domingo, 4 de abril de 2021

Coelho não bota ovo… Mas Gato pega Rato!


Edição do Alerta Total – www.alertatotal.net

Por Jorge Serrão - serrao@alertatotal.net

Siga-nos no Twitter e Parler - @alertatotal

Sempre que se aproxima a Semana Santa, meu eterno amigo Nelson Couto (o Xerife da Confraria do Garoto) repete a mesma sentença emblemática: “Coelho não bota ovo”. Tem toda razão o veterano memorialista, guardião perpétuo da cultura e do bom humor carioca. Na Páscoa sob domínio do funéreo Poder Covidiário, o Covidão e a Inflação, dois monstros terríveis, complicaram a vida de quem ousou comprar o tradicional ovo de chocolate. O da galinha também “está com o preço pela hora da morte” - como reclamariam os antigos.

Haja paciência, força, resiliência e vacina! O povão da Republiqueta Capimunista de Bruzundanga é obrigado (e se aceita) sobreviver em meio a uma das mais graves crises (institucional, estrutural, moral, política e econômica) de sua História (viciadamente mal contada). Faltam soluções sábias. Sobram problemas que se repetem e ainda surgem novos. O debate sobre a realidade é insano, pobre, confuso, fora de foco. Tudo contaminado pela mais pura burrice com extremismo político e radicalismo ideológico. Resultado: cada vez mais conflito, desunião e caos.

Perspectiva boa: Brevemente, em um mês ou dois, teremos vacina a  dar com pau. As Forças Armadas, amadas ou não. vão entrar com tudo na guerra pela vacinação. O aviso foi dado no sábado de aleluia por Jair Messias Bolsonaro, enquanto filava um prato de canja em uma instituição de caridade católica, em Brasília, na companhia do ministro da Defesa, Braga Netto. Os inimigos alopraram com a notícia e ficaram mais pts da vida quando Bolsonaro se levantou e lavou a louça - gesto repetido pelo General que o acompanhava em um passeio de moto.

Perspectiva mais ou menos: A atividade econômica deve demorar a recuperar a normalidade, com retomada de crescimento, empregos, geração e distribuição real de renda. No entanto, podemos ter surpresas positivas graças ao agronegócio - que gera prosperidade em muitas e importantes cidades do interior do País. O jeito será tomar vacina assim que estiver disponível e correr atrás do prejuízo gerado pelos estúpidos “lockdowns” (na verdade, “loucodowns”).

Politicamente, a pancada continuará comendo. A sucessão presidencial de 2022 já foi deflagrada desde 1 de janeiro de 2019, tão logo Bolsonaro foi entronizado no “trono” do Palácio do Planalto. A única saída para o Presidente é focar na governança, com menos falatório, polêmica e factóides. Bolsonaro tem uma bala de prata para dar uma acalmada nos inimigos: acertar na escolha do ministro que substituirá Marco Aurélio de Mello, que se aposenta dia 5 de julho. Se conseguir tal “milagre” e contiver o vício traidor do inconfiável Centrão, Bolsonaro sobrevive e tem chance real de reduzir ou travar o desgaste de imagem. Assim, terá liberdade para decidir se disputa a reeleição ou se tira o time e apoia algum nome de confiança.

O desafio imediato é se salvar da armadilha do orçamento federal aprovado (com muito atraso) pelo Congresso Nacional. Se não cortar gastos, corre risco de acabar denunciado por crime de responsabilidade fiscal - o que pode render impeachment. Se exagerar na tesourada, pode gerar mais insatisfação na inconfiável base aliada, que vota imediatamente contra o Presidente e o Governo, em caso de perda das boquinhas das emendas parlamentares. No meio dessa confusão, está Paulo Guedes. O ministro da Economia, mais que nunca, agora está na corda bamba.

Resumindo: Os ratos seguem de plantão para matar a galinha e roubar seus ovos de ouro. A margem de Bolsonaro para errar se reduz a cada instante e a cada decisão. Bolsonaro não tem como botar ovo, mas precisa acertar na hora de tirar alguns coelhos da cartola. A indicação do próximo supremo magistrado e o volume da canetada orçamentária são desafios imediatos, junto com o acerto na logística de vacinação em massa.

O Establishment quer que Bolsonaro se dane. Os demônios do mercado estão em cima do muro, vendo para que lado (céu ou inferno) penderá Bolsonaro. O Centrão só quer levar vantagem em tudo (certo?). A oposição perdida tenta achar o “boneco de centro” para se contrapor a Bolsonaro e Lula. O covidão segue amedrontando, contaminando e matando. A classe média, apavorada e desconfiada, está cética em relação ao sucesso de Bolsonaro. Se o Presidente não der um cavalo de pau na economia, tem tudo para se ferrar politicamente. 

Desconfiado, apavorado e insatisfeito, o povão ensaia dois movimentos em inércia. Espera que a cartola fabrique o mágico. E torce para o coelhinho da Páscoa botar um lindo ovo dourado. Enquanto isso, o Mecanismo do Crime Institucionalizado se reinventa. Segue dominando tudo e quase todos. O mundo real é cruel.

