segunda-feira, 24 de setembro de 2018

EsCãodalo



“País Canalha é o que não paga precatórios”

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

“Au, autas” autoridades se fingindo de mortas para não divulgar o resultado da investigação sobre o atentado contra a vida do Mito antes do primeiro turno.

Está na cara que afogarão suas mágoas tomando cerveja Caracú?

Qual será o próximo “Gópi !” (no linguajar ruminante de uma mal placée no cão egresso).

Um pretenso chupim (na verdade um vira-bosta) saiu de seu “olimpo” para atacar um homem limpo.

Basta o esfaqueado ficar quieto que será eleito no primeiro turno num tsunami nunca antes visto na história deste país.

Os adversários salafrários, pouco a pouco , saem dos armários.

O “príncipe” dos traidores da Pátria , agora Cãofessa que apoiará o “poste” num eventual e quimérico segundo turno.

Vá pra P. Q. Paris !

Desmascarado, terminará seus dias cagado (se não pendurado).

Não é por falta de “poste”. Há quem aposte.

Nós, os alarmados e vilipendiados eleitores, já ouvimos o rufar dos tambores.

Nada de vacilo. Apenas camisas amarelas, SEM inscrições.

SEM “gracinhas” de incluir o 17 após a assinatura (anula o voto).

Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

3 comentários:

CaioB disse...

O príncipe traidor? A verdade seja dita!
Mas é um comunista confesso, adepto do clube fabiano, o dos lobos comunistas fantasiados de cordeiros e financiados pela Nova Ordem Mundial.
Devagar e sempre, como uma tartaruga, assim vai ferrando as pessoas de bem que acreditam no progresso, na ordem e também nas outras pessoas.
Grande patrocinador da ascensão do pt e do seu messiânico hoje na cadeia.
Sobre esse tal príncipe recaem culpas pesadas, um carma nada invejável.
Traiu as esperanças dos brasileiros de bem, traiu os brasileiros, traiu seus aliados políticos, traiu até seus companheiros de partido e continua traindo.
Traição? O Geraldo que o diga

CaioB disse...

Meu amável articulista, em uma ocasião foi solicitado esclarecimentos mais específicos sobre os três últimos parágrafos do artigo abaixo.
Um resumo comentado sobre o 666.
Os venenos das serpentes inoculados no e nos comandados estão fazendo as distorções?

"Ratos
Nossos ratos não temem gatos ! Vivem com o Cão egresso que os protege contra qualquer perigo.

Uma bela parábola é tema do livro da escritora francesa Fred Vargas: “Fuja logo e demore para voltar” ISBN: 9788535904840 , Companhia das Letras.

Lidera o movimento de defesa de Cesare Battisti.Vejam:

“O senador Eduardo Suplicy (PT/SP) leu em Plenário carta que a escritora francesa Fred Vargas encaminhou ao ministro Cezar Peluso, do Supremo Tribunal Federal, relator do processo de extradição, a pedido do governo italiano, de Cesare Battisti, ex-integrante de um dos braços das Brigadas Vermelhas. A escritora vem lutando para que o STF confirme a decisão do ministro da Justiça brasileiro, Tarso Genro, que concedeu status de refugiado político a Battisti”. http://www.migalhas.com.br/Quentes/?p=938

Nossa opinião é de que estamos ameaçados por uma nova peste negra: a globalização.

Como num caleidoscópio, o cenário mudou totalmente. Hoje quem está na gaiola foi o “salvador” de ontem.
Ainda bem que temos a felina; se soltar e proteger os gatos, Miau!
A canalha verá que a indignação popular não é fogo de palha.
Os estudiosos do “Apocalipse de São João” acham que o final dos tempos está próximo.
O Mal não conseguiu dominar a Humanidade em razão do obstáculo: a Igreja Católica Apostólica Romana.

*No livro “Joana Tabor 666” do argentino Hugo Wast“ (edição argentina Libreria Cordoba, 2.007,ISBN 978-987-1162-10-9; edição espanhola (com o título de apenas “666”) Bibliotheca Homo Legens, 2.005, ISBN 978-84-934595-2-9) está perfeitamente explicada a situação atual do mundo.

O Papa Francisco, antes de jesuíta (ou comunista), é argentino.

Veneno de cobra se combate com veneno de cobra. Quem viver verá.*

Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.
Postado por Jorge Serrão às 06:57:00 16/04/2018"

ALMANAKUT BRASIL disse...


Daoud: ‘Dólar pode atingir R$ 5,50 se Haddad vencer disputa presidencial’ - 24/09/2018

Já em um cenário que Jair Bolsonaro ganha as eleições, a expectativa do comentarista é de câmbio a R$ 4. A mudança não seria tanta porque o mercado já digere as pesquisas Ibope e Datafolha que indicam o candidato do PSL na frente da disputa.

https://canalrural.uol.com.br/programas/informacao/mercado-e-cia/daoud-dolar-pode-atingir-r-550-se-haddad-vencer-disputa-presidencial