terça-feira, 14 de agosto de 2018

Bolsonaro, Lula-fake e os indecisos



2ª Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Jair Bolsonaro (PSL) e o candidato-fake Luiz Inácio Lula da Silva (PT-PCdoB) lideram a primeira pesquisa espontânea feita após a definição dos 13 que disputarão a sucessão temerária de 2018. Lula lidera a rejeição múltipla (54%), pouco na frente do Bolsonaro (51%). O levantamento da RealTime Bigdata para a RecordTV, que entrevistou 3.200 pessoas entre 10 e 12 de agosto, indica que 47% ainda não sabem em quem votarão para Presidente. Branco ou voto nulo podem estar subestimados: apenas 12%.

Uma quase certeza da eleição é que Lula não vai concorrer. É aposta pule de 13 que Tribunal Superior Eleitoral não permitirá que um condenado por corrupção e lavagem de dinheiro possa disputar, novamente, o Palácio do Planalto. A grande dúvida é se o Presodentro Lula conseguirá transferir votos que as pesquisas lhe atribuem para a chapa real do PT/PcdoB, formada por Fernando Lula Haddad e Manuela D´Ávila. Só o clientelismo e a “Estadodependência” explicam que, na pesquisa estimulada, Lula ostente 29% contra 19% de Bolsonaro – “o inimigo declarado do sistema”.

Quando Haddad substitui seu padrinho Lula, o PT perde força. Bolsonaro vence com 21%. Marina Silva (Rede/PV) vem em segundo, com 11%. Depois, Alckmin (9%) e Ciro (8%) estão empatados tecnicamente. Quem ficou muito mal na fita nesta pesquisa foi o Presidente Michel Temer. Três em cada quatro entrevistados (75%) consideram que Temer faz um governo ruim ou péssimo. Apenas 18% classificam a gestão de regular. Ótimo ou bom? Só 5%... E o Negão da Chatuba desconfia que ouviram a Marcela Temer...

É muito cedo para ter certeza do impacto da pesquisa em um começo de campanha. O negócio só será para valer mesmo quando o fantasma do Presodentro Lula parar de assombrar a urna eletrônica sem direito à recontagem pela impressão do voto – lei que o Judiciário eleitoral mandou descumprir... Enquanto isso, vamos botar o Ciro Gomes para cantar com Raul Seixas...

Releia a primeira edição: Lava Jato tem mais arsenal contra Lula e Dilma



Pedido de socorro aos leitores

Releia o artigo de domingo: O Meu Ladrão de celular na bicicleta

Leitores, amigos e inimigos que quiserem e puderem nos ajudar na “vaquinha” para cobrir o prejuízo com a perda do meu celular instrumento de trabalho, favor depositar qualquer contribuição pelos seguintes meios abaixo.

Desde já, agradeço aos que colaboraram...


Nos botões do lado direito deste site, temos as seguintes opções:

I) 
Depósito em Conta Corrente no Banco do Brasil.
Agência 0722-6, C/C: 209042-2, em favor de Jorge Serrão.

II) Depósito em Conta Poupança da Caixa Econômica Federal ou em agências lotéricas: 2995 013 00008261-7, em favor de Jorge Serrão.

III) Depósito no sistema PagSeguro, da UOL, utilizando-se diferentes formas (débito automático ou cartão de crédito).

IV) Depósito no sistema PayPal, para doações feitas no Brasil ou no exterior.


Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva. Jorge Serrão é Jornalista, Radialista, Publicitário e Professor. Editor-chefe do blog Alerta Total: www.alertatotal.net. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. 
A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 14 de Agosto de 2018.

6 comentários:

Loumari disse...

https://www.youtube.com/watch?v=zluWhdh-ER8

Vai um Açaí?

Jair Bolsonaro também se exerce para progredir criar funcionários fictícios?

Loumari disse...

BOLSONARO DEMITE A WAL deveria contratá-la com o auxilio moradia

Bolsonaro demite funcionaria fantasma após ser confrontado no debate pelo candidato Guilherme Boulos. Se ele fosse ético e correto deveria contratá-la com o auxilio moradia que recebe sem necessidade.

https://www.youtube.com/watch?v=rtR8N1U23Vw

Anônimo disse...

Vão começar a procura de qualquer motivo para tentar criminalizar o Deputado Bolsonaro, visando reduzir o numero de eleitores que já estão com ele. Não vão conseguir.Dizem que ele não tem experiência para governar o Brasil, por nunca ter sido prefeito ou governador, mas Lula, FHC,Dilma, governaram sem terem sido, é só preconceito contra os militares.
O único que nunca errou foi jesus.
Desta vez o Mantega vai virar Margarina nas mãos do Juiz Sergio Moro.
Os militares das Forças Armadas e principalmente suas esposas não esquecem da recomendação dele quando ministro para dar alguma migalha do Lula lá, em Curitiba.
Disse o italiano Mantega: "Por que as mulheres de militares não começam a trabalhar, para ajudar no orçamento?"

Loumari disse...

Nos dirigimos a vós brasileiros e apelamos pelo vosso senso do juízo: Digam-nos por favor: Quando uma pessoa comete intencionalmente um acto e de forma calculada e a acção é ao detrimento de outros e em benefício do autor do acto intencionalmente calculado, como se chama isso? Pode ser considerado de erro?
Nós designamos tal acto de: Delito passivo sobre a pessoa sem voz activa. Exploração de homem pelo homem. O que constitui crime.

Loumari disse...

Judas 1:10 Apesar disso, esses tais, levianamente, difamam tudo o que não compreendem; e se corrompem até nas atitudes mais simples que aprendem por instinto, como animais irracionais, se corrompem.


Jeremias 10:8,21 Mas todos eles são insensatos e loucos; acreditam que podem ser orientados por ídolos de pau.…


Ezequiel 21:31 Derramarei toda a minha indignação sobre cada um de vós; Eu mesmo te entregarei nas mãos de homens brutais e impiedosos, acostumados ao extermínio de pessoas e à destruição total.

Anônimo disse...

Capitão Durval Ferreira diz que os militares são formados para administrar, porque estão preparados para qualquer emergência.