quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

Políticos cometem crime de responsabilidade junto com Dilma - alvo do impeachment de mentirinha


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Impeachment é um processo que todo mundo sabe como começa, porém ninguém tem certeza de como acaba. A pressão popular, que promete ser intensa nas redes sociais, podendo descambar para a rua, é o fator decisivo para afetar o desenrolar do complicado jogo político, que vai envolver muita negociação, chantagem e toma-lá-dá-cá para definir o destino da Dilma Rousseff. Pela força momentânea da base aliada, dificilmente o impedimento de Dilma deve passar na Câmara, com pouquíssima chance de chegar ao desfecho final no Senado. O arquivamento é provável...

Impeachment de Dilma é, claramente, um golpe político. Simplesmente impedi-la não resolve o impasse institucional e nem soluciona a crise estrutural do Estado Capimunista brasileiro. Assim, se eventualmente se conseguir maioria para fazer andar o processo, culminando com uma (ao menos hoje) improvável condenação pelos senadores, o máximo que se vai obter é a troca de Dilma por Michel Temer. É burrice comemorar uma eventual mera tirada do PT do poder. O PMDB, governista permanente, continua lá, prosseguindo com a Nova República - velhaca e quase nada republicana. Eis uma triste verdade objetiva que dói...

Um indicador de que Dilma dificilmente será derrubada pela atual composição do Congresso Nacional foi a indecente autorização legislativa, dada ontem, para que o governo da União descumpra a lei fiscal de forma descarada, obtendo o nojento perdão a um rombo fiscal de R$ 119,9 bilhões. Por tal decisão, os deputados e senadores se enquadraram em conivência direta com um crime de responsabilidade cometido pela Presidente. Os políticos profissionais deveriam cair junto com a chefona do Executivo, se no Brasil tivéssemos um sistema de "Recall" (puxada de orelha e detonação automática dos parlamentares que contrariarem a lei e o interesse público). Como não temos, todos continuam mamando nas tetas estatais...

A votação sobre a revisão da meta fiscal, que Dilma Rousseff efetivamente nunca cumpriu, sempre estuprando a lei fiscal, foi o indicador definitivo sobre o nível de responsabilidade (ou não) da classe política brasileira. Os políticos votaram a favor dos interesses deles mesmos. A pretensa oposição fez o jogo de cena, fingindo ser contra a revisão da meta fiscal. No final das contas, os parlamentares referendaram a ilegalidade flagrante. Nada vai acontecer com eles por tal crime? Eis a questão...

O Dia 2 de dezembro marcou mais um estupro da desqualificada classe política contra os interesses maiores dos brasileiros e da Nação. Em ação combinada, para diluir a gravidade da decisão legislativa, o espertíssimo Eduardo Cunha, presidente da Câmara, desviou a atenção para a eventual abertura do processo de impeachment da Presidenta incompetente e impopular. O plano golpista consiste em levar Dilma ao desgaste máximo, até que cometa mais uma costumeira besteira e facilite o caminho para Michel Temer tomar o lugar dela.

O plano está manjado e politicamente pornográfico. Dilma, que já tomou no TCU, só toma no Cunha de mentirinha. Cada um trata de si e joga um jogo próprio para tentar a salvação - centrada na impunidade sistêmica. Enquanto isso, quem agoniza é o Brasil e seus cidadãos, diante da crise econômica mais brutal nunca antes vista na história, causada pela falência estrutural do Capimunismo de Bruzundanga.

Dilma e Cunha, junto com Renan Calheiros e companhia, farão o que for preciso para não caírem. Michel Temer vai conspirar por dentro e por fora. E a petelândia vai partir para o pau contra os aliados. Só um desastre que promova a autodestruição deles, na guerra de todos contra todos, é que pode criar o vácuo institucional que possa ser ocupado por quem tenha capacidade legítima de recolocar ordem nas coisas. Se isto vai acontecer ou não, só o tempo dirá...

O Brasil só muda de verdade se forem criadas condições objetivas para uma Intervenção Constitucional pelo poder instituinte do cidadão. Qualquer coisa diferente  disto é armação, para que tudo fique como sempre esteve por aqui, sob desgovernança do crime organizado.

Tensão Suprema

O mais recente bate boca no Supremo Tribunal Federal, ontem, foi o indicador de que o clima anda pesadíssimo na cúpula dos poderes em crise institucional flagrante.

