segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Corrupção Brasileira tem "razão"?


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Bacana saber que o professor Graham Brooks, pesquisador de Anticorrupção e e Criminologia da University of West London, está estudando a “Propinocracia” brasileira. O acadêmico estuda se os corruptos sistêmicos brasileiros agiram motivados por Dinheiro, por Poder, por Sexo ou pelas três “razões” combinadas.

Uma grande “dúvida” que o teórico britânico deveria tirar é: a corrupção se tornou sistêmica porque: 1) o Crime é Institucionalizado; 2) o brasileiro é corruptível; ou 3) a máquina estatal brasileira é estruturada para operar criminosamente, e não para desenvolver a Nação, garantindo a promoção do bem comum.

A doutrina é clara: o Crime não se organiza sem a “parceria” com a máquina estatal. Outro princípio fácil de perceber: quando o cidadão e, por extensão, a sociedade organizada, não controla o Estado, a tendência é que os agentes estatais cometam abusos e pratiquem a corrupção. Assim, pode-se definir Crime Institucionalizado como a associação delitiva entre bandidos de toda espécie e agentes públicos.

Quais os objetivos dessa associação criminosa? Os ingênuos podem até pensar que a principal intenção do “bandido” é, simplesmente, se locupletar e atender aos seus desejos atávicos por poder, dinheiro e sexo. No entanto, quem estuda um pouquinho o Poder Real Mundial (deve ser o caso do professor Graham Brooks) tem o dever intelectual de saber que a corrupção estruturada cumpre, principalmente, a missão de inviabilizar o desenvolvimento de uma Nação, tornando-a mais fácil de explorar pelos agentes conscientes ou inconscientes dos “controladores” externos.

Por tal explicação, fica lógico compreender que a corrupção brasileira é conseqüência – e não causa. Assim, não adianta “combater” a corrupção. Ela é uma espécie de “praga natural” produzida e reproduzida pelo modelo dependente a que se submete o Brasil. A corrupção sistêmica é fruto de nossa falta de soberania, independência e civilidade. Ou seja, ela é um problema estrutural. Ajuda, porém pouco se resolve com protestos de rua ou virtuais bem intencionados.

A única maneira legal e legítima de conter a corrupção é a inédita Intervenção Institucional – já em andamento, mesmo que pareça um processo lento. A máquina estatal, sua burocracia, regramentos e gastos precisam ser reduzidos e simplificados, ficando sob controle e fiscalização direta de cidadãos tecnicamente habilitados e eleitos para cumprir tal finalidade, em mandatos curtos, sem reeleições.

A Intervenção Institucional só terá sucesso se reduzir, ao máximo, a distância entre o cidadão-eleitor-contribuinte e a gestão de uma máquina estatal local. Por isso é preciso implantar o Federalismo pleno, com o poder operando a partir dos bairros, municípios e regiões – e não a partir de um centralizado poder federal. O aprimoramento institucional só será viável com uma Constituição enxuta e um regramento claro, objetivo e sem excessos.

A Intervenção Institucional precisa ter e cumprir a missão imediata de tirar qualquer “razão” que a corrupção possa advogar a favor dos corruptos. Nossa tragédia é o sistema, o modelo e o mecanismo estatal. A vitória contra a corrupção só ocorrerá quando a maioria dos cidadãos brasileiros tiver capacidade plena de fiscalizar e controlar a máquina estatal, partindo do “poder local”. Aí sim, com sistema distrital, votação com resultado auditável, conferível por recontagem, teremos chance de eleger pessoas honestas e que sejam pressionáveis pela proximidade com o colégio eleitoral.

A prioridade do momento brasileiro é definir e debater que projeto estratégico de Nação queremos e podemos implantar. É hora de debater e promover, o mais rápido possível, o Aprimoramento Institucional brasileiro. O fla-flu presidencial já em andamento não soluciona nossos problemas estrututurais.      

Releia o artigo de domingo: Ineleja bandido! Voto nulo é arakiri!


O imortal Chico Anísio explicava nossa corrupção...

Muito bem



Coisa de molequinho 214



Colabore com o Alerta Total

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente com o Alerta Total poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil.
Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

II) Depósito em Conta Poupança da Caixa Econômica Federal ou em agências lotéricas: 2995 013 00008261-7, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

III) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

IV) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!


