam por massacrar os outros povos, e depois quando os outros se levantam contra eles, e lá os islamistas gritam serem vitimas. Foi o que eles fizeram em Republique Centrafrique. Entraram mercernários islamistas e começaram a massacrarem os nao muçulmanos, e depois quando os nao muçulmanos se armaram contra os islamistas, lá eles gritam serem vitimas dos cristaos. Esta religiao islamica é uma doutrina de todas as ambiguidades, confusao, engano, manipulaçoes e mentiras. Eles nao querem a verdade. Dize-lhes que o seu profeta é um analfabeto, para verem que é razao para eles começarem a matar a gente. Portanto, é verdade que o seu profeta é analfabeto. Por que eles nao assumem esta verdade? Analfabeto é sinônimo de TREVAS. TENEBRA. HADES. INFERNO.

Anônimo disse...

O generaleco de pijamas autor do texto: apenas um palhaço, como seus pares, na reserva e na ativa. Se bem que os da ativa certamente estão lucrando bastante, então...rs

Bando de bostas, boçais e covardes! Não servem pra nada!

Nicolae Sofran disse...

O comunista Jaques Wagner ministro das Forças Armadas, acho uma vergonha!