quarta-feira, 23 de novembro de 2016

O Governo do PMDB vai salvar o Brasil?


2a Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

O Presidente Michel Temer aproveitou a posse do comunista enrustido Roberto Freire, no Ministério da Cultura, para soltar uma frase que destoa completamente do momento crítico em que o governo do PMDB é alvo da Lava Jato e de outras denúncias de corrupção, agravando uma crise política de confiança que continua afetando o humor e a vontade dos agentes econômicos. O maridão da bela Marcela se empolgou e poetizou: "Nós temos hoje absoluta certeza de que o governo está ganhando muito. E se o governo foi bem até agora, a partir do Roberto Freire vai ganhar céu azul, vai ganhar velocidade de cruzeiro e vai salvar o Brasil".

Um Presidente que consegue permanecer mais impopular que sua antecessora fala o que bem entende. O trono do Palácio do Planalto parece que tira seus ocupantes da dimensão verdadeira da realidade. Os cenários no curto, no médio e no longo prazo nunca estiveram tão incertos para o Brasil. Os políticos corruptos, muito lentamente, começam a acreditar que podem se ferrar. As delações dos dirigentes da Odebrecht, com certeza, reforçam tal crença. Sorte de alguns é que só devem partir para homologação no ano que vem, depois de fevereiro... No entanto, acusados amedrontados apostam que ainda podem dar as cartas. Esperam dar o troco no judiciário e no ministério público, aprovando regrinhas contra abuso de autoridade. O mais provável é que aumentem a gana, quase ira, dos togados e dos promotores. A guerra de todos contra todos fica cada vez mais tensa e perigosa.

Na economia, a crise de confiança é ululante. A maioria não acredita que o tal grande pacto nacional pelo equilíbrio nas contas públicas, realmente, se torne realidade. A renegociação de dívidas de estados inviáveis, tecnicamente quebrados, vai agravar confrontos entre os interesses conflitantes do executivo e do legislativo. As previdências estaduais são bombas-relógio em implosão. Uma solução conjunta para tanto endividamento será complicadíssima de costurar. As brigas tendem a redundar em mais judicialização da política, com intervenções dos ministros do Supremo Tribunal Federal.

Os deuses do mercado seguem impacientes. Juros altos e taxa de câmbio apreciada só trazem capital-motel (que entra e sai rapidinho). Investidores fogem da renda fixa no Brasil, em claro sinal de falta de confiança no longo prazo. O Brasil perdeu seu grau de investimento. O tal ajuste fiscal ainda é uma loteria. A política monetária segue vacilante. A dívida interna está fora de controle há muito tempo, mas como os bancos e outros rentistas faturam alto com ela, o resto do País que se exploda! A situação fica ainda mais tensa porque a economia mundial também está muito volátil. O efeito Donald Trump ainda não está seguramente dimensionado. 2017 promete fortes emoções, muitas quebradeiras, diversos infartos, AVCs e suicídios...

As experientes vivandeiras do rentismo capimunista, que vivem na especulação improdutiva, sabem muito bem que nada muda de estrutural no prostíbulo, quando se promove uma mera substituição da cafetina pelo rufião. Alguns acham isso uma maravilha, porque faturam com a saliências. Quem não está ganhando é que reclama sem parar.

A boa notícia é que Papai Noel já avisou que também acredita, piamente, que o Governo do PMDB vai salvar o Brasil. Os políticos apostam que vão conseguir aprovar a jogatina liberada, junto com o programa de privatarias tocado por Michel Temer, Moreira Franco, Eliseu Padilha, Romero Jucá, Jader Barbalh, Geddel Vieira Lima e pelos amigos tucanos José Serra, Aécio Neves, Fernando Henrique Cardoso & companhia...

Tempos Corruptos



Releia a primeira edição desta quarta-feira: Fé nas 12 Medidas contra a Corrupção

Colabore com o Alerta Total


Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente com o Alerta Total poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil.
Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

II) Depósito em Conta Poupança da Caixa Econômica Federal ou em agências lotéricas: 2995 013 00008261-7, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

III) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

IV) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!


O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 24 de Novembro de 2016.

8 comentários:

Anônimo disse...