O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 27 de Novembro de 2017.

14 comentários:

  1. Anônimo12:00 PM

    PADRE DA GLOBO X PADRE DA VERDADEIRA IGREJA
    https://youtu.be/zFygPyQRs6c

    anonimo diz....
    Quando uma pessoa não sabe se nasceu homem ou mulher não pode ser soluçao de nada porque realmente não sabe a que veio. Se ele quer diversificar suas intençoes ou seja partir para criar uma coisa que realmente não tem nada de criativo não deveria se filiar a uma igreja. Ja poderia ir para a esbornia. E claro que ele e GLOBAL, PLIM PLIM, sempre foi favoravel a toxico e incrementaçao de distorçoes em todos os sentidos, haja visto as novelas que vem distribuindo em toda merda sul, merda europa e merda africa. Os porquinhos dos marinhos vivem pendurados no erario publico. Nao tem criatividade, não evoluem em nada. Temos um fantastico de merda que gera o mesmo tipo de noticias a decadas, temos um faustao de merda, temos uma hipocrisia de atividade jornalistica meia boca. O que queremos mais. Temos uma raça vagabunda sem nenhum peso real pendurada em plim plim ganhando rios e defendo impostos e sendo agraciada com tudo que tem direito para fazer o servicinho de merda dela.continua...

    ResponderExcluir
  2. Anônimo12:01 PM



    PADRE DA GLOBO X PADRE DA VERDADEIRA IGREJA e anonimo diz II e termina...
    O futebol que e a única diversao de pobre não pode ser frequentado porque plim plim assambarcou as irradiaçoes dos mesmos. Quem deu este passaporte a eles. Por que deu? Tem muita escuridao nessas concessoes vitalicias que o indivíduo faz selfie de suas estaçoes de merda que objetivamente não servem ao povo brasileiro só servem aosmandatarios das mesmas. A deseducaçao do povo brasileiro começa por eles e os cinquenta partidinhos meia boca com a farsa de ajuda aos pobres. Fazem firulas, firulas e mais firutas e agora estao com seus marqueteiros enfeitando o pavao e mostrando uma realidade totalmente
    diferente do que e realmente. Ou expulsamos todos dos tres poderes ou os expulsos seremos nos. E só questao de tempo para destruirem o resta. As estradas que fizeram no pais e pura merda e assim nossas vidas destruindo o resto do que ainda possuimos. E bom reagir ou breve nem panos de bunda termos mais. Saiam do sofa e esqueçam a globo. Os globais vivem no mundo da fantasia deles. Sao tao debochados que agora voltaram com as missas que não faziam a um tempao. O problema deles e a comunidade ou seja favela para pegar toxico e as crianças de la para fazerem firulas. Eles vivem no nirvana e nos na merda. Moraram ou querem que se desenhe.

    ResponderExcluir
  3. Anônimo12:21 PM

    @diariodopoder

    12:18
    Cateterismo
    Temer recebe alta do hospital após cirurgia para desobstruir três artérias
    Médico do presidente garante que o procedimento foi sucesso
    ANONIMO DIZ...

    SERA QUE SOMOS IDIOTAS E PARVOS E CLARO QUE NAO FOI CATETERISMO COISA NENHUMA. SE O PROBLEMA FOSSE CARDIACO ELE NAO FICARIA SO DOIS DIAS NO HOSPITAL DEVE TER IDO ESTICAR AS PREGAS. COM O SEGUIMENTO DA QUESTAO VAMOS VER SE O MEDICO PARTICULAR DELE E REALMENTE O QUE DIZ SER. VINDO DE QUEM VEM TEMOS O DIREITO DE DUVIDAR DE TUDO.

