quarta-feira, 10 de junho de 2020

PROPAROXÍTONAS



Artigo no Alerta Total – www.alertatotal.net
Por Carlos Maurício Mantiqueira

Por um átimo pensei sentir um zéfiro.

Ledo engano. Um íncubo e seu súcubo querem “vender” caro sua iminente derrota.

O resto é lorota.

Enquanto a Onça não calça a bota, nossa amada bandeira desbota.

Tágides perdem sua graça diante de tanta desgraça.

Cágados, cagados e togados, urubus flagelam seus gados.

Mártires de propósitos hediondos de flácidas nádegas, perecem em lugar dos que merecem.

Sátrapas de uma nação dispersa terão sua Termópilas.

Trezentos bravos e unidos, deixá-los-ão vencidos.

Leônidas de Esparta manda-los-á ao raio que os parta.

Escríneos objeto de seus fascínios abjetos, serão efêmeros e sem parâmetros.

Sentirão os látegos da indignação popular da qual não se pode escapar.

As margens plácidas do Ipiranga ouvirão um novo grito retumbante.

E o sol da Liberdade em raios fúlgidos brilhará sobre a Pátria nesse instante.

Calhordas sem escrúpulos não passam de meros lúpulos.

Hoje nos dão seu amargor; amanhã definharão como um rizoma endurecido no inverno (ou inferno?).

Carlos Maurício Mantiqueira é um livre pensador.

Um comentário:

Anônimo disse...




É a guerra de quinta geração, sr Carlos Maurício. Veja essa análise bacana do que ocorreu na época do Regime Militar.
Com o monopólio da informação (desinformação) que podemos chamar de máquina de moer carne, ninguém pode. Às vezes precisa recuar. As elites satanistas são predadoras e com muito dinheiro à custa de roubar, saquear os países dos outros através dos seus tentáculos revolucionários marxistas, traidores dos povos de suas nações.
O marxismo precisa ser criminalizado. Isso nada mais é que ideia dos mega capitalistas monopolistas que fingem combater o capitalismo para cooptar revolucionários para participar dos altos cargos dos governos para defender seus interesses dentro de cada país. São criminosos predadores.




https://www.youtube.com/watch?v=fvIoj22Iofo&feature=youtu.be