sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Relapso - Colapso - Prolapso


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

Por um órgão relapso, o país entra em colapso.

Um banco de importância central, aderiu à bacanal.

Será eleito o intelectual do ânus o autor do prolapso retal.

O desgoverno de debilóides agora sofre de hemorróides.

A arrecadação cai abruptamente, mesmo se a estatística mente.

Falência múltipla do estado, aviltado, violentado e saqueado.

A pergunta que não quer calar:

“Até quando a Onça vai tolerar o deboche, a traição e o menoscabo da lei, da honra e e da pátria?”

“Precisará surgir alguém do povo pra por em pé de Colombo o ovo?”

Saia da zona de conforto e liquide de um urubu o aborto.

A pessoa mais “onesta” do mundo, não passa de um molusco vagabundo.

Mentiroso, canalha e ladrão, símbolo do nojento petrolão, e antes pai do Mensalão.

Oh, Economia cruel: onça troy mede ouro; onça que trai não vale nada!


Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

2 comentários:

Loumari disse...

DEFICIÊNCIA - por Mário Quintana (escritor gaúcho 30/07/1906 - 05/05/1994)

DEFICIENTE: é aquele que não consegue modificar a sua vida, aceitando as imposições de outras pessoas ou da sociedade em que vive, sem ter consciência de que é dono do seu destino.

LOUCO: é quem não procura ser feliz com o que possui.

CEGO: é aquele que não vê seu próximo morrer de frio, de fome, de miséria, e só tem olhos para seus míseros problemas e pequenas dores.

SURDO: é aquele que não tem tempo de ouvir o desabafo de um amigo, ou o apelo de um irmão. Pois está sempre apressado para o trabalho e quer garantir seus tostões no fim do mês.

MUDO: é aquele que não consegue falar o que sente e se esconde por trás da máscara da hipocrisia.

PARALÍTICO: é aquele que não consegue andar na direção daqueles que precisam de sua ajuda.

DIABÉTICO: é quem não consegue ser doce.

ANÃO: é quem não consegue deixar o amor crescer. E, finalmente, a pior da deficiência é ser miserável, pois:

MISERÁVEIS: são todos que não conseguem falar com DEUS.

"A amizade é um amor que numa morre"

(Mário Quintana)

Loumari disse...

O mundo vai mal e somos nós todos concernidos. Todos nós seremos vítimas do nosso imobilismo e vítimas do nosso laxismo se continuamos neste estado de inércia.
E terminaremos cúmplices da corrupção, de crimes, de assassinatos. Somos primeiramente responsáveis da nossa vida e entes responsáveis da nossa comunidade e guardiãos da sociedade.
A inacção, a conivência, a inércia face aos males, nos condenará a sermos vítimas das nossas inacções. O mal sempre prospera num terreno fértil e favorável ao seu desenvolvimento.
SOMOS TODOS PASSAGEIROS NESTE BARCO QUE SE CHAMA MUNDO.