Os militares, neste momento, estão se mostrando covardes, e deixando o povo nas mãos dos mais corruptos(as) homens e mulheres públicos que o Brasil já teve.
TUDO O QUE ESTÁ ACONTECENDO NO BRASIL LEVA O POVO A UMA CONCLUSÃO: O STF E O LEGISLATIVO FEDERAL ESTÃO A INCENTIVAR O POVO A FAZER JUSTIÇA PELAS PRÓPRIAS MÃOS. O Rodrigo Maia e sua quadrilha estão não só anistiando o Caixa 2, mas também anistiando os ladrões que usurparam a Petrobras para gastar em campanhas e com outras finalidades políticas. REAÇÃO JÁ!!!
ANTONIO AUGUSTO.

Anônimo disse...

Boto toda minha cãofiança no PMDB!
Prá que temer, Temer?
A SOLUÇÃO OU QUASE ELA COMEÇOU EM OUTUBRO DESSE ANO: ASSEPSIA GERAL DOS BANDIDOS E MAFIOSOS DO PT E DOUTROS PARTIDOS COMUNISTAS!
E terminará em 2018 varrendo, metendo pé no rabo de todos esses cãodidatos pilantras, assentados da Câmara e Senado que roubaram o Brasil nos empobrecendo!
FORA COM ESSES POLÍTICOS CARREIRISTAS, QUE NÃO VALEM MERDA NENHUMA, RATOS, SANGUESSUGAS DA NAÇÃO QUE ESTÃO TENDO TERROR DA LAVA JATO E TENTANDO ABAFÁ-LA!
Me isprica medo deles de quê?

Anônimo disse...

quarta-feira, 23 de novembro de 2016LIBERDADE
*DISCURSO DO GENERAL PAULO CHAGAS.*

*Liberdade para quê?* *Liberdade para quem?*
*Liberdade para roubar, matar, corromper, mentir, enganar, traficar e viciar?*
*Liberdade para ladrões, assassinos, corruptos e corruptores, para mentirosos, traficantes, viciados e hipócritas?*
*Falam de uma “noite” que durou 21 anos, enquanto fecham os olhos para a baderna, a roubalheira e o desmando que, à luz do dia, já dura 26!*
*Fala-se muito em liberdade!*
*Liberdade que se vê de dentro de casa, por detrás das grades de segurança, de dentro de carros blindados e dos vidros fumê!*
*Mas, afinal, o que se vê?*
*Vê-se tiroteios,* *incompetência, corrupção, quadrilhas e*
*quadrilheiros, guerra de gangues e traficantes,* *Polícia Pacificadora, Exército nos morros, negociação com bandidos, violência e muita hipocrisia.*
*Olhando mais adiante, enxergamos assaltos, estupros, pedófilos, professores desmoralizados, ameaçados e mortos, vemos “bullying”, conivência e mentiras, vemos crianças que matam, crianças drogadas, crianças famintas, crianças armadas, crianças arrastadas, crianças assassinadas.*
*Da janela dos apartamentos e nas telas das televisões vemos arrastões, bloqueios de ruas e estradas, terras invadidas, favelas atacadas, assaltos a mão armada.*
*Vivemos em uma terra sem lei, assistimos a massacres, chacinas e sequestros. Uma terra em que a família não é valor, onde menores são explorados e violados por pais, parentes, amigos, patrícios e estrangeiros.*
*Mas, afinal, onde é que nós vivemos?*
*Vivemos no país da impunidade onde o crime compensa e o criminoso é conhecido, reconhecido, recompensado, indenizado e transformado em herói!* *Onde bandidos de todos os colarinhos fazem leis para si, organizam “mensalões” e vendem sentenças!*
*Nesta terra, a propriedade alheia, a qualquer hora e em qualquer lugar, é tomada de seus donos, os bancos são assaltados e os caixas explodidos. É aqui, na terra da “liberdade”, que encontramos a “cracolândia” e a “robauto”, “dominadas” e vigiadas pela polícia!*
*Vivemos no país da censura velada, do “microndas”, dos toques de recolher, da lei do silêncio e da convivência pacífica do contraventor com o homem da lei. País onde bandidos comandam o crime e a vida de dentro das prisões, onde fazendas são invadidas, lavouras destruídas e o gado dizimado, sem contar quando destroem pesquisas científicas de anos, irrecuperáveis!*
*Mas, afinal, de quem é a liberdade que se vê?*
*Nossa, que somos prisioneiros do medo e reféns da impunidade ou da bandidagem organizada e institucionalizada que a controla?*
*Afinal, aqueles da escuridão eram “anos de chumbo” ou anos de paz?*
*E estes em que vivemos, são anos de liberdade ou de compensação do crime, do desmando e da desordem?*
*Quanta falsidade, quanta mentira, quanta canalhice ainda teremos que suportar, sentir e sofrer, até que a indignação nos traga de volta a vergonha, a autoestima e a própria dignidade?*
*Quando será que nós, homens e mulheres de bem, traremos de volta a nossa liberdade?*

