sábado, 21 de setembro de 2019

Prepare-se para o inimaginável



Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net
Siga-nos no Twitter - @alertatotal

Previsão estratégica para daqui a pouco? Melhor apostar na ocorrência do inimaginável. Tempos atrás, a eleição de Jair Bolsonaro para Presidente fazia parte do imprevisível e do improvável. O realismo fantástico produziu o que parecia impossível. Agora, gostando ou detestando, é preciso aprender a conviver com um Presidente diferente, fora dos paradigmas normais, em seus acertos e erros, em suas virtudes e pecados, em suas qualidades e defeitos.

A realidade em transformação rápida produzirá surpresas para quem não é cego, porém prefere não enxergar a verdade objetiva, provável ou previsível. A baixa de juros básicos da economia, uma tendência mundial na qual o Brasil embarca tardiamente, provocará uma mudança radical na postura das empresas, financeiras ou não. Elas terão de investir, de verdade, na qualidade de sua atividade-fim. Parecem com os dias contados os lucros de tesouraria, com receitas financeiras turbinadas pelo rentismo sem trabalho. Os ineficientes irão para o saco ou serão engolidos por concorrentes (principalmente de fora do País).

Ainda persiste a dúvida se Bolsonaro conseguirá cumprir a promessa de privatizar sem cometer “privataria” ou “privadaria” (no sentido escatológico). Mas a abertura da economia brasileira é um processo inevitável e irreversível, mesmo que demore mais tempo que o ideal e o desejável. O Brasil tem de se transformar em um País Capitalista Democrático. Uma grande leva de empreendedores, muitos ainda operando na transição da informalidade para uma mínima organização empresarial, já agem como ousados capitalistas.

Infelizmente, o Crime Institucionalizado se reinventa rapidamente para manter o regime Capimunista Rentista, que privilegia os barões cafetões do setor público e os corruptos “estadodependentes”. Felizmente, a maioria que estuda, trabalha e produz já consegue identificar seus inimigos reais, e investem, do jeito que podem, na mobilização para condenar e combater a bandidagem organizada, do jeito que for possível.

O Estado-Ladrão precisa ser destruído por uma nova Constituição enxuta, com regras claras que demandem quase nenhuma interpretação judiciária e que garanta três pontos fundamentais: 1) Segurança do Direito (Democracia); 2) Transparência Total do setor público; 3) Fiscalização direta pelo cidadão-eleitor-contribuinte. Assim, os brasileiros terão legalidade, legitimidade e liberdade para viver e evoluir.

O Estado-Ladrão ainda abusa do poder e investe no autoritarismo para garantir a roubalheira. No entanto, a reação é crescente. A revolução brasileira está em andamento. As pré-condições históricas e culturais para a mudança estrutural começam a amadurecer com os mínimos debates e muitas provocações em favor das reformas estruturantes. O processo é irreversível e inevitável. Indo bem ou mal, Bolsonaro promove a transição. O atraso e o avanço estão saindo na porrada, na guerra de todos contra todos os poderes.

Por isso, cada um deve fazer sua parte, preparando-se para assistir a coisas inimagináveis. Quem não se adaptar às mudanças tende a se ferrar. A nova realidade exige muito estudo, trabalho e postura estratégica. Foco total nas soluções – e não na amargura com problemas deprimentes. Previamente, já se sabe que o jogo é bruto. Só que valerá a pena de ser jogado. O potencial do Brasil precisa ser efetivamente realizado.

Faxineiros, uni-vos! Lixarada, tremei... O Brasil dos juros mais baixos vai surpreender muita gente, positiva ou negativamente...

Mocinho é Mocinho...


Inteligência Artificial Coletiva: Tirar a ficção científica do mundo dos sonhos e colocá-la a serviço da organização política do cidadão brasileiro. Assista a entrevista do cientista político e empresário vanguardista Fábio Chazyn ao programa Direito e Justiça em Foco de domingo, 22/9, às 22hs na Rede Gospel. "Mocinho é Mocinho. Bandido é Bandido"...




Releia o artigo: Impressões sobre a realidade bolsonariana




Vida que segue... Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

Jorge Serrão é Editor-chefe do Alerta Total. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos.  A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Apenas solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas.

© Jorge Serrão. Edição do Blog Alerta Total de 21 de Setembro de 2019.

Nenhum comentário: