sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

Explosões de Violência na Revolução Brasileira


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

As diversas manifestações organizadas de violência pelo Brasil afora – aumentando de intensidade – indicam que a Revolução Brasileira está em andamento. O movimento combina intenções ideológicas com manifestações explícitas de barbárie. A quem interessa tanta confusão e caos nesta guerra civil não-declarada, que produz dezenas de milhares de mortos anualmente?

Estamos em Guerra de 5ª geração – definida como toda tentativa de origem externa, por quaisquer meios, que objetive minar o cenário (político – econômico – tecnológico – psicossocial – ambiental e militar) de um país, através de agentes internos ou externos. Através de seus agentes conscientes (principalmente na mídia) e pela ação direta dos mequetrefes de facções presidiárias, o Poder Real Globalitário patrocina uma longa e covarde guerra de quinta geração contra as Forças Armadas e as polícias Brasileiras.

A razão de os militares serem os alvos preferenciais é muito simples. A primeira instituição de uma Nação é sua Força Armada. Ela é a garantidora do território e da soberania nacional. A destinação institucional das Forças Armadas é a defesa incondicional da Pátria. A soberania e a liberdade dos povos são impossíveis sem exércitos adestrados, adequadamente equipados e bem quistos pelo povo.

O advogado Pedro Chaves, estudioso do mundo financeiro transnacional, explica o fenômeno: “A Oligarquia Financeira Internacional vive hoje um dilema hamletiano: Não pode destruir fisicamente o Brasil com suas ogivas nucleares ou seus terroristas, porque precisa de nossa comida, de nossa água e de nossos minérios; Não tem condições de nos conquistar militarmente e manter a ocupação devido ao tamanho continental do Brasil e à unidade linguística e cultural de seu povo. Só lhe resta o caminho da tentativa de nos dividir, de criar artificialmente ódios e rancores, de identificar e pagar regiamente aos que se dispõem a trair a Pátria”.

A guerra de quinta geração é clara. As Legiões e as polícias são o “inimigo” a ser vencido pelo Globalitarismo. Eis por que a Oligarquia Transnacional escala, financia e emprega seus agentes conscientes contra as Forças Armadas. Os traidores estão por toda parte, principalmente mamando nas tetas do Estado, bem remunerados por salários, mordomias e “comessões”.

Pedro Chaves chama atenção para a essência do fenômeno: “A principal função de um general é identificar o inimigo real. Tão logo tome conhecimento de um ataque ou uma ameaça, o general deve procurar conhecer e analisar as suas causas e consequências. É sua obrigação distinguir uma provocação, uma cilada ou um ataque de grandes proporções. Na guerra econômica (ou de quinta geração) a maior ameaça é desestabilização da economia de um país através da imposição de barreiras comerciais, da pirataria e da manipulação da taxa de cambio por parte de especuladores estrangeiros ou de traidores dentro do próprio governo”.

Felizmente, militares de alta patente e oficiais da Policia Militar sabem muito bem o que está acontecendo de verdade. Eles se preparam para o confronto que tende a se radicalizar, e está apenas começando.

Releia a segunda edição de quinta-feira: CVM: União não pune a União... Simples, assim...


Armação cartorária

Um dos lobbies mais fortes desde a Constituinte de 1988 volta a aprontar no Congresso dominado pelo PMDB, e seus tucanos e demos amestrados:

Na pauta de ontem do Congresso tinha uma PEC relativa ao artigo 236 da Constituição.

A proposta efetiva os interinos nos Cartórios sem concurso publico e sem exigência de curso de direito.

Um magistrado que acompanha a questão com uma lupa fiscalizatória adverte:

“É uma aberração. Lobby dos cartorários para beneficiar familiares”.

Super Sobreviventes


O ministro Celso de Mello, do Supremo Tribunal Federal, deu um ultimato para Michel Temer justificar a nomeação de Moreira Franco para um ministério providencialmente criado de repente.

Se Temer não conseguir explicar direitinho, Moreira ficará sem foro privilegiado para se defender das previsíveis broncas na Lava Jato.

Perigo no ar

O avião que trazia o senador tucano Aécio Neves a São Paulo foi obrigado a abortar o pouso em Congonhas, para fazer uma descida de emergência em Guarulhos.

O trem de pouso da aeronave teve problemas em um pneu estourado, e Aécio teve de suportar um susto inimaginável.

Depois do acidente que matou o ministro Teori Zavascki, os poderosos deviam tomar mais cuidado nos jatinhos nos quais viajam para cima e para baixo...

Colabore com o Alerta Total

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente com o Alerta Total poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil.
Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

II) Depósito em Conta Poupança da Caixa Econômica Federal ou em agências lotéricas: 2995 013 00008261-7, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

III) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

IV) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 10 de Fevereiro de 2017.

6 comentários:

Anônimo disse...

DESSA VEZ QUE SEJAM HOMENS E VOEM NA JUGULAR DO JUDICIARIO... POIS É DE LÁ QUE VEM A DESGRAÇA. VOLTEM NO TEMPO, TODOS OS ESQUEMAS FORAM ARTICULADO POR ESSA MAFIA DESGRAÇADA, INCOMPETENTE E CORRUPTA, E SE EXISTIR HOMENS NAS FFAA QUE SE CRIEM UMA CORTE MARCIAL E TROQUEM TODO O JUDICIARIO QUE ESTÁ A QUASE 2 SÉCULOS SENDO CORROMPIDO E COMANDADO PELA MAÇONARIA...

Anônimo disse...

- A sabotagem da Lava-jato.
Procuradores acompanham as manobras contra a Lava Jato e vão contra-atacar
Aqui:
http://www.tribunadainternet.com.br/procuradores-acompanham-as-manobras-contra-a-lava-jato-e-vao-contra-atacar/#comments

Anônimo disse...

Bravo!
De um internauta da Tribuna da Internet:
Permita-me abordar o assunto que a todos nós intriga que é a rebelião de policiais principalmente no Espírito Santo. As Forças Armadas estão dando um espetáculo deprimente. Ficam rodando para lá e para cá, sem nada de objetivo. A primeira coisa a fazer era “Toque de Recolher” a partir da 10h da noite. Quem transgredisse: prisão. Qualquer ato de violência responder a altura, eliminando se necessário o agressor. Circular com um alto falante, avisando que a tolerância passaria a ser ZERO com o vandalismo. Prisão e soltura só com fiança alta. No terceiro dia a cidade voltaria ao normal.

Anônimo disse...

A simples revogação da lei de execuções fiscais faria com que os especuladores e os bancos voem para outras paragens, pois não teriam como executar os empréstimos que fazem com nossos governantes venais .

Anônimo disse...

Tenho uma solução bem mais fácil para acabar com esse problema dos PM's. Eles dizem que não estão em greve e que o problema é que não conseguem sair dos quartéis por causa dos civis que estão bloqueando os portões. Então, já que os carros blindados chegaram, derrubem um pedaço do muro ou cerca e abram outro portão. Aí, sim, se não saírem é uma rebelião. Resolvido o problema e desmascarado a farsa.

Anônimo disse...

Quando olho para Brasília, fico envergonhado. Um desperdício de dinheiro pago para que "tasguem" a nossa constituição. Só pensam em se arranjar para escapar de investigações em curso. Os reflexos já chegaram aos Estados, com a impotência dos governadores e comandantes da PM e a rebelião das forças que dão segurança e são proibidas de fazerem greves. Datas festivas chegando e a possibilidade das tropas federais permanecerem por muito mais tempo nas ruas, ou não saírem mais, tão cedo.