    ResponderExcluir
  4. Anônimo12:33 PM

    http://midiasemmascara.org/artigos/indicados-editor/destaques/candidatosdaglobo-ipojuca/
    http://midiasemmascara.org/artigos/indicados-editor/destaques/candidatosdaglobo-ipojuca/
    Ipojuca Pontes
    27 de novembro de 2017 - 8:23:45
    Desde que Roberto Marinho morreu (agosto, 2003), o Grupo Globo (antiga Organizações Globo) não acerta uma. Lá se vão quase 15 anos, mas o grupo, aferrado aos ditames e interesses do “politicamente correto”, navega na contramão do que pensa a população brasileira, como se sabe, de natureza notoriamente conservadora.
    Já assinalei aqui, muitas vezes, que o povo brasileiro, na sua imensa maioria, acredita em Deus, repudia o aborto, o casamento gay, o fanatismo ambientalista, etc. etc., além de ter se manifestado, em referendo, favorável ao livre comércio de armas e à compra de munições.
    Nos últimos tempos, no plano da catequese política, o esquema da Rede Globo foi derrotado nas suas pretensões inúteis de triturar o presidente eleito dos EUA, Donald Trump. Já no caso do plebiscito inglês, torcendo os fatos em favor da embananada União Europeia e contra a criação do vitorioso Brexit, o esquema se ferrou de véu e grinalda (tal como a social democrata Angela Merkel, a “Dama de Alumínio”).
    Na campanha pela Prefeitura do Rio de Janeiro, circuito interno, o pessoal do esquema, sempre arrojado, apostou suas fichas nas enfadonhas arengas do comunista Freixo (acolitado pela dupla Gil & Caetano) que, tal como previsto, terminou surrado pelo inodoro pastor Crivella. De fato, até o cambaleante Temer, encostado nas cordas do ringue, conseguiu vencer o Grupo Globo na sua campanha pró impeachment presidencial – em que pese a ferrenha atuação dos seus jornais, rádios e rede de TV.
    No momento, o Grupo Globo atravessa o seu inferno astral, vitimado pelas contradições do mundo “politicamente correto”. Por exemplo: em data recente, um galã das novelas (rebarbativas) da TV Globo foi posto em quarentena por assédio sexual a uma figurinista da emissora – assédio em que valia tudo, inclusive apalpadelas na “genitália” da mulher.CONTINUA...

    ResponderExcluir
  5. Anônimo12:34 PM


    http://midiasemmascara.org/artigos/indicados-editor/destaques/candidatosdaglobo-ipojuca/ CONTINUA II
    Por sua vez, William Waack, âncora do Jornal da Globo, o mais “austero” da casa, foi posto de escanteio por fazer comentário tipificado, nos dias atuais, como racista: em Washington, durante a campanha de Trump, em entrevista ao vivo entrecortada por buzinaços, o jornalista deixou escapar em “off”: “É coisa de preto”.
    No escândalo do Caso Fifa, a adensar o inferno astral, um ex-executivo da empresa Torneos e Competencias, que fazia mediação entre as competições e as emissoras interessadas em sua transmissão, acusou a TV Globo de pagar propina a dirigentes em troca de direitos de transmissão. Em nota, contestando a acusação feita num Tribunal de Nova York, o Grupo assegurou que jamais negociou ou pagou propina. E informou que “se colocará plenamente à disposição das autoridades americanas para que tudo seja esclarecido” – exatamente como fazem Lula, Temer e tutti quanti diante das acusações do juiz Moro.
    Hoje, às vésperas da campanha presidencial de 2018, em que procura detonar a todo custo o candidato Jair Bolsonaro, considerado uma “ameaça”, o esquema Global, em artigos, comentários e entrevistas seletivas, inventa presidenciáveis que possam derrubar o Deputado Federal mais votado do Rio de Janeiro (já que Lula, condenado em primeira instância, pode – e deve – curtir nove anos e meio de cadeia.
    Assim, ora promovendo Marina Silva, a Tigresa de Papel, ora badalando o aposentado Joaquim Barbosa, chegou mesmo a compor a “chapa ideal”: Marina de Presidente e Joaquim, de Vice – ou vice e versa. No mesmo diapasão, se incensa a sombria figura de Henrique Meirelles, um sujeito que mente adoidado e que vive ameaçando trazer a CPMF de volta.CONTINUA...

