quinta-feira, 30 de junho de 2016

"Minha Casa, Minha Cadeia"? Novo programa do STF?


2a Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

No Brasil em que só ladrão de galinha tem enorme chance de puxar cadeia, e onde a mais alta corte do judiciário perde tempo julgando briga entre vizinhos e crimes comuns cometidos por privilegiados bandidos da politicagem, em vez de julgar questões essencialmente constitucionais, surge mais uma aberração do Capimunismo Cleptocrático: a indústria da tornozeleira eletrônica, que pode servir de boa desculpa para que condenados de fino trato possam cumprir penas no conforto do próprio lar - inclusive com risco de ter todo o suporte para continuar delinquindo...

O Supremo Tribunal Federal, que precisa tomar cuidado para não revogar a lei da gravidade, tomou ontem uma decisão muito esquisita, embora a propaganda tenha lhe tentado emprestar aparências de sensatez. O STF decidiu que, se não houver vaga no sistema prisional, os condenados em todo o País poderão cumprir pena em casa, usando as cada vez mais famosas "tornozeleiras eletrônicas". Criminosos com bala na agulha (muita grana e advogados caríssimos com poder de influência política) vão apelar para essa modalidade alternativa de cumprimento de pena. Trata-se, jocosamente falando, do programa "Minha Casa, Minha Cadeia"...


As seletas empresas de segurança, preparadas para gerenciar o acompanhamento dos ilustres presos, devem estar soltando foguetes de felicidade. Cada tornozeleira eletrônica tem um custo médio individual que varia de R$ 214,50 a até R$ 660 reais (ou mais). Mais caro ainda que o aparelinho é o custo do contrato de monitoramento, que pode representar para a União e para cada Estado uma despesa média de R$ 12 milhões por ano (ou R$ 1 milhão por mês). O argumento econômico é que o custo mensal por monitorado varia de R$ 167 a R$ 660 (média de R$ 301). Já no sistema prisional convencional, o gasto por detento vai de R$ 1.800 a R$ 4.000.

Ou seja, deve prosperar mais um lucrativo negócio no País da corrupção institucionalizada, combinada com alto índice de violência e estatísticas que confirmam que estamos em uma guerra civil não-declarada: média de 60 mil homicídios por ano. Estudos comprovam que cadeia não é o melhor remédio para recuperar um criminoso. Mas nenhuma pesquisa séria conseguirá comprovar que guardar bandido em casa seja capaz de puni-lo e ressocializá-lo.

Neste ritmo, com o avanço do crime cada vez mais organizado de fora para dentro do País, muito em breve o Brasil será considerado um grande manicômio penitenciário a céu aberto. A sociedade brasileira não pode ser devastada pela corrupção, pela violência, pela impunidade e pela insegurança do Direito - que consagram o Estado de Barbárie.

Os segmentos esclarecidos da sociedade brasileira precisam superar seu tradicional "bundamolismo" e exigir mudanças estruturais profundas. Sem uma Intervenção Cívica Constitucional, liderada por cidadãos e com o apoio das Forças Armadas, continuaremos sendo um cão raivoso que corre atrás do próprio rabo. Mudança, já!

Ou vamos virar o subnitrato de pó de merda do coco do poodle nervoso que lidera uma matilha de cães selvagens nas matas do Jardim Botânico do Rio de Janeiro - conforme descoberto por uma recente pesquisa científica.

Sem golpe

Recado exato do livre pensador Olavo de Carvalho:

"Se a iniciativa popular não devia ser transferida aos políticos, muito menos deve sê-lo aos militares. Pela primeira vez na História nacional o povo detém nas mãos o controle ainda que parcial do seu destino, e já se apressa em entregá-lo a membros do establishment? Uma coisa é apoio militar a uma iniciativa do povo. Outra, completamente diferente, é intervenção militar".

Bandidagem Olímpica

Mensagem que se espalha pelas redes sociais de militares:

O crime organizado do Rio de Janeiro estava preparando uma operação de terror para os próximos dias, com arrastões, blitz falsas, e outras coisas mais. O ponto principal é que eles mencionaram a caça aos militares, com requintes de crueldade e covardia.