O presidente Ricardo Lewandowski e o ministro Gilmar Mendes trocaram agressões verbais por causa de uma polêmica sobre falta de vagas no sistema prisional.

Gilmar Mendes botou Lula no meio e deixou Lewandowski pt da vida, insinuando problemas sobre um irmão de Gilmar.

Lewandowski: Acho que o STF não pode, ou não deveria determinar a um órgão que tem autonomia administrativa e competências fixadas obrigações dessa natureza, pontual, no varejo. É como se o procurador-geral da República determinasse ao CNMP, que é autônomo.

Gilmar: Comparar o procurador-geral com o Supremo Tribunal Federal em discussão jurisdicional é uma impropriedade que não pode. A questão do trabalho do preso, tenha o nome que tiver... Se não, vamos ficar naquela disputa, do Bolsa Família com o Bolsa Escola, com os estelionatos eleitorais que se fazem.

Lewandowski: Não, o CNJ não faz nenhum estelionato.

Gilmar: Eu chamei de programa “Começar de Novo” o programa que faça as vezes dele. Vossa excelência não está tratando com a devida seriedade.

Lewandowski: Não, não, absolutamente. Peço que vossa excelência retire isso.

Gilmar: Porque eu não sou de São Bernardo (do Campo) e não faço fraude eleitoral.

Lewandowski: Eu não sou de Mato Grosso. Me desculpe, mas vossa excelência está fazendo ilações incompatíveis com a seriedade do Supremo Tribunal Federal.

Gilmar: Vossa excelência está insinuando...

Lewandowski: Eu não faço insinuações! Eu digo diretamente o que eu tenho a dizer, não insinuo nada. E vossa excelência está introduzindo um componente político na sua fala!

Gilmar: Pouco importa!

Infelicidade de quem?


Imitando a petelândia?


Indignidades


Colabore com o Alerta Total

Neste momento em que estruturamos mudanças para melhor no Alerta Total, que coincide com uma brutal crise econômica, reforçamos os pedidos de ajuda financeira para a sobrevivência e avanço do projeto.

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente conosco poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil. Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

II) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

III) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 3 de Dezembro de 2015.

12 comentários:

Anônimo disse...

Indignada com o impeach, Dilma?
Indignada pelo risco de perder a bocada do PT, assim como caiu na Argentina , breve na Venezuela e depois no ......
Chega da ratazana do PT no poder; velhacos e espertalhões.
A pressão nas redes e ruas determinará o andamanto do impeach!

O SOMBRA disse...

CARO JORNALISTA SERRÃO

A LIBERDADE DO POVO BRASILEIRO É RECONHECIDA NO MUNDO INTEIRO E NINGUÉM VAI TIRÁ-LA.
TÍTULO - O SOMBRA - O POVO INOCENTE ÚTIL - BRASIL O CORAÇÃO DO MUNDO - NO RUMO CERTO

PRA FRENTE BRASIL

FALANDO A VERDADE

O BRASIL É O CORAÇÃO DO MUNDO E NENHUM SER HUMANO COM A SUA FAMÍLIA OU PARTIDO POLÍTICO DOMINARÁ ESTE PAÍS.

O BRASIL É O ÚNICO PAÍS NO MUNDO QUE TEM O SEU POVO LIVRE, PORQUE O PODER EMANA DO POVO E ESTE LEVA A RISCA O QUE DETERMINA A NOSSA CONSTITUIÇÃO.

É UM PAÍS COM LIBERDADE TOTAL DE SEU POVO.

É UM PAÍS LAICO, ONDE AS DIFERENTES RELIGIÕES SEMPRE FORAM RESPEITADAS, SEM DISCRIMINAÇÃO, ONDE SEU POVO A MAIORIA DE MESTIÇO, SEMPRE SE RESPEITOU, APESAR DE ALGUNS INSATISFEITOS TENTAR MODIFICAR ESTE PENSAMENTO DA MAIORIA COM PASSEATAS E QUERENDO IMPOR UMA DISCRIMINAÇÃO QUE NÃO EXISTE E QUE É PRÓPRIA DE PAÍSES COM INTOLERÂNCIA RELIGIOSA.

NENHUM DITATOR TERÁ GUARITA NO BRASIL, SEJA ELE CIVIL OU MILITAR.

TEMOS QUE NOS EDUCAR MELHOR, PARA MELHORARAMOS A QUALIDADE DE VIDA DE TODOS.

NO BRASIL DO SÉCULO XXI NÃO DEVERIA TER MAIS DESIGUALDADES, PORQUE É UMA TERRA ONDE TUDO QUE SE PLANTA DÁ ( CRESCE E ABASTECE QUALQUER CIDADE DO NOSSO INTERIOR).

MAS OS NOSSOS DIRIGENTES POLÍTICOS, QUANDO CHEGAM AO PODER SE ESQUECEM DOS MENOS FAVORECIDOS (AS DESIGUALDADES) POR GOVERNOS ANTERIORES E SE INTITULANDO SALVADORES DA PÁTRIA E DESSA POPULAÇÃO QUE TIVERAM POUCAS OPORTUNIDADES, AS ALIMENTAM COM MIGALHAS E BENESSES INSUSTENTÁVEIS INICIALMENTE, PARA SE PERPETUAREM NO PODER POR MUITOS ANOS.

COMO O FOI O CASO DO SR. LULA DO PT , QUE SE ALIANDO AO FORO DE SÃO PAULO PENSARAM QUE O POVO INOCENTE ÚTIL ESTAVA DOMINADO.

PASSARAM A COMANDAR ESTE PAÍS COM A INCREMENTO DO CRIME ORGANIZADO (CONTRABANDO DE ARMAS E TRÁFICO DE ENTORPECENTES) EM VEZ DE CRIAREM UM PROJETO DE PRIMEIRO EMPREGO JÁ PRONTO, PARA OS NOSSOS JOVENS.

PORÉM ISSO TINHA UM OBJETIVO!

PODER RECRUTÁ-LOS PARA A DISTRIBUIÇÃO, VENDA DAS DROGAS INTRODUZIDAS NO BRASIL PELOS FORO DE SÃO PAULO E PODER CONTRATÁ-LOS COMO SOLDADOS DO TRÁFICO, ENTREGANDO A ELES FUZIS CONTRABANDEADOS DE PAÍSES ONDE ESTES ARMAMENTOS ESTAVAM ESTOCADOS A ANOS POR FALTA DE COMPRADORES COM O FIM DAS GUERRAS MUNDIAIS.

ESSA É A REALIDADE DO BRASIL HOJE. O POVO INOCENTE ÚTIL NÃO TEM DÚVIDA SOBRE OS ACONTECIMENTOS ATUAIS NO BRASIL.

TUDO É FRUTO DA INTRODUÇÃO E INCREMENTAÇÃO DAS DROGAS EM TERRITÓRIO NACIONAL COM COMPLASCÊNCIA E COMANDO DO GOVERNO FEDERAL, PELOS MEMBROS INFILTRADOS NO FORO DE SÃO PAULO DOS PAÍSES DA AMÉRICA LATINA ONDE IMPERAM OS BARÕES E QUE SÃO OS MAIORES PRODUTORES DE DROGAS DISTRIBUIDAS E ESPALHADAS PELO MUNDO.

PENSARAM QUE DESSA FORMA PODERIAM DOMINAR O BRASIL, MAS SE ENGANARAM, O POVO INOCENTE ÚTIL RECONHECEU O ERRO E ESTÁ CORRIGINDO COM AO IMPEACHMENT DA PRESIDENTE DILMA E DANDO UM BASTA A ESSE GOVERNO CORRUPTO E INDECENTE QUE NOS GOVERNA HÁ 13 ANOS.
FORA LULA
FORA PT
FORA FORO DE SÃO PAULO
FORA DILMA
FORA CRIME ORGANIZADO (TRÁFICO DE ENTORPECENTE E CONTRABANDO DE ARMAS)

ACABARAM COM A NOSSA ECONOMIA, "TRANSFORMARAM" OS DESASSISTIDOS EM CLASSE MÉDIA COM BENESSE E AGORA JOGARAM LAMA DA BARRAGEM DE MARIANA EM TUDO QUE CONSTRUIRAM PARA RETORNÁ-LOS A PENÚRIA E LEVAR A BANCARROTA A ECONOMIA DO BRASIL.