    ResponderExcluir
  6. Anônimo12:35 PM


    http://midiasemmascara.org/artigos/indicados-editor/destaques/candidatosdaglobo-ipojuca/ CONTINUA III E TERMINA
    Mas a grande onda, que a mídia cultiva como flor de estufa em notas e e comentários diários, é a figura de Luciano Huck, o animador de programa de “brincadeirinhas de auditório” da TV Globo. Óbvio, ninguém de bom senso pode levar a sério a piada de mau gosto. Nem ele próprio. No fundo, tudo não passa de mero jogo de marketing para o inviável candidato viajar na maionese e faturar mais comerciais. Mas é bom lembrar que o comunista Roberto Freire (nomeado procurador do Incra pelo general Médici, o “cruel ditador”), depois de uma “sabatina”, garantiu que o animador é um “brioso social-democrata” e abriu as portas do seu PPS (antigo PCB) para o candidato de voz fanha e nariz de tucano.
    Enquanto as eleições não chegam, o pessoal do esquema intensifica sua peçonha diária contra o candidato Bolsonaro, que sobe nas pesquisas. Semana passada, O Globo descobriu que o candidato é contraditório: posando de liberal, Bolsonaro teria votado contra o Plano Real e reformas “progressistas”. Pior: votou contra a privatização da Petrobras e, por não concordar com a venda da Vale do Rio Doce por preço de banana, afirmou que FHC, mentor da façanha, “merecia um tiro”.
    Vamos por partes. Antes de tudo é preciso dizer que o mitológico Plano Real não passou de uma fraude programada. Na conversão da moeda, em 1994, a mercadoria que valia, por exemplo, Cr$ 30,00 passou a custar Cr$ 100,00, visto que a antiga moeda, substituída pelo real, foi desvalorizada em cerca 70%. Por sua vez, num passe de mágica, o dólar passou a valer (artificialmente) menos que o real – o que elevou os juros aos cornos da lua e, mais tarde, alimentou a inflação e o desemprego em dois dígitos, tornando FHC, no segundo mandato, objeto da ira e do deboche popular. Sendo apontado por isso como principal responsável pela vitória eleitoral de Lula, o Chacal.
    No que se refere à postura de Bolsonaro quanto a manutenção do monopólio da Petrobras, a empresa foi simplesmente considerada como princípio ativo do nacionalismo econômico dos militares que tiraram o Brasil da merda, de Castelo Branco a Figueiredo, passando por Médici e Geisel. Mais radical, em sentido inverso, foi Roberto Marinho que, nos anos 1950, promoveu ostensiva campanha contra a estatização do petróleo.
    Ia falar sobre o “populismo” imputado ao candidato Bolsonaro, mas deixo a tarefa para depois.
    PS – No caso do animador da Globo, a recente retirada de sua candidatura não anula o espaço global gasto na promoção do falso candidato. Nem invalida as minhas observações, pelo contrário, as confirmam.
    Ipojuca Pontes, cineasta, jornalista, e autor de livros como ‘A Era Lula‘, ‘Cultura e Desenvolvimento‘ e ‘Politicamente Corretíssimos’, é um dos mais antigos colunistas do Mídia Sem Máscara. Também é conferencista e foi secretário Nacional da Cultura.

    ResponderExcluir
  7. Anônimo12:37 PM

    http://pontoetvirgula.blogspot.com.br/
    No Brasil, o que não falta é legislação






    O Brasil tem a maior Constituição do mundo, promulgada em 1988. É a que tem mais artigos (cerca de trezentos), parágrafos, incisos e alíneas, além de quase cem emendas (a dos Estados Unidos tem apenas sete, com duzentos anos de existência) e leis complementares regulando artigos da Lei Magna. Ela diz que o sistema de governo é presidencialista, mas tem regras do parlamentarismo, como a Medida Provisória (MP), por exemplo. Há também 27 constituições estaduais e mais de 5 mil municipais (as leis orgânicas). Junte-se a tudo isso milhares de decretos, portarias, regulamentos etc. Sendo assim, no Brasil sobram ações na Justiça, porque os legisladores são os que mais descumprem aquilo que aprovam. Já está na hora de termos uma nova e única Constituição definindo todas as regras nela estabelecidas, com o que os tribunais seriam bem mais ágeis nas suas decisões.

