quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Muito além da prisão do Cunha


2ª Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Com a esperada prisão de Eduardo Cunha, o juiz Sérgio Fernando Moro respondeu, profissionalmente, a todos aqueles que armam uma complexa operação de sabotagem contra a “República de Curitiba”. Cunha foi preso comendo pão com manteiga, e já tinha até as malas prontinhas para alguma eventualidade. Resta aguardar se, a partir de agora, comerá o pão que o Diabo amassou. Evangélico, ele não acredita nisto...

A cúpula do governo, e do PMDB, tem tudo a temer (sem trocadilho infame) com uma quase certa delação premiada do “Malvado Predileto” do Brasil. O marido da Marcela até antecipou o retorno do Japão ao Brasil, em função da “novidade”. O PMDB será obrigado a reagir, e na reação podem ser cometidos mais erros primários e fatais que podem levar à queda de outros líderes...

Analisando estrategicamente a importância simbólica da prisão de Cunha, ainda não dá validar com toda segurança a praga premonitória do deputado Sílvio Costa, do nanico PT do B: “Hoje é o começo do fim do governo Temer”. Ou se é possível crer na previsão do deputado paranaense Osmar Serraglio, um peemedebista que preside a Comissão de Constituição e Justiça da Câmara: “É a Queda da República”. Na verdade, a Nova República de 1985 já caiu de podre, na prática, há muito tempo, junto com a desmoralizada Constituição de 1988.

Além de Cunha, outras “delações premiadas” ameaçam colocar fogo na politicagem. A petelândia não torce apenas para que Lula não termine preso. O medo concreto deles é que alguém do nível de um Antônio Palocci ou de um Paulo Bernardo se vejam forçados a partir para uma “transação penal”. O PMDB confia na capacidade mafiosa de Renan Calheiros para juntar os cacos e neutralizar a Lava Jato e outros tsunamis. O PSDB, cheio de telhados de vidro, vai na mesma onda de discreta sabotagem contra a República de Curitiba.

Mais importante que as diferentes e destrutivas delações premiadas de políticos, empresários, empregados ou laranjas deles, é o movimento crescente de intolerância contra a corrupção sistêmica – um sentimento gerado e consolidado nos segmentos esclarecidos da sociedade brasileira. O desejo real de aprimoramento institucional, combinado com a rejeição à atuação institucionalizada do crime, é o fator fundamental para as mudanças estruturais no Brasil. As pré-condições para uma Intervenção Cívica Constitucional se fortalecem a cada instante.

A Revolução Brasileira, em andamento, não tem volta? Ainda não dá para garantir tal esperança. Por isso, mais que nunca, é necessária muita fé nas mudanças e muita disposição para um debate institucional nunca antes promovido na História deste País... As pessoas de bem e do bem vencerão a batalha final. Pode demorar, porém o lixo será limpo...

Releia a primeira edição desta quarta-feira: Corrupção, gastança e dívidas matam você!


Colabore com o Alerta Total

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente com o Alerta Total poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil.
Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

II) Depósito em Conta Poupança da Caixa Econômica Federal ou em agências lotéricas: 2995 013 00008261-7, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

III) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

IV) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!


O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 19 de Outubro de 2016.

4 comentários:

Anônimo disse...

SERÁ QUE O ROLAÇO DE PAPEL DARÁ CONTA DE TODAS AS DELANÇAS, DSCULPE, DAS DELAÇÕES?
PRENDEU TARDE!
Ainda bem que foi após o impeachment!
Cunha fez o impeachment por acaso; se fosse patriota, teria denunciado o bando do PT muito antes!
Ele mamou, remamou e reremamou e, quando desentendeu dentro da quadrilha, deu nisso, NO IMPEACHMENT PESSOAL, NADA DE PATRIOTISMO; MAS, VINGANÇA, ACERTO DE CONTAS, COISA DE BANDO, e ele levou a melhor!
Mas nem por isso sua boa ação resolveu seu caso de ter compartilhado da bandidagem do PT, partido de ratos de bueiros a que se associou, pois comeu no cocho deles muitos anos, da mesma lavagem: satisfeito, sem reclamar!
Também: nada via, nada sabia...
ATÉ QUE A CASA CAIU!


Anônimo disse...

Será que estão esperando Lula fugir pra algum lugar ou entrar porta dentro de de alguma embaixada tipo Zellada?

Sérgio Alves de Oliveira disse...

Foi bem lembrada a íntima ligação entre a "Nova República" de 1985 e a desmoralizada Constituição de 1988. O que faltou lembrar foi a forte influência que teve o engodo do tal "Plano Cruzado" para escolha dos constituintes que iriam elaborar a CF de 1988. Ora o Plano Cruzado foi uma fraude sob todos os aspectos,mas foi decisivo,na cabeça idiota do povo,para eleger em massa os candidatos do PMDB,principais responsáveis pela "Carta". Quem não lembra que logo após passadas as eleições que escolheram os constituintes,o Plano Real sucumbiu ? Que foi artificialmente "segurado" até as eleições? Vê-se,por conseguinte,que a CF de 88 teve berço numa fraude,a fraude do Plano Cruzado. Por isso se houvesse uma Justiça independente e com mais dignidade,a Constituição de 1988 deveria ser declarada NULA,por vício de VONTADE,eis que presentes estavam quase todos os vícios de vontade: a fraude,a simulação e o erro.

Anônimo disse...

O segredo mais valioso, o ponto fraco de todos os envolvidos está sempre na "primeira" dama ou "secretárias". Elas serviram de laranjas e sabem muita coisa. Basta a justiça mirar nelas e os "véios" vão entregar tudo.