Feliz Páscoa - inclusive para a parte não cristã da humanidade!

Releia o artigo: Dia de malhar o Judas. Adivinha qual deles?  

Festejando...



Celebro cinco ponto cinco com um presente de grego: o coelhinho da Páscoa falsificado... É o gato Trevis, muito pt da vida com a fantasia… Vira-lata nobre, de olho azul, encontrado quase morto na beira de uma estrada em cidadezinha do interior, mas que supera a deficiência física com alegre gatunagem… Como diria algum comuna chinês, não importa o gato, o importante é que ele pegue os ratos… Em Bruzundanga, tem de sobra… Mas o povão precisa ajudar os gatos do bem...









Adquira, também, o livro A ÚLTIMA MARCHA DA MAÇONARIA.

Para maiores informações clique aqui:

https://loja.umlivro.com.br/a-ultima-marcha-da-maconaria/p

Ave atque Vale! Fiquem com Deus. Nekan Adonai!

Jorge Serrão é Editor-chefe do Alerta Total. Especialista em Política, Economia, Administração Pública e Assuntos Estratégicos. Secretário-Geral do Ibrasg - Instituto Brasileiro de Ativismo Societário e Governança.  A transcrição ou copia dos textos publicados neste blog é livre. Apenas solicitamos que a origem e a data original da publicação sejam identificadas. 

© Jorge Serrão 5.5. Edição do Blog Alerta Total de 4 de Abril de 2021.

7 comentários:

Loumari disse...

FELIZ aniversário Jorge Serrão. 🕊️ ❤️

Damos-lhe as graças pelo espaço que nos tem concedido no seu espaço dos comentários.

Desejando-lhe excelente continuação.

Maria de Lourdes Paiva

Loumari disse...

Fim de semana da Páscoa em Lourdes: peregrinos quase ausentes, mas audiências que explodem

O santuário católico de Lourdes, no sudoeste (França), multiplicou por cinco suas audiências em canais e redes católicas globais.

Na tarde de sábado, 3 de Abril, cerca de quinhentos peregrinos percorreram os caminhos que conduzem à gruta milagrosa, onde, segundo a tradição católica, a Virgem Maria apareceu a Bernadette Soubirous em 1858.

Um site que está a funcionar na lentidão, enquanto nada menos que "15.000 a 20.000" pessoas costumam frequentar o santuário "em anos normais", indica o director de comunicações David Torchala.

No ano passado, em total confinamento, o santuário de Nossa Senhora de Lourdes foi fechado ao público pela primeira vez na sua história, por este momento-clave da fé católica que marca o início de sete meses de peregrinações.

“A TV Lourdes tornou-se uma verdadeira estação de manobra para parceiros de TV's e redes sociais”, sublinha o Sr. Torchala, acrescentando, “em 20 anos nunca tinha visto tantas novidades como nos últimos meses: é um santuário que se reinventa”.

Assim, "desde o primeiro confinamento, as audiências das retransmissões multiplicaram-se por cinco, atingimos cinco milhões de telespectadores e ouvintes ao vivo através de cinco parceiros internacionais de TV", em particular "o canal francófono, muito seguido no Oriente, KTO mas também a antena italiana TV 2000 ou mesmo o canal americano EWTN ”.

Par Le Figaro avec AFP

https://www.lefigaro.fr/actualite-france/week-end-pascal-a-lourdes-des-pelerins-quasi-absents-mais-des-audiences-qui-explosent-20210403

Rodrigo Almeida disse...

Saudações rubro negras

Chauke Stephan Filho disse...

Um gatinho morrendo abandonado na beira de uma estrada em cidadezinha do Interior...

Que triste! Logo ali, onde ele teria tanto espaço para brincar, caçar, ser feliz.

Felizmente o gato Trevis foi salvo. Serrão agiu belamente, salvando esse animal muito amável que é o gato.

Aliás, fico angustiado diante de gatos e cachorros abandonados, perco a minha paz.

Anônimo disse...

Parabéns Serrão !
🍻🎂🍰
Pelo aniversário e por ter salvado o Travis !
👏👏👏👏
Grande abraço, Ronald !

ALMANAKUT BRASIL disse...

Daniel Mastral afirma que maçonaria planeja derrubar Bolsonaro até 27 de abril - 03/04/2021

O escritor Daniel Mastral participou de um podcast e falou sobre a intenção da Maçonaria em tirar o presidente Jair Bolsonaro do cargo até o fim de abril, e citou o fato de o vice-presidente, general Hamilton Mourão (PRTB) ser alguém “influenciável” pela cúpula da sociedade fechada.

https://noticias.gospelmais.com.br/daniel-mastral-maconaria-derrubar-bolsonaro-abril-145382.html

aparecido disse...

Coelho não bota ovo.... mas aqui os ratos correm atrás do gato e pegam ele .. o gato e suspeito !!!!!!