    ResponderExcluir
  8. Anônimo12:44 PM

    Rota 2014 - Blog do José Tomaz
    Blog do José Tomaz

    segunda-feira, 27 de novembro de 2017

    Maia traça estratégia para continuar no cargo

    Raphael Di Cunto, Valor

    Fortalecido pela crise política e pelo papel de articulador das reformas do governo, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), traça planos para continuar no cargo na próxima legislatura. Um dos próximos passos ocorrerá até o fim do ano, com o lançamento do "novo" DEM e a filiação de uma dezena de deputados federais.

    A ideia é posicionar o DEM, hoje com 29 deputados, entre as maiores legendas da Câmara, posto que atualmente é do PMDB, com 60 parlamentares. O partido ficará menor que as pretensões iniciais dos líderes do DEM porque a emenda que previa a distribuição da propaganda eleitoral e dinheiro público para campanhas com base nas futuras bancadas não foi aprovada, o que limitará o crescimento da sigla, mas a legenda ainda deve ganhar pelo menos dez deputados.
    Postado por Tomaz Filho às 08:34
    PS - MUDA A LEGENDA TRAZ ALGUNS VAGABUNDOS DE OUTROS PARTIDOS, COCKTAIL DE BOSTA. A BOSTA SEMPRE E A MESMA O QUE MUDAM SAO AS MOÇAS. TEM RATO VOANDO DE TUDO QUANTO E LADO PARA LIMPAR SEUS TRAZEIROS MAS CONTINUAM CAGADOS.

    ResponderExcluir
  9. Anônimo12:48 PM

    27 de novembro de 2017
    http://pontoetvirgula.blogspot.com.br/
    No Brasil, o que não falta é legislação
    O Brasil tem a maior Constituição do mundo, promulgada em 1988. É a que tem mais artigos (cerca de trezentos), parágrafos, incisos e alíneas, além de quase cem emendas (a dos Estados Unidos tem apenas sete, com duzentos anos de existência) e leis complementares regulando artigos da Lei Magna. Ela diz que o sistema de governo é presidencialista, mas tem regras do parlamentarismo, como a Medida Provisória (MP), por exemplo. Há também 27 constituições estaduais e mais de 5 mil municipais (as leis orgânicas). Junte-se a tudo isso milhares de decretos, portarias, regulamentos etc. Sendo assim, no Brasil sobram ações na Justiça, porque os legisladores são os que mais descumprem aquilo que aprovam. Já está na hora de termos uma nova e única Constituição definindo todas as regras nela estabelecidas, com o que os tribunais seriam bem mais ágeis nas suas decisões.

    ResponderExcluir
  10. Anônimo12:49 PM

    Blog do ESTÊNIO
    Um blog para quem não tem preguiça de ler. Que as bênçãos de Deus Nosso Senhor se derramem sobre nós, hoje e sempre. "As leis são como as teias de aranha; os pequenos insetos prendem-se nelas, e os grandes rasgam-nas sem custo”. (Anacaris, sábio grego, da Antiguidade)
    quinta-feira, 23 de novembro de 2017
    PRIMEIRA EDIÇÃO DE 23-11-2017 DO 'DA MÍDIA SEM MORDAÇA'
    NA COLUNA DO CLÁUDIO HUMBERTO
    Quinta-feira, 23 de Novembro de 2017
    Brasil tem 55.000 autoridades com foro privilegiado
    Estudo do Núcleo de Estudos e Pesquisas da Consultoria Legislativa do Senado aponta 55.000 autoridades no Brasil protegidas por foro privilegiado. Ou seja, pessoas que só podem responder a processos em instâncias superiores da Justiça. No âmbito federal, são 38.431 autoridades com algum foro: senadores, deputados, magistrados e procuradores. Nos Estados, outros 16 mil também têm o privilégio.
    79,2% são do MP e Justiça
    O estudo do Senado destaca: integrantes do Judiciário e do Ministério Público representam 79,2% dos foros previstos na Constituição.
    Políticos são a minoria
    São 1.653 os políticos citados como grandes beneficiados por foro privilegiado. É o total de senadores, deputados federais e estaduais.
    Foro nos Estados
    No âmbito estadual, são 16.559 autoridades com foro privilegiado determinado por legislação local, para além da Constituição Federal.
    Dois terços
    Apenas a Bahia, Rio de Janeiro e Piauí respondem por cerca de dois terços (10.847) de todas autoridades com foro privilegiado estadual.
    Imbassahy dificultará aprovação da reforma
    A permanência de Antonio Imbassahy na Secretaria de Governo provocaria “muita dificuldade nas votações”, adverte o líder do PP na Câmara, deputado Arthur Lira, especialmente para a reforma da Previdência. O baiano protagonizou uma cena patética, insistindo junto ao presidente para ficar no cargo, alegando a humilhação de ter sido demitido “pela imprensa”. Sua demissão, aclamada pelos líderes de governistas, acabou adiada por um constrangido Michel Temer.CONTINUA...

