sábado, 23 de março de 2019

DIARRÉIA



Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

Nada como um dia após outro.

Hoje réu; amanhã réia!

Acometida por uma dilmorréia causada por paura bruta, nossa “deusa” caída está da vida p. 

Titânide, filha de Urano e Gaia, ainda não se deu conta de que acabou-se a gandaia.

Devido a sua brilhante capacidade em dizer asneiras sem corar, sempre terá emprego se a coisa piorar.

Sua obstinação em dobrar a meta, transforma-la-á em olímpica atleta.

Assalto com vara (junto com a comunidade porcina); Fung Ku (variante de Kung Fu); ciclismo (ou cinismo?). Também compete tomando grapete?

Acabado o verão, como as coisas ficarão?

Neste outono esquivo já há um bolo esportivo.

Quem será o próximo depenado?

Ou, quem será o primeiro tucano a entrar pelo cano ?

Para sermos breves, invocaremos o abominável homem das neves.

O bom cabrito não berra; nem no planalto, nem na serra.

Cairá na armadilha o pá d'ilha da fantasia; pá de cal sobre o mourisco maioral?

Ficará ao Deus dará o Juquinha de cá?

Maracujáquico suco para eliminar tanto muco?

Em tempos bicudos quais serão os escudos?

O urubusário está caipora. Quem primeiro cairá fora?

Até estourar da impunidade a bolha, recomenda-se o uso de champagnica rolha. 

Nada será igual após o uso de laxantes.

Nem, deste país nunca dantes na história, viu-se passar à merda a glória.

Tenho dito. Será o benedito?

Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

Nenhum comentário: