sexta-feira, 30 de outubro de 2009

Pinguços, uni-vos! Lula deve sancionar lei instituindo que 13 de setembro será o Dia Nacional da Cachaça

Edição do Alerta Total - www.alertatotal.net
Leia também o Fique Alerta – www.fiquealerta.net

Por Jorge Serrão

Enfim, uma lei que o chefão Lula da Silva sancionará com o maior prazer. A Comissão de Educação da Câmara aprovou, quarta-feira passada, a importante criação do Dia Nacional da Cachaça. A data para celebrar a água que passarinho não bebe, mas que o presimente adora, será dia 13 de setembro. Assim que for aprovado no plenário da Câmara e depois no Senado, Lula toma todas as providências para colocar tudo em vigor em regime de urgência urgentíssima.

Cachaceiros do Mundo, uni-vos! O autor do projeto que institui o Dia da Pinga é o ruralista Valdir Colatto (PMDB-SC). O relator do projeto, Reginaldo Lopes (PT-MG), deu parecer favorável, alegando que a cachaça já foi incorporada ao cotidiano de milhares de brasileiros, além de conquistar consumidores na Europa, EUA e até Austrália e Nova Zelândia.

O argumento em defesa de um marketing para a nossa caninha é econômico. Depois de muita briga diplomática, a cachaça foi reconhecida internacionalmente como bebida exclusivamente brasileira. O Brasil produz hoje quase 1 bilhão de litros da branquinha. No entanto, por incompetência comercial, exporta apenas 1% da produção.

O dia 13 de setembro tem um significado histórico. Nesta data, em 1661, o Brasil Colônia vivenciou a “Revolta da Cachaça”. Produtores de cana-de-açúcar da região de São Gonçalo, no atual Estado do Rio de Janeiro, promoveram uma rebelião contra a Corte Portuguesa. Os lusitanos queriam proibir a fabricação e a comercialização da aguardente. Sem a revolta, o Brasil não teria cachaça.

Belo emprego

Um cachaceiro militante já tem uma ideia de emprego para Lula, assim que ele deixar o poder a partir de janeiro de 2011.

Ele seria o Embaixador da Cachaça Brasileira.

Assim, poderá tomar todas, com todo respaldo popular e institucional, até o seu retorno triunfal ao Planalto, a partir de 2015 - conforme previsão de seus estrategistas.

Presença na Realeza

Um sinal evidente de que o Bradesco está bem na fita com a Oligarquia Financeira Transnacional.

O banco marcará sua presença na festança em que Stalinácio receberá o prestigiado Chathan House Prize, no próximo dia 5 de novembro, em Londres.

Na sexta-feira, dia 6, acontece, na capital do Império Britânico, o “Bradesco Day” – uma super reunião com analistas e investidores internacionais, comandada por Luiz Carlos Teabuco Cappi e Antonio Bornia.

Little Delay

O Superior Tribunal de Justiça resolveu adiar, por mais três sessões, o julgamento do processo que se arrasta há mais de sete anos do Bradesco contra o Cade.

O STJ decidirá se cabe ou não ao Conselho Administrativo de Defesa Econômica julgar operações de fusões e aquisições no setor financeiro.

O Bradesco move a ação porque, em 2001, o Cade mandou desfazer a operação de compra do BCN, ocorrida em 1997, por quase R$ 1 bilhão.

Há quem diga que o pequeno atraso no julgamento, previsto inicialmente para anteontem, seja para não atrapalhar a semana londrina do Bradesco...

Súditos do Poder Real

O Grande Filho do Brazil, Lula da Silva, receberá o prêmio Chathan House Prize (por sua trajetória política e seu trabalho na redução das desigualdades).

O Itamaraty articula mais um encontro de nosso “rei” com a rainha Elizabeth II, no Palácio de Buckingham, além de um cafézinho com o primeiro-ministro britânico, Gordon Brown.

Será a segunda visita de Lula ao Reino Unido este ano, já que em abril, ele participou da reunião do G-20 (grupo de países ricos e emergentes) – quando também foi “beijar a mão” da sua querida patroa-rainha e seu primeiro-ministro.

