sábado, 12 de setembro de 2015

Os farsantes levam tempo enganando

Lula e Evo

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Márcio Accioly

O ex-presidente Lula da Silva, o Lularápio, foi para a Argentina em companhia do presidente da Bolívia, Evo Morales, fazer campanha para tentar eleger Daniel Scioli à sucessão de Cristina Kirchner. Para um país que já colocou na Casa Rosada figura desmoralizada e desmoralizante como o descendente de sírio, Carlos Menem (1989-99), levar Scioli ao pódio não deve ser tarefa considerada das mais difíceis.

O candidato de Cristina foi indicado para a disputa ao ganhar as primárias do seu partido com 38,4% do total de votos. O país, mergulhado num processo de corrupção que nada fica a dever ao Brasil, ainda funciona e não se desmontou totalmente, como é o nosso caso, mas tudo é questão de tempo.

Sem analisar o mérito da indicação argentina, o que se evidencia é a articulação de Lularápio pelo Continente Sul-americano, comprovando que sua ex-excelência morre de medo de ser preso. As provas criminais que estão se acumulando concorrem para levá-lo a qualquer momento a uma das celas da Polícia Federal, em Curitiba.

E vejam só a companhia escolhida pelo semialfabetizado: Evo Morales, personagem que, não faz muito tempo, ameaçou militarmente o Brasil no caso de remoção da presidente Dilma Roussef do Palácio do Planalto. Lularápio é uma das pessoas mais moralmente desqualificadas deste país conduzido por bandidos e assaltantes dos cofres públicos.

Não se duvide da possibilidade de Lularápio buscar asilo num país “amigo”, desequilibrado que se encontra com o desastre econômico que findou por expor seu esquema criminoso. Ele se mostra visivelmente apavorado com a ameaça de prisão, pois sabe que é o principal responsável pelas atuais quadrilhas ainda azeitadas a carregarem recursos financeiros do país. O PT é uma organização criminosa das mais nefastas.

Não foi à toa que o maior detentor de títulos de “doutor honoris causa” do planeta (acabou de receber mais um, da Universidade de La Matanza) convocou o “Exército” de Stédile e não responde a provocações efetuadas por comparsas que comandam republiquetas de quinta categoria iguais a nossa. O alcoólatra inveterado sempre esteve preocupado unicamente em salvar a própria pele. O resto que se dane!

Se a situação econômica não tivesse se deteriorado tão rapidamente (e a tendência é se agravar ainda mais), a grande maioria ainda estaria batendo palmas e louvando Lula da Silva. Que continuaria a roubar impunemente até o fim de nossos dias. O problema é que a política adotada por sua ex-excelência deu com os burros n’água e não terá mais como se sustentar.

O que os gatunos dos cofres públicos que ora “nos dirigem” querem é aumentar impostos. Como são ladrões contumazes e nada mais sabem fazer, além de carregar e dilapidar o patrimônio público, uma crise como a que já se encontra instalada os deixa atarantados, assustados, inertes, com os pés de cabra nas mãos, desmascarados sem ter mais como arrombar os cofres nacionais: o dinheiro acabou!

O PT, chefiado pelo seu assaltante mor, Lularápio, não tem compaixão de ninguém (é só ler sobre o assassinato do então prefeito de Santo André, Celso Daniel e ouvir dezenas de gravações que existem pela rede). A legenda foi mais rapidamente desmascarada por conta da internet. Por isso que seus parlamentares e ministros se esforçaram tanto para controlá-la, mas não conseguiram o intento. Agora, é tarde!

Na Argentina, Lula da Silva goza ainda de grande popularidade e esta é a razão pela qual ele faz campanha pelo candidato de Cristina. Já na Venezuela, com a escassez de alimentos, as pessoas o detestam. É uma pena que se leve tanto tempo para se descobrir um farsante. Lularápio deve findar apenas com Cuba como opção de exílio.


Márcio Accioly é Jornalista.

4 comentários:

O SOMBRA disse...

AOS NOBRES JORNALISTAS E COMENTARISTAS DAS REDES DE TELEVISÃO E DEMAIS VEÍCULOS DE COMUNICAÇÃO NO BRASIL

Não sei se os nobres Jornalistas já fizeram investigações ou inquéritos sobre o CRIME ORGANIZADO ( TRÁFICO DE ENTORPECENTES E CONTRABANDO DE ARMAS), crimes estes no nosso entender de prioridade do GOVERNO FEDERAL, com aplicação das Forças Armadas nas fronteiras, juntamente com a Polícia Federal.

Para se chegar perto dos CHEFES de terceiro escalão como os que estão presos nos presídios brasileiros e dando ordens de dentro deles, para os seus soldados cometerem crimes comuns como saidinhas de bancos, assalto a transeuntes, a ciclistas, a carros comuns e fortes, a caminhões de cargas, a caixas eletrônicas, a bancos, ônibus e crimes de balas perdidas em defesa das suas bases de vendas nas comunidades carentes em todo o Território Nacional ( Distrito Federal, Estados e Municípios ).

É preciso muitos anos de investigação e cuidados próprios dos Agentes da Segurança Pública para não expor a sua vida.

Isto é para levar a cabo a prisão do terceiro escalão.

Imaginem as dificuldades para se prender os barões do crime organizado do segundo escalão , quem são aqueles que estão nos Governos(Federal, Estaduais e Municipais), com cargos altíssimos, dando ordens ao terceiro escalão, para o cometimento desses crimes comuns e influenciando muitas vezes nas investigações e as desviando com membros do Judiciário nomeados pelo Chefão para ocupar cargos em órgãos que tem o poder de decisão para determinar as investigações sobre membros dos três poderes ( Executivo, Legislativo e Judiciário), CUJAS NOMEAÇÕES SÃO DE CUNHO PRESIDENCIAL, acarretando muitos prejuízos as investigações desses membros envolvidos, para não deixar que sejam atingidos pelas investigações.

Exemplo a Operação Lava-Jato

Todo crime organizado tem um CHEFE MOR que o comanda de dentro do Governo Federal e que é de conhecimento de poucos ou de ninguém.

Para se chegar a este SENHOR DO CRIME ( O CHANCELER ). É preciso muito cuidado, para ultrapassar os obstáculos que são criados para a investigação não alcançar o objetivo final, que e a prisão do verdadeiro e único CHEFE do crime organizado, que o comanda de dentro do Governo Federal.

Se os responsáveis pelas investigações na Polícia Federal e no Ministério Público Federal não brigarem pela sua autonomia, dificilmente se chegará a um denominador comum com a com a prisão do CHEFE MOR (O CHANCELER), que é o objetivo final.

Todos os artifícios legais podem e devem ser utilizados para se levar as investigações ao objetivo final, que é a prisão do CHANCELER .

Na Operação Lava-Jato não pode ser diferente, o estado de Direito deve estar presente, mas na nossa opinião qualquer argumento como a DELAÇÃO PREMIADA , deve ser considerado plenamente para se conseguir chegar a prisão dos envolvidos e do PRINCIPAL RESPONSÁVEL que é aquele que levou o BRASIL A DESCRÉDITO JUNTO MUNDO GLOBALIZADO.

A POLÍCIA FEDERAL , O MINISTÉRIO PÚBLICO E O JUIZ SERGIO MORO ESTÃO CORRETOS E LEVANDO MUITO A SERIO ESTAS INVESTIGAÇÕES.

O POVO INOCENTE ÚTIL ACREDITA QUE ELES ESTÃO NO CAMINHO CERTO PARA CHEGAR À AQUELE QUE É O MAIOR RESPONSÁVEL PELO CRIME ORGANIZADO NO BRASIL ATUALMENTE.

TODO O POVO BRASILEIRO ESPERA QUE A OPERAÇÃO JAVA-JATO, SEJA UM MARCO REGULATORIO PARA PASSAR O BRASIL A LIMPO.

VAMOS EXPULSAR DO BRASIL OS COCALEIROS DO SR. LULA DO PT E SEUS COLIGADOS QUE COMANDO O CRIME ORGANIZADO NO BRASIL JUNTAMENTE COM CUBA, VENEZUELA, COLOMBIA E DEMAIS PAÍSES QUE COMPÕEM O FORO DE SÃO PAULO E QUE USARAM A PETROBRAS PARA ESQUENTAR DINHEIRO DO TRÁFICO DE ESTORPECENTES E CONTRABANDO DE ARMAS.

O SOMBRA disse...

AOS NOBRES JORNALISTAS E COMENTARISTAS DAS REDES DE TELEVISÃO E DEMAIS VEÍCULOS DE COMUNICAÇÃO NO BRASIL

Não sei se os nobres Jornalistas já fizeram investigações ou inquéritos sobre o CRIME ORGANIZADO ( TRÁFICO DE ENTORPECENTES E CONTRABANDO DE ARMAS), crimes estes no nosso entender de prioridade do GOVERNO FEDERAL, com aplicação das Forças Armadas nas fronteiras, juntamente com a Polícia Federal.

Para se chegar perto dos CHEFES de terceiro escalão como os que estão presos nos presídios brasileiros e dando ordens de dentro deles, para os seus soldados cometerem crimes comuns como saidinhas de bancos, assalto a transeuntes, a ciclistas, a carros comuns e fortes, a caminhões de cargas, a caixas eletrônicas, a bancos, ônibus e crimes de balas perdidas em defesa das suas bases de vendas nas comunidades carentes em todo o Território Nacional ( Distrito Federal, Estados e Municípios ).

