terça-feira, 10 de maio de 2016

Cassação de Delcídio joga Lula no colo de Moro


3a Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

A cassação do senador Delcídio do Amaral Gomez joga Luiz Inácio Lula da Silva no colo do juiz Sérgio Fernando Moro, da 13a Vara Federal Criminal em Curitiba. A queda de Delcídio tira o único réu com direito ao absurdo foro privilegiado no Supremo Tribunal Federal no inquérito 4.170 - o mesmo em que Lula está incluído. Assim, o caso Lula tem tudo para retornar ao juízo de primeira instância. Basta que o ministro Teori Zavascki, relator da Lava Jato no STF, dê a ordem.

Cassado por 74 votos (um contra e uma abstenção), Delcídio acusou Lula de ser o mentor da ofensiva política para barrar a delação premiada do ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró. Delcídio chegou a ficar preso preventivamente, por três meses, porque foi flagrado no crime pela gravação indiscreta de uma conversa. Semana passada, o Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, denunciou Lula no mesmo crime de Delcídio, pedindo para que a denúncia fosse aditada ao caso. Se tudo voltar para Curitiba, Moro é quem decidirá o destino de Lula.

Delcídio do Amaral amarelou e não teve coragem de chutar o balde e detonar o presidente do Senado, Renan Calheiros, acusando-o de falcatruas ligadas aos crimes apurados pela Lava Jato. Delcídio resolveu não participar da sessão programada para degolá-lo. No entanto, minutos antes da votação começar, Delcídio soltou uma bomba. Prometeu fazer, na semana que vem, um complemento de sua delação premiada que pode complicar ainda mais a nada fácil de Dilma (provavelmente Presidenta afastada) e de Luiz Inácio Lula da Silva.

Delcídio já avisou que oferecerá provas incriminatórias contra o presidente do Senado, Renan Calheiros. Também atingirá os senadores Édison Lobão, Romero Jucá e Jader Barbalho. Todos já são citados em outras "colaborações premiadas" da Lava Jato. Especificamente sobre os senadores, Delcídio foi ameaçador: " Eles que me aguardem. Alguns senadores querem me esquecer, mas eu não me esquecerei de alguns senadores".

A atitude de Delcídio pode tumultuar o começo da gestão temporária de Michel Temer - que na verdade dá prosseguimento aos 31 anos de PMDB no poder, depois da parceria trágica de 13 anos com o PT, que agora preferiu trair e, providencialmente, golpear. Jucá está publicamente cotado para ser ministro do Planejamento de Temer. Renan Calheiros, que até outro dia jogava a favor do Palácio do Planalto, também tende a continuar fazendo o mesmo "governismo" com Temer, companheiro de PMDB.

Temer e Renan adorariam fritar a Lava Jato - missão quase impossível nas atuais condições de judicialização da política combinada com o rigor seletivo nos tribunais superiores contra inimigos políticos de ocasião.   

Montagem mais esperada

Confira a segunda edição desta terça-feira: Teremos surpresas na véspera do impeachment?

Releia a primeira edição desta terça-feira: Maranhão recua e Renan segue com impeachment, enquanto Delcídio e Odebrecht ferram Lula e Dilma


Colabore com o Alerta Total

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente com o Alerta Total poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil. Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

II) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

III) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!


O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 10 de Maio de 2016.

Um comentário:

Anônimo disse...

ANDRÉ PUCCINELI, MARCARAM ESSE NOME??? IGUAL A ELE EXISTE MILHARES... POR ONDE ANDA A RECEITA FEDERAL NESSES CASOS???