Viajando sem parar

Até o fim de dezembro, Lula passará mais 13 dias fora do país, totalizando 81 dias no exterior em 2009.

Neste ano, terá ido a 30 países - quatro a mais que no ano passado, quando passou 70 dias longe do Brasil.

Nesta sexta-feira, Lula está na Venezuela, onde se encontra com Hugo Chávez.

Acompanham o presidente nesta visita, a ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Roussef, o ministro de Relações Exteriores, Celso Amorim, o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, o ministro de Comunicação Hélio Costa, e o Assessor Especial da Presidência, Marco Aurélio Garcia.

Mais viagens

Nos dias 15 e 16 de novembro, Lula deve ir a Roma, para o encontro do Programa das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO).

Em dezembro, a programação segue por Estoril, em Portugal, para a Cúpula Ibero-americana, além de visitas à Ucrânia e à Alemanha.

Antes do fim do ano, Lula tem programado encontro com o presidente Alan García, no Peru, e reunião do Mercosul, no Uruguai.

Sua agenda reserva dois dias para a cúpula sobre clima em Copenhague, na Dinamarca.

Governo madrasta

Em entrevista publicada no jornal venezuelano "El Universal", Lula comparou seu governo ao de Hugo Chavez.

Destacou que ambos causam desconforto às elites por governar para os mais pobres.

Ao exaltar os programas sociais do próprio governo, Lula se comparou a uma mãe que cuida de todos os filhos com carinho, mas dá mais atenção aos mais carentes:

Desde que assumi o mandato, procurei governar para todos, mas especialmente para os mais pobres. Costumo comparar essa atitude com a de uma mãe, que cuida com carinho de todos os filhos, mas dedica mais atenção aos que mais precisam dela. Ao fazer isso, sofri muitos ataques, mas os fatos mostraram que os programas sociais tiveram um efeito multiplicador extraordinário”.

Entra tudo

Lula comentou ontem que os senadores brasileiros "amadureceram" ao aprovarem, na Comissão de Relações Exteriores do Senado, o ingresso da Venezuela no Mercosul. Agora, a decisão deve ainda passar pelo plenário do Senado.

"Ainda falta uma etapa que é a votação no plenário, mas estou convencido que os senadores brasileiros, depois de tanto tempo de debate interno, amadureceram e hoje eu acho que a grande maioria tem consciência da importância desta parceria".

Foram palavras do chefão durante discurso na cerimônia de inauguração do Consulado Geral do Brasil e do escritório da Caixa Econômica Federal em Caracas.

Dureza

A adesão da Venezuela ao bloco foi aprovada depois de meses de discussões e polêmica entre parlamentares governistas e de oposição.

O substitutivo favorável à entrada da Venezuela no Mercosul, apresentado pelo líder do governo no Senado, Romero Jucá (PMDB-RR), foi aprovado por 12 votos contra cinco.

O relator, senador Tasso Jereissati (PSDB-CE), havia apresentado parecer contrário ao ingresso do país no bloco, que foi rejeitado por 11 votos contra seis.

Parceria$

Na sexta-feira, Lula e Chávez viajam ao município de El Tigre, no Estado de Anzoátegui.

Eles participam da colheita da soja produzida em cooperação com a Embrapa.

No encontro, as estatais petroleiras PDVSA e Petrobras aproveitam para assinar o enrolado o acordo de associação para a criação da empresa mista que deverá operar na refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco.

Niponizados

Outro acordo previsto é a adesão da Venezuela ao padrão nipo-brasileiro de TV digital.

Além da Venezuela, Argentina, Chile e Peru já adotaram esse padrão.

O ministro Hélio Costa está rindo de orelha a orelha.

Paguem antes

Bem Self, marketeiro do Obama, cobrou a merreca de US$ 10 milhões de dólares para montar um sistema de campanha presidencial para o PT, na Internet.

Como não é otário, o norte-americano exige o pagamento de 50% adiantados.

Tudo indica que os petistas devem fechar com ele mas por um precinho bem menor (que será anunciado oficialmente pra não assustar o TSE).

O resto da grana que o marketeiro deseja, como de costume, será bem pago por fora...