Comentaram que nos arrastões e blitz falsas iriam verificar celulares e documentos das pessoas abordadas, e se fosse encontrado qualquer vestígio de parentesco ou que a pessoa fosse militar (Polícia, Forças Armadas e etc.), eles iriam matar. Portanto, quem possui fotos no celular, ou grupos de WhatsApp, fotos de perfil que possa dar a impressão de que é militar ou parente, APAGUE. 

Copie para um computador, suas fotos, mude fotos de grupos de colegas militares, e principalmente, divulgue para o maior número de pessoas possível, para que não sejam vítimas da falta de informação, insegurança e impunidade, que reina em nosso país.

Artigos relevantes

Reveja a primeira edição desta quinta: Roubalheira rápida, punição lenta e o errado fica certo!


Leia, abaixo, os artigos

De Laércio Laurelli: Panaceia: Juízo de incompetência pela Bondade!

E de Mara Bergamaschi: Operação custo Brasil morrerá no ninho?


Colabore com o Alerta Total

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente com o Alerta Total poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil.
Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

II) Depósito em Conta Poupança da Caixa Econômica Federal ou em agências lotéricas: 2995 013 00008261-7, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

III) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

IV) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!


O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 30 de Junho de 2016.

5 comentários:

Anônimo disse...

Serrão,
A indústria de tornozeleiras vai crescer?
Pois eu tenho certeza que a indústria paralela de chaves falsas para esses dispositivos vai crescer ainda mais!
Ou alguém acredita que os magnatas do crime vão se restringir ao seu lar, enquanto cumprem as tais penas alternativas?
Brasileiro é bobinho, né? Acredita em todas as mentiras que as "autoridades" corruptas lhes enfiam goela abaixo. E merecem!!!

Anônimo disse...

Serrão, gostaria de deixar aqui no seu blog os meus profundos sentimentos pela morte do blogueiro Beto crítica.Ele faleceu ontem levado por um câncer. Obrigada.

Q disse...

Jorge Serrão, vc podia escrever a dias vezes ao dia como o antagonista faz. VC é muito inteligente e sabe muito mais de política que esses panacas do antagonista.

Anônimo disse...

Para a Senadora Gleisi ele se comportou divinamente bem como Pai Toffoli, ”aquele que traz o seu marido de volta em três dias”!

Anônimo disse...

Não é que Dilma virou diversão, como encena bem mesmo, sô?!
Já tem programas de olho nela após o impeachment, incluindo o “Pânico”, que não pode abrir mão da sua contribuição!
Na noite desta quarta, a comediante deu uma entrevista ao “Jornal do SBT”, caso de internação na clínica psiquiátrica, ao dispensar apoio político do Congresso, se voltar para a próxima (indi)gestão!
“Mas é possível governar sem ele?” E encenou que sim, claro que sim!
Segundo ela, dá para governar, então, sem o apoio dos partidos desde que “se discuta claramente com a "população”.
"População" e "povo" aqui significam as esquerdas são a mesma coisa!
Ela afirmou não quererá mais o Congresso, pois ela conversará direto com o "povo" para decidir o que é melhor!
"Povo" aqui subtenda-se movimentos sociais(milicias comunistas), MST, MTST e desgraças semelhantes!
Ou seja, se voltasse, adotaria o método bolivariano de tomada de decisões do "democrata" Nicolás Maduro, F Castro e dinastia etc., ou seja, nada de intermediação de políticos. Vai ser papo direto e reto com o "povo".
A comediante disse que se voltar adiantou “resgatará a democracia(comunista)”, ou seja, subtende-se que Temer é ditador!
Também devolverá os direito ao "povo", quer dizer aos movimentos acima + PCs + Black Blocs da vida!
Taí um excelente programa para ela levar e implantar em Marte ou Júpiter!
Dia 31/07 estaremos todos nas ruas dando nosso "SIIIIIIIIIIIIIM" a seus "pogramas di guvernu" extraterrestres!