*Paulo Chagas é General da Reserva do Exército do Brasil.*
*Após a leitura, não deixe de repassar. É o retrato do nosso Brasil.*
http://lorotaspoliticaseverdades.blogspot.com.br/

23 de novembro de 2016
Recebido por email
Arthur Jorge C. Pinto

Anônimo disse...

Notícias CLÁUDIO HUMBERTO@diariodopoder 7:37
CPI do Futebol
Relatório de Romário aponta relações entre Del Nero e filho de Lula
E-mails confirmam conversas entre Luis Claudio e presidente da CBF
Publicado: 23 de novembro de 2016 às 16:17

De acordo com documento, o filho caçula de Lula foi atrás de Del Nero para fecharem negócios (Foto: Marcos Oliveira/Ag. Senado)
O presidente da CPI do Futebol, o senador e ex-jogador Romário, apresentou nesta quarta-feira, 23, um relatório em que aponta relações entre o presidente da CBF, Marco Polo Del Nero, e Luís Cláudio Lula da Silva, filho caçula do ex-presidente Lula.


O documento paralelo segue o caminho contrário do relator da CPI, senador Romero Jucá (PMDB-RR), que apresentou um relatório brando, que se abstém em relação aos possíveis crimes cometidos por cartolas da CBF e sugere o simples repasse das informações para órgãos investigativos.

“Existem comunicações que exigem cavadas averiguações, por exemplo entre Marco Polo Del Nero e Luís Claudio Lula da Silva, o ‘Lulinha’, filho do Lula, ex-Presidente da República, sobre negócios envolvendo a ‘LFT’ e a ‘Sport Promotion'”, indica o relatório de Romário e do senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP).

Romário revelou à CPI um e-mail de 16 de agosto de 2011, em que Lulinha questiona Del Nero, presidente da então Federação Paulista de Futebol, sobre possibilidades de negócios.

“Olá, presidente Marco Polo, tudo bem com o senhor? Gostaria de saber se tem alguma novidade com o projeto futebol feminino ou com nossa participação na Federação Paulista. Fico no aguardo. Grato. Luis Claudio Lula da Silva (Lulinha)”, diz a mensagem eletrônica.

Lulinha teve resposta no mesmo dia, de acordo com o documento: "Já tenho alguma coisa, passe por aqui. Abraços. Marco Polo".

Menos de um mês depois, Lulinha fez novas propostas de negócios com o atual presidente da CBF. "Já conversei com o pessoal da Sport Promotion e fizemos um rascunho do projeto, gostaria de ir apresentar ao senhor. "Fora esse assunto, o que o senhor acha de fazermos as placas nos estádios de LED para a Série A, usando máxima tecnologia como é feito na Sul-Americana?", escreveu. Os dois acertaram de se ver no dia 13 de setembro daquele ano.

Romário e Randolfe também pedem o indiciamento de dos dois antecessores de Del Nero na CBF: Ricardo Teixeira e José Maria Marin. A CPI foi criada em julho do ano passado após a prisão de Marin por conta de investigações das justiça dos Estados Unidos por esquema de corrupção no futebol mundial

Anônimo disse...

Direito e Justiça CLÁUDIO HUMBERTO@diariodopoder 7:42
Cortina de fumaça
Janot: anistia a outros crimes está por trás de discussão sobre caixa 2
Para PGR, discussão está "desfocada", pois efeitos não podem retroagir
Publicado: 23 de novembro de 2016 às 18:34

Para PGR, discussão está "desfocada", pois efeitos não podem retroagir
O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, afirmou que a discussão de deputados sobre a anistia ao crime de caixa 2 está "desfocada" na comissão que discute o pacote anticorrupção. Segundo ele, não há necessidade de se falar sobre o perdão à prática de caixa 2 e o pano de fundo para esse debate é uma tentativa de anistiar outros crimes ligados ao ato, como a lavagem de dinheiro.