IMPEACHMENT JÁ E INTERVENÇAO CÍVICO MILITAR SE HOUVER NECESSIDADE DE COLOCAR ESTE BRASIL EM ORDEM.

BRASIL ACIMA DE TUDO

Alex Tomich disse...

Engraçado que ninguém falou em "golpe" no processo de impeachment de Collor, que no final das contas foi ABSOLVIDO pelo STF... Isso sim foi um golpe contra um presidente eleito democraticamente e que, conforme o STF, não havia cometido crime algum... Já a "presidenta", já cometeu diversos crimes, seja na campanha eleitoral, seja governando o país, principalmente crime de responsabilidade fiscal, as pedaladas, seja em 2014 ou mesmo em 2015...

E os políticos que apoiam o impeachment de Dilma agem verdadeiramente como democratas, fazendo a vontade do povo, pois pesquisas mostram e qualquer plebiscito provaria que a maioria do povo quer o impeachment de Dilma Rousseff... Já os que são contra é que estão dando um GOLPE contra o povo, contra a vontade popular... E não se mostram NADA democratas... Numa verdadeira democracia, essa é a verdade sobre "golpe", o resto é discurso....

Loumari disse...

É o poder excessivo do Estado que alimenta a corrupção.
(José Manuel Fernandes)

Loumari disse...

Muita coisa que pode ser feita contra a corrupção e os seus caminhos não precisa de novas leis, nem de polícias, nem tribunais, precisa de políticos que se incomodem com o que vêem e que actuem politicamente.
(Pacheco Pereira)

ducamillo disse...

O curioso é que a soma da data de ontem: 2+12+2+01+5 é 13.

Anônimo disse...

Quem não faz toma, talvez por incompetência ou tentativa de um acerto final a dona Anta não levantou a lebre por isso pode perder a boquinha, os municípios e estados junto com o judiciário em um plano de sabotagem, estão acabando com tudo e a boca aberta não atenta em mandar uma força tarefa fazer uma devassa nessas células mafiosas da maçonaria, se essa mala mandasse apertar, esse tesouro escondido apareceria e o povo não ficaria com esta cara de besta acreditando em papai Noel...

Anônimo disse...

O PT é obviamente o culpado pela corrupção/crise política.

Mas o culpado pela crise econômica é o BANCO CENTRAL, com
sua prática ABSURDA de combater uma inflação (que não é de demanda)
com juros altos.

Os juros é que causam mais inflação e travam a economia.
É como apagar o incêndio da recessão com gasolina.

Para quem o BC trabalha????????

HPPILATTI disse...

Hppilatti...Golpe político? "O pior cego é aquele que não quer ver" e, além disso, totalmente alienado.

Anônimo disse...

Realmente é chegado o momento do povo brasileiro,tomarem as ruas de todo país gritando um basta pt. Deixar bem claro ao mundo que repudiamos qualquer vínculo com estes vagabundos comunistas, chega de maus tratos ao nosso povo para sustentar o lixo capimunista. Vamos todos às ruas e convidar cada brasileiro pelas redes sociais, para exigir a correção do maior erro do mundo, que foi dar uma chance a estes porcos comunistas terem o poder um dia. FORA PT, FORA COMUNISTAS, ESTE SERA NOSSO CLAMOR NAS RUAS.

A//C anti comunismo.

Teresinha Alves disse...

O POVO não é besta não, é quê os poderes se alharam, juntos à esta lavagem de corrupção e desgoverno dos políticos e os demais poderes que governam a Naçao, estão pouco se lixando para o POVO SOCIEDADE BRASILEIRA, isto é uma falta de respeito para com todos cidadãos de bens, e cidadãos trabalhadores, só jogo de interesses em benefício próprio, e não do POVO, olha à crise que se alastra, se não tá bom 'para os empresários, imagina pra os pobres ....Toda a sociedade sofre com os maus governos''Da nojo falar, ouvir política.

Anônimo disse...

Parabéns Jornalista.
Excelente, sua matéria, disse tudo.
Preparem-se, isto tudo é um grande engodo de todos os políticos vendidos do Brasil, eles estão cagando e andando para o povo.
A coisa vai degringolar de vez e muito rápido de agora em diante.
Pagarão caro, por toda esta esbórnia.
Intervenção Militar já, senhores Generais.