quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

Espaços com propósito especial na Velha São Paulo


Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

Esta crônica é baseada em informações esparsas, sem rigor ou critério histórico. Correções e/ou ampliações são bem vindas.

O Largo do Arouche era propriedade do professor e militar, José Arouche de Toledo Rendon . Lá era feita a instrução dos soldados.


A atual Praça da República era o largo dos Curros. Havia touradas no local.

O primeiro hipódromo foi construído no bairro da Moóca por volta de 1875.

O novo, em Cidade Jardim, é dos anos trinta do século XX.

Em 1896 , o Veloce Club Olimpico Paulista, inaugurou o velódromo na região das atuais Praça Roosevelt e rua Nestor Pestana. No centro da pista foi desenhado o primeiro campo de football association, o nosso querido futebol.

A primeira piscina particular foi construída no imóvel chamado Villa Itororó.

Na esquina da rua Boa Vista com a ladeira Porto Geral, houve um frontão (grandes paredões) para o jogo de pelota basca. No local foi construído o edifício Jockey Club para abrigar a sua sede social, inaugurada em dezembro de 1964 e fechada em dezembro de 2014. Tudo acaba.


Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

2 comentários:

Loumari disse...

Critique os Seus Pensamentos Negativos

O «eu» representa a vontade consciente. Resgatar a liderança do «eu» é gerir a produção dos pensamentos. O «eu» precisa de deixar de ser passivo, tímido e submisso diante dos pensamentos. Um dos maiores erros educacionais é transformar o homem numa pessoa fraca no seu próprio mundo.

Critique diariamente os pensamentos negativos. Confronte-se com as ideias que o paralisam e o desanimam. Não é obrigado a viver passivamente as ideias que são encenadas no palco da sua mente.

Discorde frontalmente de todos os pensamentos e fantasias que o amedrontam, entristecem, deprimem. Cada pensamento que nos incomoda deve ser questionado com ousadia e determinação pelo «eu». Tentar parar de pensar ou distrair-se são técnicas usadas há milénios sem resultado. A única possibilidade que temos é de gerir os pensamentos.

"Augusto Cury, in 'Treinar as Emoções Para Ser Feliz '
Brasil n. 2 Out 1958
Psiquiatra/Escritor

Loumari disse...

A tradição mais profunda é a que vem da pré-história; noção alguma de propriedade; nenhuma instituição do sagrado; acordo sim, chefia não; de escola nem sinal.
(Agostinho Silva)


Além das aptidões e das qualidades herdadas, é a tradição que faz de nós aquilo que somos.
(Albert Einstein)