"Na verdade, o discurso de anistia se refere aos outros crimes que estariam por trás do caixa 2: lavagem de dinheiro, corrupção ativa, corrupção passiva, peculato, evasão de dividas. E essa discussão viria nesse sentido. Porque se você cria um crime hoje de caixa 2 esse crime não pode retroagir, é só daqui para frente", disse Janot a jornalistas na tarde desta quarta-feira, 23.

Ele explicou que se há tipificação do crime de caixa 2 - uso de dinheiro não contabilizado perante à Justiça Eleitoral - a partir de agora, a discussão sobre anistia não tem efeito. Isso porque a lei penal não pode retroagir neste caso. As práticas de caixa 2 anteriores à lei, portanto, só seriam punidas de acordo com a legislação eleitoral, como são atualmente.

"A discussão está desfocada", disse Janot, sugerindo em tom crítico que há uma tentativa de parlamentares de, com a anistia, conseguirem perdão aos outros crimes mais graves relacionados à prática.

A articulação para incluir de forma explícita a anistia ao caixa 2 no pacote de medidas de combate à corrupção é discutida entre parlamentares. Em discurso na última segunda-feira, 21, Janot fez um apelo para que o Congresso aprove o pacote de dez medidas em sua essência em respeito aos "anseios da sociedade". Segundo ele, há "limites éticos" para as alterações legislativas.

Anônimo disse...

Direito e Justiça CLÁUDIO HUMBERTO@diariodopoder 7:44
Haddad e Mercadante
TCU convoca ex-ministros de Dilma após detectar rombo bilionário no Fies
Auditoria aponta má gestão do programa entre 2010 e 2015
Publicado: 23 de novembro de 2016 às 19:40 - Atualizado às 19:49

Segundo ministra do TCU, Fies foi desvirtuado, com concessão indiscriminada de crédito (Foto: Palácio do Planalto)

O Tribunal de Contas da União (TCU) determinou nesta quarta-feira, 23, audiências dos ex-ministros da Educação do governo de Dilma Rousseff para explicarem as inúmeras irregularidades detectadas no Fies, programa de financiamento de mensalidades em cursos superiores.

O relatório da ministra Ana Arraes destaca que o programa foi desvirtuado, com a concessão indiscriminada de crédito sem análise prévia das condições sociais dos estudantes beneficiados. "Não posso deixar de destacar minha indignação com o descalabro na gestão do Fies", afirmou.

Serão convocados o atual prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT), Aloizio Mercadante e José Henrique Paim Fernandes. O tribunal também vai chamar para explicações os ex-ministros do planejamento Miriam Belchior e Nelson Barbosa.

Segundo o relatório do TCU, “há risco do Fies se tornar insustentável financeiramente, com reflexos na capacidade do programa em atender novos estudantes, em virtude do grande crescimento no número de financiamentos concedidos no período de 2010 a 2015, com flexibilização das condições de financiamento, como taxa de juros e prazo de amortização, sem que fossem realizados estudos prévios que embasassem tal expansão.”

Na avaliação do tribunal, com base em um custo estimado de mensalidade dos estudantes com contratos do Fies de 964,56 reais por mês, o valor estimado “apenas para manter os contratos já assinados no âmbito do Fies será de cerca de 55,4 bilhões até 2020”. Desse total, 13,8 bilhões correspondem a contratos estabelecidos no primeiro semestre de 2014.

O tribunal também detectou que a gestão do fundo gerou um passivo não contabilizado para a União de 3,1 bilhões de reais relativo às mudanças de regras do programa em 2014, que alterou a sistemática de pagamento das instituições de ensino.

O passivo teria sido produzido “com dissimulação dos dados orçamentários e financeiros do programa, provocando a falta de integridade das informações contábeis”, disse o TCU, citando que o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) não estava preparado para ser agente operador do Fies.

O relatório aponta ainda indícios de que o Fies está financiando estudantes com condições de estar matriculados no ensino privado sem o auxílio do programa.

Anônimo disse...

BA BA CLÁUDIO HUMBERTO@diariodopoder 7:47
Caso Geddel
Justiça determina paralisação de obras do La Vue, em Salvador
Juíza ratifica decisão do Iphan relacionada ao edifício de Geddel
Publicado: 23 de novembro de 2016 às 19:13

O edifício La Vue está no centro da polêmica envolvendo o ministro da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima, acusado de tráfico de influência (Foto: Reprodução)
A Justiça Federal determinou a imediata paralisação as obras e a suspensão da comercialização das unidades habitacionais do edifício La Vue, em Salvador, sob pena de incidência de multa no valor de R$ 10 mil por dia em caso de descumprimento. A decisão da juíza substituta da 4.ª Vara Federal, Roberta Dias do Nascimento Gaudenzi, ratifica a decisão do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Cultural (Iphan), que havia embargado a obra na quinta-feira passada, 17.