Legiões no Judiciário

O General de Exército Augusto Heleno tem palestra agendada na Escola de Magistratura do Estado do Rio de Janeiro no próximo dia 9 de novembro, às 16 horas.

O Chefe do Departamento de Ciência e Tecnologia do Exército Brasileiro falará sobre o tema “Geopolítica da Amazônia – uma visão sumária”.

Heleno foi convidado pela Presidente do Fórum Permanente de Direito do Ambiente, Desembargadora Maria Collares Felipe da Conceição.

O evento acontece no Auditório Nelson Ribeiro Alves - EMERJ, na Av. Erasmo Braga, 115 – 4º andar.

É brincadeira não

O Sindicato dos Servidores de São José dos Campos e vereadores da oposição pega, no pé do prefeito Eduardo Cury (PSDB).

Tudo porque ele aceitou pagar um cachê de R$ 8.000 para que a apresentadora infantil Maisa, do SBT, comparecesse na quarta-feira pasada a um evento em homenagem ao Dia do Servidor Público.

É mais uma prova de como se brinca com o dinheiro público no Brasil.

Promessa é dívida

O presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministro Gilmar Mendes, promete para o ano que vem um sistema eletrônico de acompanhamento em tempo real dos gastos do Poder Judiciário em todo o País.

O sistema funcionará nos moldes do Siafi, que compila as despesas do poder público federal.

Gilmar constata que a forma como os tribunais gastam dinheiro público passou a ser uma preocupação maior a partir de inspeções realizadas nos estados pelo Conselho Nacional de Justiça (CNJ), órgão que também preside.

Viva a maconha

O deputado Paulo Teixeira (PT-SP) defende a legalização da maconha e o uso e o porte de pequenas quantidades para consumo pessoal.

O parlamentar petista também é a favor do plantio da maconha para consumo pessoal, desde que com acompanhamento médico:

O nosso país também precisa regular o autoplantio, com licenças concedidas pelo Ministério da Saúde e acompanhamento médico, para permitir que, as pessoas que queiram, possam consumir maconha sem ter de recorrer a criminosos para adquiri-la”.

O parlamentar foi escolhido pelo Ministério da Justiça o interlocutor do governo para revisão da lei sobre drogas.

Vida que segue...

Ave atque Vale!

Fiquem com Deus.

O Alerta Total tem a missão de praticar um Jornalismo Independente, analítico e provocador de novos valores humanos, pela análise política e estratégica, com conhecimento criativo, informação fidedigna e verdade objetiva.

A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Em nome da ética democrática, solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. Nada custa um aviso sobre a livre publicação, para nosso simples conhecimento.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 30 de Outubro de 2009.

7 comentários:

Anônimo disse...

Programas sociais multiplicadores... de votos. Viagens a cada semana levando a corte. (Os governantes de fora pouco viajam, muito menos para o Brasil)...A Inglaterra agradecida pelos bons serviços do "cara" para os banqueiros da nova ordem mundial.
E tome maconha!

Anônimo disse...

Os colecionadores de pinga vão ter suas ações em aumento na Bolsa de Valores da Pingolândia. Que bom!

Alzira disse...

. Essa lei instituindo o "Dia Nacional da Cachaça" abre espaço para que se crie o "Dia Nacional do Crack". Desse Brasil transformado podemos esperar tudo...

Anônimo disse...

Serrão

Não é que o Bradesco está bem na fita, é a Rainha que quer UM(A) VALE!, porque Dilma e Agnelli também estão lá!

Airton Leitão disse...

Lula vai vetar essa lei. Ele é capaz de pensar que só vai poder beber uma vez por ano, em 13 de setembro.
E falta quase um ano!!!

Anônimo disse...

DE CUBA COM CARIÑO - UN REGALO DE LOS HERMANITOS CASTRO A LOS IDIOTAS ÚTILES DE BRASIL

HEITOR DE PAOLA 29/10/2009


Leia isto, por favor.
Aqui: http://www.heitordepaola.com/

Indignada.com, disse...

Recuso-me a aceitar esse bebum como pai, mesmo que seja só em sentido figurado. Eu já tenho um pai que não é mentiroso, não é bebum, não é cínico, não é corrupto, não é... Vá se danar nos quintos, Sapão odioso!