quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Cãopasso de espera


“País Canalha é o que não paga precatórios”.

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

Até o dia 20, o negócio é o seguinte: nada aCãotece.

O trompete começando a funcionar e o touro acabando de voltar, o movimento recomeça sem dó. Ouviremos as trombetas de Jericó.

Tudo será possível, então. Estaremos livres da cabeleira de Sansão?

Esqueçam! Nada mudará num país sem coragem para olhar as próprias chagas. Empurra-se com a barriga o quanto der. Postergam-se medidas simples, eficazes mas impopulares.

A podridão é de tal índole que um dia, um belo dia, veremos que a casa cai, como viu madame Butterfly.

Para desviar do povo a atenção, vale tudo; do burlesco ao grotesco.

A esperança é o Carnaval e que a gastança volte ao normal.

O problema é apaziguar o tigre. Fome, desemprego e até quem emigre.

Sempre resta o ato desesperado de um pobre coitado.

Aí, excelências, babau !. Viram chicletes de lobo mau.


Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

Um comentário:

Loumari disse...

Brasil o PREGO no pão na batalha entre OTAN e seus aliados na região e RÚSSIA com seus aliados na região.
Há na América Latina os que se encostaram a OTAN e fizeram aliança com ela e há os que se fizeram aliados da Rússia.
Na dança, Brasil está totalmente excluído.
Que la fête commence. No jogo de xadrez Brasil não representa nenhum pião. Brasil é o inútil na região.
Nadie los quiere de lo malos que son.