A construtora Cosbat afirmou por meio da assessoria que as obras e as vendas estão paralisadas temporariamente desde o embargo do Iphan. A empresa afirma que tomará as medidas judiciais cabíveis.

O edifício La Vue está no centro da polêmica envolvendo o ministro da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima. Ele foi acusado pelo ex-ministro da cultura Marcelo Calero de tráfico de influência para liberar a construção do empreendimento, onde o peemedebista afirma ter comprado um apartamento. Geddel nega.

Na decisão dessa terça-feira, a juíza atendeu às recomendações do Ministério Público Federal, exceto a que pedia o depósito judicial do valor equivalente às vendas das unidades, para efeito de indenização. A magistrada entendeu que o caso se trata de interesse individual, fora da competência do MPF.

A ação é de autoria do Instituto dos Arquitetos da Bahia. A entidade entende que o edifício está localizado no entorno de patrimônios tombados, como a Igreja e o Outeiro de Santo Antonio e que, por isso, o edifício não poderia ter mais que 13 pavimentos. O projeto original previa um total de 30 pavimentos. (AE)

Anônimo disse...

http://aluizioamorim.blogspot.com.br/
quinta-feira, novembro 24, 2016
CÂMARA DOS DEPUTADOS PREPARA UM GOLPE CONTRA O BRASIL

Reparem a legenda que a Folha de S. Paulo deu para esta foto que está no site do jornal: 'Rodrigo Maia discute com deputados medidas anticorrupção na madrugada desta quinta-feira (24)'. A bem da verdade, o fato é que suas excelências estão tratando de fazer justamente o contrário, ou seja, aprovar uma lei que autorize a corrupção.
De costas para a Nação o Congresso Nacional está mobilizado e decidido a consagrar em lei o direito o direito ao roubo e à pilhagem dos cofres estatais. Mas não é só isso. Destruirá a Operação Lava Jato abrindo todas as porteiras para que a vagabundagem impere soberba e sem qualquer limite. É isso poderá acontecer nesta quinta-feira a partir das 9 horas.

É o que se presume pelo que publicou a indefectível Folha de S. Paulo do PT. Deduz-se também pelo que se encaminha na Câmara dos Deputados e, mais adiante no Senado, que Lula não teria cometido um ato falho, quando ao discursar num desses festins comunistas deitou e rolou ironizando: “Vocês percebem que não dão destaque ao apartamento do Geddel como deram ao meu tríplex”. E foi mais além já falando em processar os meios de comunicação e em retomar o governo, "...acho que a gente pode retornar", avisou.

De acordo com o que noticiou a Folha de S. Paulo, só falta o Michel Temer renunciar e chamar o Lula para concluir o seu mandato. Transcrevo o trecho inicial da matéria com link para leitura completa. Leiam:


Após uma reunião que começou no início da noite de quarta-feira (23) e se estendeu até 2h desta quinta-feira (24), deputados traçaram com o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), um plano para aprovar um novo texto de medidas anticorrupção com direito a anistia para quem cometeu crime de caixa dois e punição mais severa para magistrados e integrantes do Ministério Público.
A estratégia, segundo o deputado Vicente Cândido (SP), vice-líder do PT e próximo a Rodrigo Maia, é rejeitar o texto do deputado Onyx Lorenzoni (DEM-RS), aprovado por unanimidade na comissão especial, e apresentar um substitutivo costurado durante esta madrugada. A sessão está marcada para as 9h.
"(Rejeita) na íntegra. Rejeita inclusive o relator", disse o deputado ao deixar a reunião com Maia.
Segundo o petista, ainda não foi definido quem apresentará o substitutivo. A expectativa dos parlamentares é que, aprovado, o texto siga para o Senado e seja apreciado imediatamente.
Deputados e senadores correm contra o tempo para que as alterações na lei sejam aprovadas antes que a delação premiada de executivos da Odebrecht faça as primeiras vítimas no Congresso.

Esses executivos começam a assinar até esta quinta os acordos com a PGR (Procuradoria-Geral da República) e a força tarefa da Lava Jato, em Curitiba. Leia Mais no blog