sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

Base aliada de Temer flerta com “Lula, Presidente”


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Os controladores de vários partidos da infiel base amestrada do desgoverno federal já falam, sem a menor vergonha, em apoiar a aventura presidencial do presidiável Luiz Inácio Lula da Silva. A intenção joga um pote de ácido na idéia maluca de uma tentativa de reeleição de Michel Temer. A doideira é tanta que os líderes não sabem se fecham com Lula ou fecham com Geraldo Alckmin ou Henrique Meirelles. No momento, todos morrem de medo do Jair Bolsonaro.
O Presidente Temer adoraria ser reeleito. No entanto, sua persistente impopularidade não permite. Por isso, o prêmio de consolação de Temer seria apoiar o que os articuladores do Palácio do Planalto chamam de “candidatura única de centro”. PSDB e PSD defendem os nomes de Geraldo ou Meirelles. PR, PRB, PP e até o DEM podem se jogar no colo de Lula, se ele não for impedido judicialmente de concorrer. O sempre governista PMDB topa qualquer parada. Ainda mais se Nelson Jobim se viabilizar como vice do companheiro $talinácio.
Temer se compromete a apoiar aquele candidato que “defender o legado de Michel Temer”. O único que poderia fazer isto é Meirelles – ministro da Fazenda. No entanto, por pragmatismo, a cúpula do PMDB teria muita vontade de fechar com “Lula de novo”. Para seus líderes, o melhor negócio é apoiar um candidato que seja inimigo declarado da Lava Jato e afins. Lula e muitos peemedebistas não suportam a condição de presidiáveis.
Os tucanos vão rachar. O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio, já avisou que não abre mão de bater chapa com Geraldo Alckmin pela indicação da candidatura ao Palácio do Planalto. Em entrevista á Folha de S. Paulo, Virgílio alfineta Geraldo: “Fico feliz que ele já esteja assimilando coisas que eu digo, que não dá para votar a reforma da Previdência pela metade. Esse é o papel do PSDB, nada de flacidamente abrir questão. Não moro em São Paulo, mas ouço falar que é uma pessoa equilibrada, não é irresponsável fiscalmente. Mas sinto que ele não é bastante para vencer em função do discurso tímido, em função do hábito de não ir ao povo”.  
O fla-flu presidencial promete muita pancadaria e traição...
Desgoverno imprevidente
O Tribunal Regional Federal, em Brasília, mandou retirar do ar, em caráter de urgência, a nova propaganda do governo sobre a reforma da Previdência. A alegação é que a propaganda causa dano moral com forte condição de assédio moral contra o servidor público. Eis o primeiro resultado de uma ação civil pública encabeçada pela Fenafisco (Federação Nacional do Fisco Estadual e Distrital) e pela Anfip (Associação Nacional dos Auditores Fiscais do Brasil).
O presidente da Fenafisco, Charles Alcântara, comemorou e explicou:

“O argumento central da peça acusa a propaganda do governo de assédio moral contra os servidores públicos porque passa a ideia de que estes são uma casta de privilegiados, que trabalham pouco. O governo trata direitos legítimos e justos como privilégios, para demonizar os servidores públicos perante a sociedade. Mas a sociedade sabe bem quem são os privilegiados”.


I love Gilmar 233


Colabore com o Alerta Total

Os leitores, amigos e admiradores que quiserem colaborar financeiramente com o Alerta Total poderão fazê-lo de várias formas, com qualquer quantia, e com uma periodicidade compatível com suas possibilidades.

Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil.
Agência 4209-9, C/C: 9042-5, em favor de Jorge Serrão.

II) Depósito em Conta Poupança da Caixa Econômica Federal ou em agências lotéricas: 2995 013 00008261-7, em favor de Jorge Serrão.

OBS) Valores até R$ 9.999,00 não precisam identificar quem faz o depósito; R$ 10 mil ou mais, sim.

III) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

IV) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.

Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!


O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 1º de Dezembro de 2017.

5 comentários:

jomabastos disse...

Base aliada de Temer flerta com “Lula, Presidente”

É um gravíssimo perigo para a Nação brasileira.
É querer abrir definitivamente as portas do Brasil ao socialismo/comunismo do Foro de São Paulo.
É querer transformar o Brasil em uma grande Cuba continental ou em uma Grande Venezuela.
É querer renomear o Brasil para República Popular e democrática do Brasil, seguindo o exemplo das ditaduras socialistas/comunistas - pró-soviéticas e pró-chinesas - africanas.
É querer aceitar o jogo político de duas grandes potências - Rússia e China.

Anônimo disse...

Conversa, são só atos de mercenários, membros do Estado-Ladrão.

Anônimo disse...

O Presidente Temer reeleito.Alguém duvida?No Brasil tudo é possível,quantas denuncias contra ele?Saiu? E ainda pode cantar a velha marchinha de carnaval.Daqui não saio, daqui ninguém me tira, essa "debandada", do PSDB, é só "migué",depois retorna e resolve continuar o apoio e quem sabe, até ser o vice, na próxima eleição,opção de candidato não falta.

Loumari disse...

Gula e Adora Júnior trocam ofensas | A Praça É Nossa

https://www.youtube.com/watch?v=wD5bYHKocwM

ALMANAKUT BRASIL disse...

Início de dezembro de 2017 e ainda tem 12,7 milhões de desempregados.

PT deixa herança maldita ao País, com recessão, alto desemprego e corrupção epidêmica - 30/08/2016

Os 13 anos dos mandatos de Lula e Dilma foram marcados por escândalos, protestos e recessão.

https://noticias.r7.com/brasil/fotos/pt-deixa-heranca-maldita-ao-pais-com-recessao-alto-desemprego-e-corrupcao-epidemica-31082016#!/foto/1