    ResponderExcluir
  11. Anônimo12:49 PM


    Blog do ESTÊNIO CONTINUA II

    Olha ele aí de novo
    Agarrado ao cargo, Imbassahy repete a atitude mais criticada pelos líderes: priorizar seu projeto eleitoral, em detrimento do governo Temer.
    Líder como testemunha
    Como foi uma indicação do PMDB, o líder do partido na Câmara, Baleia Rossi (SP), testemunhou o convite de Temer a Carlos Marun.
    Segredo de Polichinelo
    Vazaram o convite a Carlos Marun para queimá-lo e permitir que Imbassahy alegasse a Temer ter sido demitido “pela imprensa”.
    TCU não é criminal
    E o arquivamento da investigação de tráfico de influência dos Cedraz, pai e filho, pelo Tribunal de Cintas da União, hein? Não é nada, não é nada, não é nada mesmo: importa é a sentença da Justiça criminal.
    Nada mudou
    Mesmo com o pai e o irmão presos, o ministro Leonardo Picciani (Esporte) não altera sua rotina. Somente na tarde desta quarta (22) ele recebeu seis deputados, inclusive o líder do PMDB, Baleia Rossi (SP).
    Em busca de relator
    Grupo de apoio à reforma política comemorou a aprovação no Senado do sistema distrital misto de votos para a eleição de 2020. A batalha agora será para encontrar um relator para o projeto na Câmara.CONTINUA...

    ResponderExcluir
  12. Anônimo12:49 PM


    Blog do ESTÊNIO CONTINUA III E TERMINA

    Zona Franca dá lucro
    Apenas oito Estados devolvem à União, em impostos, mais do que o repasse que recebem: os três do Sul, quatro do Sudeste e Amazonas, único do Norte. “E tem ‘intelectual’ por aí criticando a Zona Franca”, ironiza Wilson Périco, presidente do Centro da Indústria do Amazonas.
    Triste memória
    A demissão do embaixador Sérgio Couri, acusado de falcatruas, fez o Itamaraty lembrar outros casos com desfecho trágico, como o então embaixador no Iraque, Mauro Couto, que se mataria em seguida.
    Conta deve cair
    A pelegada da Eletrobras se despede do imposto sindical com propaganda no rádio e na TV fazendo terror contra a privatização. Alega-se que a conta de luz vai aumentar. É mentira: o Brasil deve assistir ao repeteco da telefonia: serviços melhores, contas menores.
    Realeza não inocenta
    Arrolar o príncipe de Mônaco, o rei da Holanda e 20 autoridades estrangeiras é a estratégia de Carlos Nuzman, ex-presidente do Comitê Olímpico, para que as testemunhas de defesa não apareçam?
    Pensando bem...
    ...com tantos políticos vigaristas atrás das grades, mais do que nunca o Rio continua lindo.

    ResponderExcluir
  13. Anônimo2:04 PM

    Preso político(os corruptos), no Brasil, até para sofrer ameaça de peia é chique.Ameça com taco de beisebol é coisa de gringo. Na nossa realidade seria uma vara de maçaranduba,jucá ou pau-ferro. O sofrimento que estão acostumados é mínimo e se resume a uma tornozeleira digital.

    ResponderExcluir
  14. Anônimo2:05 PM

    Preso político(os corruptos), no Brasil, até para sofrer ameaça de peia é chique.Ameça com taco de beisebol é coisa de gringo. Na nossa realidade seria uma vara de maçaranduba,jucá ou pau-ferro. O sofrimento que estão acostumados é mínimo e se resume a uma tornozeleira digital.

    ResponderExcluir