É preciso muitos anos de investigação e cuidados próprios dos Agentes da Segurança Pública para não expor a sua vida.

Isto é para levar a cabo a prisão do terceiro escalão.

Imaginem as dificuldades para se prender os barões do crime organizado do segundo escalão , quem são aqueles que estão nos Governos(Federal, Estaduais e Municipais), com cargos altíssimos, dando ordens ao terceiro escalão, para o cometimento desses crimes comuns e influenciando muitas vezes nas investigações e as desviando com membros do Judiciário nomeados pelo Chefão para ocupar cargos em órgãos que tem o poder de decisão para determinar as investigações sobre membros dos três poderes ( Executivo, Legislativo e Judiciário), CUJAS NOMEAÇÕES SÃO DE CUNHO PRESIDENCIAL, acarretando muitos prejuízos as investigações desses membros envolvidos, para não deixar que sejam atingidos pelas investigações.

Exemplo a Operação Lava-Jato

Todo crime organizado tem um CHEFE MOR que o comanda de dentro do Governo Federal e que é de conhecimento de poucos ou de ninguém.

Para se chegar a este SENHOR DO CRIME ( O CHANCELER ). É preciso muito cuidado, para ultrapassar os obstáculos que são criados para a investigação não alcançar o objetivo final, que e a prisão do verdadeiro e único CHEFE do crime organizado, que o comanda de dentro do Governo Federal.

Se os responsáveis pelas investigações na Polícia Federal e no Ministério Público Federal não brigarem pela sua autonomia, dificilmente se chegará a um denominador comum com a com a prisão do CHEFE MOR (O CHANCELER), que é o objetivo final.

Todos os artifícios legais podem e devem ser utilizados para se levar as investigações ao objetivo final, que é a prisão do CHANCELER .

Na Operação Lava-Jato não pode ser diferente, o estado de Direito deve estar presente, mas na nossa opinião qualquer argumento como a DELAÇÃO PREMIADA , deve ser considerado plenamente para se conseguir chegar a prisão dos envolvidos e do PRINCIPAL RESPONSÁVEL que é aquele que levou o BRASIL A DESCRÉDITO JUNTO MUNDO GLOBALIZADO.

A POLÍCIA FEDERAL , O MINISTÉRIO PÚBLICO E O JUIZ SERGIO MORO ESTÃO CORRETOS E LEVANDO MUITO A SÉRIO ESTAS INVESTIGAÇÕES.

O POVO INOCENTE ÚTIL ACREDITA QUE ELES ESTÃO NO CAMINHO CERTO PARA CHEGAR À AQUELE QUE´É O MAIOR RESPONSÁVEL PELO CRIME ORGANIZADO NO BRASIL ATUALMENTE.

TODO O POVO BRASILEIRO ESPERA QUE A OPERAÇÃO JAVA-JATO, SEJA UM MARCO REGULATORIO PARA PASSAR O BRASIL A LIMPO.

ESQUENTARAM O DINHEIRO DO TRÁFICO DE ENTORPECENTES E CONTRABANDO DE ARMAS COM O ROUBO, O DESVIO E A LAVAGEM DE DINHEITO DA PETROBRAS, COM A AJUDA DAS LAVANDEIRAS CHAMADAS DE EMPREITEIRAS NO BRASIL.

VAMOS PRENDER O MAIOR RESPONSÁVEL PELOS ROMBOS NA ECONOMIA BRASILEIRA O SR. LULA "VULGO O BARBA".

Anônimo disse...

Uma pena que o brasileiro não conheceu a verdade sobre esse baderneiro manguaceiro, que nos anos 70/80 agitou o ABC paulista naquelas greves de mentirinha. Ali já se vislumbrava o advento do caos.

Hoje tem até filme sobre essa figura patética, onde o mesmo é 'romantizado' como um ser quase divino. O nome do filme é uma verdadeira piada: "Lula o filho do Brasil". Pois bastava mais duas palavrinhas e o título ficaria perfeito: "Lula o filho [da p*] do Brasil".

augusto.a disse...

Nós povão, vivemos em um país que foi enganado por essa mídia arregada e conivente. Pintaram os quadrilheiros com as cores da bandeira do país e empurraram para dentro das casas do povão.
Mas na verdade eles são vermelhos de raiva e de ódio pelo país. Agora que tiveram a chance de meter a mão no cofre, deu no que deu. Roubaram o país descaradamente e distribuíram com todos os seus seguidores do plano de poder pelo mundo, os ganhos do roubo não ficaram só por aqui. Todos que fazem parte do esquema estão levando a sua parte.