domingo, 15 de dezembro de 2013

O engodo automobilístico

Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Alberto Ramos Soares de Queiroz

Já faz muito tempo que  o General francês Charles DeGaulle, na época Presidente da França, referindo-se ao governo militar, brasileiro, da época, disse que o Brasil não era um pais sério”. Ele tinha plena razão. Hoje nós podemos dizer que, essa afirmação, continua a ser a mais pura verdade.

O governo do Partido Trambiqueiro, dos PeTralhas, continua  não sendo sério e nem confiável, é falso, é enganador, é desacreditado, é sem vergonha,  ninguém confia nos atos da presidente Dilma, tem um Ministro da Fazenda, ignorante, despreparado, desqualificado, incompetente e vira bandeira. Esse episódio do adiamento da instalação de ABS e Air-bags, como equipamento original de fábrica, nos veículos aqui fabricados, para evitar o aumento no valor dos veículos e por isso aumentar a inflação, beira as raias da mais absurda falsidade e ridicularidade e falta de honestidade do Ministro Mantega.

Com esse argumento  fajuto, mentiroso e falso, esse ministrinho de terreno baldio, tenta convencer a presidente a prorrogar a obrigatoriedade da exigência, para as montadoras, da instalação, original, desses acessórios que são importantíssimos para proteger a vida das pessoas que estão sendo transportadas nos veículos. Pais rico é pais sem safadeza. Brasil um pais de tolos e bobos.        


Carlos Alberto Ramos Soares de Queiroz é Advogado.

Um comentário:

marcos disse...

Este argumento da inflação é uma mentira. Já estamos em um ambiente inflacionário, haja visto que nossa dívida interna atingiu a marca dos 2 trilhões. (quanto maior a dívida pública, maior será a inflação).